Literatura Brasileira

AUTORIA, PESQUISA, REVISÃO, ORGANIZAÇÃO: JOSÉ CARLOS DUTRA DO CARMO.

Este arquivo é uma cortesia de JOSÉ CARLOS DUTRA DO CARMO, que sempre tem por filosofia de vida ajudar o próximo da melhor maneira possível.

SITE: www.sitenotadez.net, já acessado por mais de 17 milhões de pessoas.

E-MAILs: sitenota1000@gmail.com - sitenotadez@sitenotadez.net

Os livros ora indicados foram pesquisados nas HOMEPAGES das Livrarias Cultura, Siciliano e Submarino.

Adquira primeiramente os livros de autores com três (3) ou mais obras, ou seja, daqueles cujos nomes e respectivos livros estão assinalados com a cor VERMELHA.

É mais aconselhável, pelo menos no início da aquisição, comprar livros com preços até R$ 30,00, no máximo.

Com essa iniciativa criteriosa e inteligente se conseguirá atingir um número bem maior de escritores, o que é muito importante em termos de diversificação de textos.

Quando for comprar livros, vá aos SITES da Cultura (www.livrariacultura.com.br), Siciliano (http://www.siciliano.com.br/) ou Submarino (http://www.submarino.com.br/), selecione AUTOR e, em seguida, digite o nome do escritor desejado, oportunidade em que, após clicar OK, aparecerá a relação de todas as suas obras, com os preços de cada uma.

Usar cartão de crédito para comprar por intermédio da Internet é muito perigoso.

Poderá correr o sério risco de ver seu cartão clonado futuramente.

Portanto, é mais seguro utilizar BOLETO BANCÁRIO no pagamento de quaisquer produtos.

LITERATURA BRASILEIRA.

2.353 ESCRITORES.

4.751 LIVROS.

EM ORDEM ALFABÉTICA.

ABÍLIO DINIZ:

—ABÍLIO DINIZ CAMINHOS E ESCOLHAS.

A. D. FROSS:

—A MALDIÇÃO DE MAR SABA.

A. S. FRANCHINI:

—EM MARES NUNCA NAVEGADOS.

ABEL SILVA:

—SÓ UMA PALAVRA ME DEVORA.

ABRAHÃO E BERTHA GRINBERG:

—HISTÓRIAS REAIS QUE A VIDA ESCREVEU.

ABRAM ZYLBERSZTAJN:

—AS MELHORES PIADAS DO HUMOR JUDAICO.

ACHEL TINOCO:

—VILAREJO DOS ANJOS.

ADA PELLEGRINI GRINOVER:

—A GAROTA DE SÃO PAULO.

—MORTE NA USP.

ADÃO PEREIRA NUNES:

—CONVERSA DE PLANTÃO.

ADEICE S. BARROS:

—SALADA DE CAPITÃES.

—UM JEITO TORTO DE VIR AO MUNDO.

ADELAIDE CARRARO:

—O ESTUDANTE.

—OS AMANTES.

ADÉLIA PRADO:

—BAGAGEM.

—CAMINHOS DE SOLIDARIEDADE.

—QUALQUER AMOR FILANDRAS.

ADELICE S. BARROS:

—IANA SOL &SOMBRA.

—PRISIONEIROS DO VENTO SUL.

ADELINO BRANDÃO:

—OS INVASORES.

ADELTO GONÇALVES:

—BARCELONA BRASILEIRA.

ADEMIR ASSUNÇÃO:

—ADORÁVEL CRIATURA FRANKENSTEIN.

ADILSON VILAÇA:

—A SUAVIDADE DO SOL POENTE.

—CARINHOS DE SOLIDÃO LILÁS.

—CORAÇÃO ILHÉU.

—COTAXE.

—MEMÓRIA DO PRIMEIRO TEMPO.

ADOLFO BOOS JÚNIOR:

—PRESENÇAS DE PEDRO CIRILO.

ADOLFO CAMINHA:

—A NORMALISTA.

—BOM-CRIOULO.

ADONIAS FILHO:

—AS VELHAS.

—CORPO VIVO.

—LÉGUAS DA PROMISSÃO.

—LUANDRA BEIRA BAHIA.

—MEMÓRIAS DE LÁZARO.

—NOITE SEM MADRUGADA.

—O FORTE.

—O HOMEM DE BRANCO.

—O LARGO DA PALMA.

—OS SERVOS DA MORTE.

—SUL DA BAHIA CHÃO DE CACAU.

ADRIANA ARMONY:

—A FOME DE NELSON.

ADRIANA FALCÃO:

—A COMÉDIA DOS ANJOS.

—A MÁQUINA.

—HISTÓRIAS DOS TEMPOS DE ESCOLA, MEMÓRIA E APRENDIZADO.

—O DOIDO DA GARRAFA.

ADRIANA LISBOA:

—CALIGRAFIAS.

—OS FIOS DA MEMÓRIA.

—SINFONIA EM BRANCO.

—UM BEIJO DE COLOMBINA.

ADRIANA LUNARDI:

—AS MENINAS DA TORRE HELSINQUE.

—VÉSPERAS.

ADRIANA MARIA MACHADO HAYASHI:

—TEIA.

ADRIANO BONFIM:

—CHARGES DA VIDA REAL.

ADRIANO ESPÍNOLA:

—BEIRA SOL.

ADRIANO MESSIAS:

—HISTÓRIAS MAL-ASSOMBRADAS EM VOLTA DO FOGÃO.

ADRINO ARAGÃO:

—OS FILHOS DA ESFINGE.

AFFONSO LOPES VIEIRA:

—O ROMANCE DE AMADIS.

AFFONSO ROMANO DE SANT’ANNA:

—A GRANDE FALA DO ÍNDIO GUARANI E A CATEDRAL DE COLÔNIA.

—A RAIZ QUADRADA DO ABSURDO.

—A VIDA POR VIVER.

—AFFONSO ROMANO DE SANTANNA.

—CRÔNICAS ESCOLHIDAS.

—MELHORES CRÔNICAS DE AFFONSO ROMANO DE SANT'ANNA.

—O HOMEM QUE CONHECEU O AMOR.

—O LADO ESQUERDO DO MEU PEITO.

—PEQUENAS SEDUÇÕES.

—PERFIS EM ALTO-RELEVO.

—POESIA REUNIDA, 1965 A 1999-VOLUME 2.

—QUE FAZER DE EZRA POUND.

—TEXTAMENTOS.

AFONSO FÉLIX DE SOUZA: 

—À BEIRA DO TEU CORPO.

—CHAMADOS E ESCOLHIDOS.

AFONSO HENRIQUES NETO:

—MELHORES CONTOS DE JOÃO ALPHONSUS.

AFONSO SCHMIDT:

—SÃO PAULO DE MEUS AMORES.

AFRÂNIO COUTINHO:

—ENCICLOPÉDIA DE LITERATURA BRASILEIRA-2 VOLUMES

AGAMENON MENDES PEDREIRA:

—AGAMENON NA COPA.

—AJUDA-TE A MIM MESMO.

AGATHA CHRISTIE:

—A MÃO MISTERIOSA.

—MORTE NA MESOPOTÂMIA.

—TREZE À MESA.

AGLAIA SOUZA:

—VIDA FÊMEA.

AGOSTINI PLANETA & CASSETA E PLANETA:

—MELHORES PIADAS DO PLANETA E DA CASSETA TAMBÉM!

—O LIVRO MÍSTICO, ESOTÉRICO E SOBRENATURAL DE CASSETA E PLANETA.

AGOTA KRISTOF:

—ONTEM.

AGRIPA VASCONCELOS:

—CHICA QUE MANDA.

—CHICO REI.

AILIN ALEIXO:

—SÓ OS IDIOTAS SÃO FELIZES.

AIRTON PASCHOA:

—CONTOS TORTOS.

ALAÍDE CORREIA LIMA:

—INDIZÍVEL TERNURA.

ALAOR BARBOSA:

—UM CENÁCULO NA PAULICÉIA.

ÁLBARO ABREU:

—A TÁVOLA DE SIX.

ALBERT EINSTEIN:

—COMO VEJO O MUNDO.

ALBERT PAUL DAHOUI:

—SHIVA, A ALVORADA DA ÍNDIA.

ALBERTO BEUTTENMULLER:

—A SERPENTE EMPLUMADA.

ALBERTO DA COSTA E SILVA:

—AO LADO DE VERA.

ALBERTO DA CUNHA MELO:

—DOIS CAMINHOS E UMA ORAÇÃO.

ALBERTO DELERUE:

—DE AMOR E QUEDAS.

ALBERTO GASPAR:

—A MENINA DO VAPORUB OU O AMOR NA HORA DO ANGELUS.

ALBERTO GUZIK:

—O QUE É SER RIO E CORRER?

—RISCO DE VIDA.

ALBERTO LINS CALDAS:

—BABEL.

ALBERTO LOPES E RUTH RENDELL:

— MAIS FORTE QUE A MORTE.

ALBERTO MANGUEL:

—CONTOS DE HORROR DO SÉCULO XIX.

ALBERTO MARSICANO:

—JIM MORRISON, POR ELE MESMO.

—RIMBAUD, POR ELE MESMO.

ALBERTO MARTINS:

—A HISTÓRIA DOS OSSOS.

ALBERTO MOGHRABI:

—PEQUENOS CONTOS DE ENREDO INDETERMINADO.

ALBERTO MORAVIA:

—A COISA E OUTROS CONTOS.

ALBERTO MOSA:

—O ÚLTIMO DIAMANTE DE SEGÓVIA.

ALBERTO MUSSA:

—O ENIGMA DE QAF.

—O TRONO DA RAINHA JINGA.

ALBERTO PUCHEU:

—ESCRITOS DA INDISCERNIBILIDADE.

ALBERTO RENAULT:

—A FOTO.

ALBERTO ROLLO:

—O EDITOR.

ALBERTO XAVIER:

—AL-GHARB 1146, VIAGEM ONÍRICA AO "PORTUGAL" MUÇULMANO.

ALCEU AMOROSO LIMA:

—MEMÓRIAS IMPROVISADAS.

ALCIDES BARROSO GARCIA:

—NOS JARDINS DA CASA BRANCA.

ALCIONE ARAÚJO:

—NEM MESMO TODO O OCEANO.

—URGENTE É A VIDA.

ALCIR PÉCORA:

—RUDIMENTOS DA VIDA COLETIVA.

ALCY CHEUICHE:

—ANA SEM TERRA.

—ESTÓRIAS E LENDAS DE CAÇAPAVA DO SUL.

—LORD BACCARAT.

—MESTIÇO DE SÃO BORJA.

—NA GARUPA DE CHRONOS.

—NOS CÉUS DE PARIS.

—SEPE TIARAJU.

ALDA ANDRÉIA THERKOVSKY:

—O MEMORIAL DA BRUXA.

ALDAIR AIRES:

—DEPOIS DE AMANHÃ.

—DOMINUS NOBISCUM.

ALDENOR ROMERO STUDART:

—MARUAN E SUA BUSCA POR UM SENTIDO DE VIDA.

ALDIR BLANC:

—VILA ISABEL.

ALDO NAY:

—TRÊS SARGENTOS.

ALDOUS HUXLEY:

—CONTOS ESCOLHIDOS.

ALDUÍSIO M. DE SOUZA:

—MEMÓRIAS QUASE ESQUECIDAS.

ALDYR GARCIA SCHLEE:

—CONTOS DE VERDADE.

—O DIA EM QUE O PAPA FOI A MELO.

—PARA LER OS GAÚCHOS.

ALECO MENDES:

—HISTÓRIAS COLORADAS.

ALEILTON FONSECA:

—O CANTO DE ALVORADA.

ALEJANDRO MACIEL:

—DIÁRIOS DE UM REI EXILADO.

ALESSANDRO BENDER:

—AS NOTÍCIAS + MALUCAS DO PLANETA.

ALESSANDRO BUZO:

—SUBURBANO CONVICTO.

ALESSANDRO PITHON:

—NAS ESQUINAS DA VIDA.

ALEX ANTUNES:

—ESTRATÉGIA DE LILITH.

ALEX BELLOS:

—FUTEBOL: O BRASIL EM CAMPO .

ALEX DELLAMURA:

—O SANGUE DE O´CONNOR.

ALEX POLARI DE ALVERGA:

—O LIVRO DAS MIRAÇÕES.

ALEXANDRE ALBAGLI OLIVEIRA:

—ESTRADA DE LUZ.

ALEXANDRE DUMONT:

—HISTÓRIAS PARA DESPERTAR A SENSIBILIDADE.

ALEXANDRE EULÁLIO:

—A AVENTURA BRASILEIRA DE BLAISECENDRARS.

—TOMÁS ANTÔNIO GONZAGA (COLEÇÃO MELHORES POEMAS).

ALEXANDRE FIGUEIROA:

—INTÉRPRETES DO BRASIL.

ALEXANDRE HERCULANO:

—EURICO, O PRESBÍTERO.

—O BOBO.

ALEXANDRE HERNANDES:

—O DIÁRIO DE UM SONHO.

ALEXANDRE LOBÃO:

—A CAIXA DE PANDORA E OUTRAS HISTÓRIAS.

ALEXANDRE MACHADO & FERNANDA YOUNG:

—OS MELHORES MOMENTOS DE OS NORMAIS.

ALEXANDRE PLOSK:

—LIVRO ZERO.

ALEXANDRE RAPOSO:

—EDEN 4.

ALEXANDRE RIBONDI:

—NA COMPANHIA DOS HOMENS.

ALEXANDRE SOARES SILVA E OUTROS:

—WUNDERBLOGS.COM.

ALEXANDRU SOLOMON:

—MÃOS OUTONAIS E OUTROS CONTOS.

ALEXEI BUENO:

—GRANDES POEMAS DO ROMANTISMO BRASILEIRO.

—POEMAS REUNIDOS ALEXEI BUENO.

ALFREDO BOSI:

—CÉU, INFERNO.

—MACHADO DE ASSIS.

ALFREDO DIAS GOMES:

—O PAGADOR DE PROMESSAS.

ALICE SPÍNDOLA:

—A CHAVE DE VIDRO.

ALIETTE PAPI:

—OS PAVÕES E OS URUBUS.

ALINA GALANTE:

—ABSINTO E AMOR ÀS SACERDOTISAS DE GAIA.

ALISSON ÁVILA:

—REALIDADES E CHANTILLYS DIVERSOS.

ALISSON FELIPE:

—O PRISIONEIRO.

ALMA MARIONI:

—DIÁRIO DE BIDU.

—O PLANETA VERMELHO.

—SONHO DE AMOR.

ALMEIDA GARRETT:

—VIAGENS NA MINHA TERRA.

ALMIR DEL PRETTE:

—MEU PÉ DE FEIJÃO GUANDU E OUTROS CONTOS.

ALMIR GHIARONI:

—AS CORES DA VIDA.

ALOÍSIO MAGALHÃES:

—É TRIUNFO? A QUESTãO DOS BENS CULTURAIS NO BRASIL.

ALPHEU TERSARIOL:

—TIRA DÚVIDAS DE PORTUGUÊS DE A A Z.

ALTINO MACHADO:

—UM ROSTO NA JANELA.

ALUÍSIO AZEVEDO:

—ALUÍSIO AZEVEDO, FICÇÃO COMPLETA-2 VOLUMES.

—CASA DE PENSÃO.

—O CORTIÇO.

—O HOMEM.

—O MULATO.

—UMA LÁGRIMA DE MULHER.

ALUIZIO FALCÃO:

—CRÔNICAS DA VIDA BOÊMIA.

ÁLVARES DE AZEVEDO:

—LIRA DOS VINTE ANOS.

—MACÁRIO, TEATRO.

—NOITE NA TAVERNA.

ÁLVARO ABREU:

—CRÔNICA DO MEU PRIMEIRO INFARTO.

ÁLVARO ALVES DE FARIA:

—DIAS PERVERSOS.

—TRAJETÓRIA POÉTICA, OBRA REUNIDA.

ÁLVARO CALDAS:

—BALE DA UTOPIA.

ÁLVARO CARDOSO GOMES:

—A CIDADE PROIBIDA.

ÁLVARO ESTRADA:

—A VIDA DE MARIA SABINA, A SÁBIA DOS COGUMELOS.

ÁLVARO FLORES:

—RISOS NA REDE-2 .

ÁLVARO LARANJEIRA TEIXEIRA:

—AS FILHAS DA MÃE JOANA.

ÁLVARO PACHECO:

—SOLSTÍCIO DE INVERNO.

ÁLVARO PEREIRA:

—ARMANON, O QUINTO ALIADO.

ALYNE MENDONÇA MARQUES SILVA:

—PRINCÍPIO VITAL.

AMANDO FONTES:

—OS CORUMBAS.

AMARO JUVENAL:

—ANTÔNIO CHIMANGO.

AMAURI CASAGRANDE:

—ALÉM DA PERCEPÇÃO.

AMILCAR BETTEGA BARBOSA:

—DEIXE O QUARTO COMO ESTÁ.

—OS LADOS DO CÍRCULO.

AMILCAR TORRÃO FILHO:

—TRÍBADES GALANTES, FANCHONOS MILITANTES .

AMINADAV PALATNIK:

—O PLANETA AMI.

AMIR MATTOS:

—QUAL É A MORAL DA HISTÓRIA.

AMYR KLINK:

—GRANDES AMIGOS, PAIS E FILHOS.

—PARATI ENTRE DOIS PÓLOS .

ANA ARRUDA CALLADO:

—ADALGISA NERY, MUITO AMADA E MUITO SÓ .

—MARIA MARTINS, UMA BIOGRAFIA .

—UMA AULA DE MATAR.

ANA BEATRIZ B. SILVA:

—SORRIA, VOCÊ ESTÁ SENDO FILMADO.

ANA CLÁUDIA LANDI & EDUARDO BELO:

—APENAS UMA GAROTINHA.

ANA CRISTINA CÉSAR:

—A TEUS PÉS.

—INÉDITOS E DISPERSOS.

ANA FERREIRA:

—AMADORA.

ANA FRANCESCA CAVALCANTI ARAÚJO:

—BYE BYE BRASIL.

ANA LUÍSA MARTINS:

—AÍ VAI MEU CORAÇÃO.

ANA MARIA MACHADO:

—A AUDÁCIA DESSA MULHER.

—A MORTE DA PORTA ESTANDARTE.

—AOS QUATRO VENTOS.

—CANTEIROS DE SATURNO.

—ESTA FORÇA ESTRANHA.

—ILHAS NO TEMPO, ALGUMAS LEITURAS.

—MELHORES CONTOS.

—MISTÉRIOS DO MAR OCEANO.

—O MELHOR DO CONTO BRASILEIRO.

—O RECADO DO NOME.

—PALAVRA DE HONRA.

—PARA SEMPRE AMOR E TEMPO.

—TEXTURAS SOBRE LEITURAS E ESCRITOS.

ANA MIRANDA: 

—À FLOR DO CERRADO, BRASÍLIA.

—A ÚLTIMA QUIMERA.

—AMRIK.

—ANA MIRANDA.

—BOCA DO INFERNO.

—CADERNO DE SONHOS.

—CLARICE LISPECTOR.

—DESMUNDO.

—DEUS DARÁ.

—DIAS & DIAS.

—NOTURNOS.

—O RETRATO DO REI.

—PRECE A UMA ALDEIA PERDIDA.

—QUE SEJA EM SEGREDO.

—SEM PECADO.

ANA PAULA MORAES:

—MULHERES.

ANA PAULA TORRES MEGIANI:

—O REI AUSENTE.

ANA RITA LIMA:

—SEM AÇÚCAR.

ANA TERESA JARDIM:

—NO FIO DA NOITE.

ANDRÉ ARAÚJO:

—COLETÂNEA ANDRÉ ARAÚJO.

ANDRÉ BRETON:

—MANIFESTOS DO SURREALISMO.

ANDRÉ CAPELAO:

—TRATADO DO AMOR CORTÊS.

ANDRÉ CARVALHO:

—TODA MULHER É CULPADA.

ANDRÉ CARVALHO & KAO MARTINS:

—HABLA, SEÑOR:UM HOMEM CHAMADO JANUÁRIO .

ANDRÉ DE FIGUEREDO:

—ARABESCO, TODAS AS FAMÍLIAS DEVIAM SER PROIBIDAS PARA MEN.

ANDRÉ FERREIRA:

—BASTA!!!

ANDRÉ GIUSTI:

—A SOLIDÃO DO LIVRO EMPRESTADO.

ANDRÉ GLUCKSMANN:

—A COZINHEIRA E O CANIBAL.

ANDRÉ LUIZ PINTO:

—PRIMEIRO DE ABRIL.

ANDRÉ NORTON:

—O TRÍLIO DOURADO.

ANDRÉ PEREIRA:

—CRONISTA DO BRASIL DEBRET.

ANDRÉ RAVIER & H. N. LOOSE:

—JOÃO MARIA VIANNEY, CURA D´ARS.

ANDRÉ RESENDE:

—MUNDO ENQUADRADO.

ANDRÉ RIBEIRO:

—O DIAMANTE ETERNO.

ANDRÉ TAKEDA:

—CASSINO HOTEL.

—CLUBE DOS CORAÇÕES SOLITÁRIOS.

ANDRÉ VIANCO:

—BENTO.

—O SENHOR DA CHUVA.

—O VAMPIRO-REI-VOLUME 1.

—OS SETE.

—SÉTIMO.

ANDREA DEL FUEGO:

—MINTO ENQUANTO POSSO.

ANDREA SANTOS PESSANHA:

—DA ABOLIÇÃO DA ESCRAVATURA À ABOLIÇÃO DA MISÉRIA.

ANDREI PUNTEL:

—AKASHI.

ANDREI SIMÕES:

—PUTREFAÇÃO.

ANGEL RAMA:

—DEZ MESTRES DA NARRATIVA LATINO-AMERICANA.

ÂNGELA ABREU:

—SANTA SOFIA.

ÂNGELA BROILO:

—O BAR DE BACO.

ÂNGELA DIP:

—POR ÁGUA ABAIXO.

ÂNGELA DUTRA DE MENEZES:

—O AVESSO DO RETRATO.

—O LIVRO DO APOCALIPSE SEGUNDO UMA TESTEMUNHA.

—TODOS OS DIAS DA SEMANA .

ÂNGELA LEITE DE SOUZA:

—ESTAS MUITAS MINAS.

ANGÉLICA SOARES:

—A PAIXÃO EMANCIPATÓRIA.

ÂNGELO MACHADO:

—O MENINO E O RIO.

ANÍBAL M. MACHADO:

—A ARTE DE VIVER E OUTRAS ARTES.

—CADERNOS DE JOÃO.

—JOÃO TERNURA.

ANNA FRANÇA:

—OUTROS HÁBITOS.

ANNA MARIA CASCUDO BARRETO:

—MULHERES ESPECIAIS.

ANNA MARIA MARTINS:

—MUDAM OS TEMPOS.

ANNA OSTA:

—BETSY.

ANNA SEGHERS:

—EM TRÂNSITO.

ANNA VERÔNICA MAUTNER:

—O COTIDIANO NAS ENTRELINHAS.

ANTENOR ASSIS:

—A MORTE CAI NA GANDAIA.

ANTENOR PIMENTA:

—REQUIEM PARA MONALISA.

ANTHONY DE MELLO:

—O CANTO DO PÁSSARO.

ANTÔNIO ARESTA:

—O EXECUTIVO E O MONSTRO.

—O MENINO DO PRESIDENTE.

ANTÔNIO BARRETO:

—A GUERRA DOS PARAFUSOS.

—O ROUBO DA TAÇA.

ANTÔNIO BIVAR:

—CHIC-A-BOOM.

—YOLANDA .

ANTÔNIO BULHÕES:

—CONTOS INATUAIS.

—OS DEUSES MORTOS.

ANTÔNIO C. SECCHIM:

—MELHORES POEMAS, JOÃO C. M. NETO.

ANTÔNIO CALLADO:

—A MADONA DE CEDRO.

—ASSUNÇÃO DE SALVIANO.

—BAR DON JUAN.

—CONCERTO CARIOCA.

—EXPEDIÇÃO MONTAIGNE.

—MEMÓRIAS DE ALDENHAM HOUSE.

—QUARUP.

—REFLEXOS DO BAILE.

—SEMPRE VIVA.

ANTÔNIO CALLONI:

—A ILHA DE SAGITÁRIO.

—AMANHÃ EU VOU DANÇAR.

ANTÔNIO CÂNDIDO:

—BRIGADA LIGEIRA.

—INICIAÇÃO À LITERATURA BRASILEIRA.

—O ALBATROZ E O CHINÊS.

—O DISCURSO E A CIDADE.

—O OBSERVADOR LITERÁRIO.

—RECORTES.

—VÁRIOS ESCRITOS.

ANTÔNIO CARLOS FERREIRA DE BRITO:

—NÃO QUERO PROSA.

ANTÔNIO CARLOS OLIVIERI & CRISTINA VON:

—O SEXO DOS DEUSES.

ANTÔNIO CARLOS OPPERMANN THOMÉ:

—ENCANTADOR DE ABISMOS.

ANTÔNIO CARLOS PACHECO:

—CINEMA E LITERATURA.

ANTÔNIO CARLOS RESENDE:

—MORTES DO AMOR.

ANTÔNIO CARLOS SECCHIN:

—TODOS OS VENTOS.

ANTÔNIO CARLOS TETTAMANZY:

—RETORNO E SAÍDA.

ANTÔNIO CARLOS VIANA:

—ABERTO ESTÁ O INFERNO.

—O MEIO DO MUNDO E OUTROS CONTOS.

ANTÔNIO CARLOS VILLAÇA:

—ALCEU AMOROSO DE LIMA.

—DIÁRIO FAXINAL DO CÉU.

—O DESAFIO DA LIBERDADE.

ANTÔNIO CELSO:

—GIRASSOL DE OURO.

ANTÔNIO DA COSTA CIAMPA:

—A ESTÓRIA DO SEVERINO E A HISTÓRIA DA SEVERINA.

ANTÔNIO DA SILVA MELLO:

—VERDADES QUASE DESCONHECIDAS.

ANTÔNIO DE ALCÂNTARA MACHADO:

—ANTÔNIO DE ALCÂNTARA MACHADO, EDIÇÃO COMEMORATIVA.

—BRÁS, BEXIGA E BARRA FUNDA.

—LARANJA DA CHINA.

—MANA MARIA.

ANTÔNIO DE PAULA:

—DESTINO IMUTÁVEL.

ANTÔNIO DIMAS:

—HISTÓRIAS DA LITERATURA: TEORIAS, TEMAS E AUTORES.

ANTÔNIO FERNANDO BORGES:

—BRAZ QUINCAS & CIA.

ANTÔNIO FERNANDO DE FRANCESCHI:

—A OLHO NU.

ANTÔNIO FRAGA:

—DESABRIGO E OUTROS TRECOS.

ANTÔNIO GRAMSCI:

—CARTAS DO CÁRCERE, 1926-1930-VOLUME 1 .

—CARTAS DO CÁRCERE, 1931-1937-VOLUME 2.

ANTÔNIO JOSÉ DE MOURA:

—MULHERES DO RIO.

ANTÔNIO LÁZARO DE ALMEIDA PRADO:

—CICLO DAS CHAMAS E OUTROS POEMAS.

ANTÔNIO LUIZ MENDES DE ALMEIDA:

—NEM TAMBORES NEM CORNETAS.

—O PAPA NA MIRA.

ANTÔNIO MARCHETTI:

—PODER E O CASTIGO.

ANTÔNIO MARIA:

—CRÔNICAS.                                                                                    

ANTÔNIO MARIA E JOAQUIM FERREIRA DOS SANTOS:

—DIÁRIO DE ANTÔNIO MARIA.

ANTÔNIO MARTINS ARAÚJO:

—MELHORES CONTOS DE ARTUR AZEVEDO.

ANTÔNIO MIRANDA:

—MANUCHO E O LABIRINTO.

ANTÔNIO NASCIMENTO:

—GUERRILHEIRA.

ANTÔNIO NETO GUERREIRO:

—SENHOR COMENDADOR.

ANTÔNIO OLINTO:

—A CASA DA ÁGUA.

—ARY BARROSO, A HISTÓRIA DE UMA PAIXÃO.

ANTÔNIO PATRÍCIO:

—SERÃO INQUIETO.

ANTÔNIO PENTEADO MENDONÇA:

—CRÔNICA DA CIDADE.

ANTÔNIO PEREIRA:

—MARCORE.

ANTÔNIO PRATA:

—ESTIVE PENSANDO.

—O INFERNO ATRÁS DA PIA.

—PERNAS DA TIA CORÁLIA.

ANTÔNIO RISÉRIO:

—BRASIBRASEIRO.

ANTÔNIO ROBESPIERRE:

—DE IPANEMA A ITAPUÃ.

ANTÔNIO SANTOS:

—A LENDA DO CENTAURO.

ANTÔNIO SILVESTRI:

—REVOLTA DAS CAVEIRAS NA VILA DA FUMAÇA.

—UM CAPETA NA VILA DA FUMAÇA.

ANTÔNIO TORES MONTENEGRO:

—ADEUS VELHO.

—BALADA DA INFÂNCIA PERDIDA.

—CARTA AO BISPO.

—CENTRO.

—ESSA TERRA.

—HISTÓRIA ORAL E MEMÓRIA.

—MENINOS EU CONTO.

—MEU QUERIDO CANIBAL.

—O CACHORRO E O LOBO.

—O NOBRE SEQÜESTRADOR.

—OS HOMENS DOS PÉS REDONDOS.

—PRINCÍPIOS 127.

—REINVENTANDO A LIBERDADE.

—UM CÃO UIVANDO PARA A LUA.

—UM TÁXI PARA VIENA D’ÁUSTRIA.

ANTÔNIO WILSON SAAD:

—A SUCESSÃO.

APARÍCIO SILVA RILLO:

—RAPA DO TACHO.

APARÍCIO TORELLY:

—ALMANHAQUE PARA 1949.

—ALMANHAQUE PARA 1955.

AQUILES RIQUE REIS:

—GOGÓ DE AQUILES.

—SONATA DA ÚLTIMA CIDADE.

ARAMIS RIBEIRO COSTA:

—A ASSINATURA PERDIDA.

—O FOGO DOS INFERNOS.

—O MAR QUE A NOITE ESCONDE.

—UMA VARANDA PARA O JARDIM.

ARC:

—ARC, O MARCIANO.

ARCHER WILLIAM SMITH:

—CARTADA DIABÓLICA.

ARGEMIRO FERREIRA:

—CAÇA ÀS BRUXAS.

ARIANO SUASSUNA:

—A PEDRA DO REINO.

—A PENA E A LEI.

—AUTO DA COMPADECIDA .

—O CASAMENTO SUSPEITOSO.

—POEMAS.

ARIENI DISSENHA & DANIEL PORTES:

—O MUNDO DOS VAMPIROS.

ARISTÓTELES:

—O HOMEM DE GÊNIO E A MELANCOLIA.

ARLETE CASTRO:

—O LIVRO DE SALEMA.

ARLETE HERINGER:

—PAGUEI O MAIOR MICO .

ARLETE NOGUEIRA DA CRUZ:

—TRABALHO MANUAL PROSA REUNIDA.

ARLINDO GONÇALVES:

—DESONRADOS E OUTROS CONTOS.

—DORES DE PERDAS.

ARMANDO FREITAS FILHO:

—NÚMEROS ANÔNIMOS.

ARMANDO NOGUEIRA:

—A GINGA E O JOGO.

ARMINDO TREVISAN:

—A DANÇA DO FOGO.

—ORAÇÕES PARA O NOVO MILÊNIO.

—OS OLHOS DA NOITE.

ARNALDO ANTUNES:

—40 ESCRITOS.

—AS COISAS.

ARNALDO BELMIRO:

—DECORAÇÃO DE NATAL.

ARNALDO BLOCH:

—AMANHÃ, A LOUCURA.

—TALK SHOW.

ARNALDO CAMPOS:

—A CEIA DO DIABO.

—O JUSTICEIRO.

ARNALDO JABOR:

—A INVASÃO DAS SALSICHAS GIGANTES E OUTROS ESCRITOS.

—AMOR É PROSA, SEXO É POESIA.

—SANDUÍCHES DE REALIDADE E OUTROS ESCRITOS.

ARNALDO NISKIER:

—MARIA DA PAZ.

ARNALDO SARAIVA:

—FERNANDO PESSOA, POETA TRADUTOR DE POETAS.

—MODERNISMO BRASILEIRO E MODERNISMO PORTUGUÊS.

AROLDO MACEDO:

—O BAR DO MANEU.

AROLDO PEREIRA RAMOS:

—FACES DA MESMA CANÇÃO.

ARRELIA:

—ARRELIA, UMA AUTOBIOGRAFIA .

ARTHUR AZEVEDO, ANTÔNIO MARTINS DE ARAÚJO:

—MELHORES CONTOS DE ARTUR AZEVEDO.

ARTHUR BASTOS:

—ALIADO.

ARTHUR CONAN DOYLE:

—VAMPIRO DE SUSSEX E OUTRAS HISTÓRIAS.

ARTHUR DAPIEVE:

—DE CADA AMOR TU HERDARÁS SÓ O CINISMO.

—MIÚDOS METAFÍSICOS.

ARTHUR JOSÉ POERNER:

—LEME.

ARTHUR MILLER:

—MARILYN MONROE E ARTHUR MILLER.

ARTHUR NESTROVSKI:

—EM BRANCO E PRETO.

ARTUR AZEVEDO:

—A CAPITAL FEDERAL.

ARTUR DA TÁVOLA:

—DIÁRIO DOIDO TEMPO.

—DO AMOR, ENSAIO DE ENIGMA .

—EM FLAGRANTE.

—LEILÃO DO MIM.

ARTUR XEXÉO:

—JANETE CLAIR .

ARTURO GOUVEA:

—A FARSA DOS MILÊNIOS.

—O MAL ABSOLUTO.

ASCENDINO LEITE:

—A FLOR DA TERRA.

—AFORISMOS DA PRECISÃO.

—DOCES VOZES DO SILÊNCIO.

—SURPRESAS NA PARTIDA.

ASSEDE PAIVA OLIVEIRA:

—POSSESSÃO.

ASSIS ALMEIDA:

—HISTÓRIAS INTERESSANTES.

ASSIS BRASIL:

—A SABEDORIA DA FLORESTA.

—NASSAU, SANGUE E AMOR NOS TRÓPICOS.

ASSOCIAÇÃO AMIGOS DA CULTURA:

—EVOCAÇÃO DE MANAUS.

—MANAUS DE 1920 A 1967.

ASSOCIAÇÃO DE JUÍZES PARA A DEMOCRACIA:

—JUSTIÇA E DEMOCRACIA.

ATELIÊ EDITORIAL:

—OS CEM MENORES CONTOS BRASILEIROS DO SÉCULO.

ATENÉIA FEIJÓ:

—O JANTAR DA LAGARTIXA.

AUDEMARO TARANTO GOULART:

—INTRODUÇÃO AO ESTUDO DA LITERATURA.

AUGUSTA FARO:

—A FRIAGEM.

AUGUSTA MARIELLA:

—FIO DE CLOTO.

AUGUSTO BOAL:

—A DELICIOSA E SANGRENTA AVENTURA DE JANE SPITFIRE.

—A DELICIOSA E SANGRENTA AVENTURA LATINA.

—MARGEM ESQUERDA, ENSAIOS MARXISTAS.

AUGUSTO CURY:

—O FUTURO DA HUMANIDADE, A SAGA DE MARCO POLO.

AUGUSTO DE ABREU:

—COMPREENDENDO O BELO.

AUGUSTO DE CAMPOS:

—VIVA VAIA POESIA, 1949 A 1979.

AUGUSTO DOS ANJOS:

—EU E OUTRAS POESIAS.

—EU POESIAS.

AUGUSTO FREDERICO SCHMIDT:

—ANTOLOGIA DE PROSA.

AUGUSTO JORGE CURY:

—O FUTURO DA HUMANIDADE.

AUGUSTO MÁRIO FERREIRA:

—O ENCLAVE YPSILON.

AUGUSTO MASSI:

—NEGATIVO.

AUGUSTO SALES:

—PARALELOS, 17 CONTOS DA LITERATURA BRASILEIRA.

AUGUSTO SÉRGIO BASTOS:

—FERREIRA GULLAR.

AULYDE SOARES RODRIGUES, ELIZABETH GEORGE:

—UM TRAIDOR DA MEMÓRIA.

AURÉLIO LEPRE:

—O PRISIONEIRO.

AUTRAN DOURADO:

—A BARCA DOS HOMENS.

—A SERVIÇO DEL REI.

—AS IMAGINAÇÕES PECAMINOSAS.

—CONFISSÕES DE NARCISO.

—DICIONÁRIO DE TERMOS E EXPRESSÕES DA MÚSICA.

—GAIOLA ABERTA.

—LUCAS PROCÓPIO.

—MONTE DA ALEGRIA.

—NOVELÁRIO DE DONGA NOVAIS.

—O MEU MESTRE IMAGINÁRIO.

—O RISCO DO BORDADO.

—ÓPERA DOS FANTOCHES.

—ÓPERA DOS MORTOS.

—OS MELHORES CONTOS DE AUTRAN DOURADO.

—OS SINOS DA AGONIA.

—PEQUENA ESTÓRIA DA MÚSICA.

—POÉTICA DE ROMANCE, UMA MATÉRIA DE CARPINTARIA.

—SOLIDÃO SOLITUDE.

—TEMPO DE AMAR.

—UM ARTISTA APRENDIZ.

—UM CAVALHEIRO DE ANTIGAMENTE.

—UMA VIDA EM SEGREDO.

—VIDA, PAIXÃO E MORTE DO HERÓI.

—VIOLETAS E CARACÓIS.

AUXILIADORA MAGALHÃES GARCIA:

—OS DEUSES NÃO DORMEM.

AYDANO RORIZ:

—O LIVRO DOS HEREGES.

AZIZ LASMAR & JOSÉ SELIGMAN:

—HUMOR EM PÍLULAS .

BÁRBARA VEIT:

—PERIGO! PRAIA RADIOATIVA.

BARBOSA LESSA:

—O CRIME E UM CASO DE MARKETING.

—RODEIO DOS VENTOS.

BARIANI ORTÊNCIO:

—MEU TIO AVÔ E O DIABO.

BARROS PINHO:

—A VIÚVA DO VESTIDO ENCARNADO.

BASÍLIO DA GAMA:

—O URAGUAI.

BEATRIZ ALCÂNTARA:

—ÁGUA DA PEDRA.

BEATRIZ BASTOS:

—PANDORA, FÓSFOROS DE SEGURANÇA.

BEATRIZ BRACHER:

—NÃO FALEI.

BEATRIZ HELENA RAMOS AMARAL:

—ALQUIMIA DOS CÍRCULOS.

BEATRIZ JAGUARIBE:

—FINS DE SÉCULO, CIDADE E CULTURA NO RIO DE JANEIRO .

BEATRIZ RESENDE:

—APONTAMENTOS DE CRÍTICA CULTURAL .

—CRONISTAS DO RIO .

BEATRIZ VIEGAS FARIA:

—PAMPA PERNAMBUCO.

BEBETI DO AMARAL GURGEL:

—ERÓTICA.

BELLA HERSON:

—CRISTÃOS NOVOS E SEUS DESCENDENTES NA MEDICINA BRASILEIRA.

BELLA JOZEF:

—RICARDO RAMOS (COLEÇÃO MELHORES CONTOS).

BELLA SANTIAGO:

—A ARCA DA VELHA.

BELMONTE:

—FEMININAMENTE.

BEN O´RIVER:

—GUIA DE SOBREVIVÊNCIA NO BRASIL.

BENEDITO NUNES:

—CRIVO DE PAPEL.

—MÁRIO FAUSTINO (COLEÇÃO MELHORES POEMAS).

BENILTON BEZERRA FILHO:

—O AMOR QUE ROUBA OS SONHOS.

BENITO BARRETO:

—OS GUAIANAS.

BENJAMIM SILVA:

—IMAGINE SÓ, CHARGES VIRTUAIS.

BENJAMIN ABDALA JÚNIOR:

—MARGENS DA CULTURA, MESTIÇAGEM, HIBRIDISMO & OUTRAS MISTURAS.

BERNADETTE LYRA:

—TORMENTOS OCASIONAIS.

BERNARDO AJZENBERG:

—A GAIOLA DE FARADAY

—EFEITO SUSPENSÓRIO.

—GOLDSTEIN & CAMARGO.

—HOMENS COM MULHERES.

—VARIAÇÕES GOLDMAN.

BERNARDO CARVALHO:

—ABERRAÇÃO.

—AS INICIAIS.

—MEDO DE SADE.

—MONGÓLIA.

—NOVE NOITES.

—O MUNDO FORA DOS EIXOS.

—ONZE.

—TEATRO.

BERNARDO ELIS:

—A VIDA SÃO AS SOBRAS.

—BERNARDO ELIS (COLEÇÃO MELHORES CONTOS).

—CHEGOU O GOVERNADOR.

—ERMOS E GERAIS.

—O TRONCO.

BERNARDO GUIMARÃES:

—A ESCRAVA ISAURA.

—MORTE ABJETA.

—O ERMITÃO DE MUQUEM.

—O GARIMPEIRO.

—O SEMINARISTA.

BERTHA SOLARES:

—DORES, AMORES E PINCÉIS.

—UM ANO, DOIS VERÕES.

BETO SILVA:

—JÚLIO SUMIU.

BETTY FURRIE:

—O MARC BIBLIOGRÁFICO.

BETTY MILAN:

—E O QUE É O AMOR?

—O CLARÃO.

—O PAÍS DA BOLA.

—O PAPAGAIO E O DOUTOR.

BETTY MINDILN:

—MOQUECA DE MARIDOS MITOS ERÓTICOS.

BLAN CHU:

—CENDAL DE PENSAMENTOS C/CD.

BLAU FABRÍCIO DE SOUZA:

—CONTOS DO SOBRADO E OUTRAS HISTÓRIAS.

—MÉDICOS (PR)ESCREVEM-VOLUME 7.

—MÉDICOS PRESCREVEM-3 CRÔNICAS.

—MÉDICOS PRESCREVEM-VOLUME 6.

—UMA NO CRAVO, OUTRA NA FERRADURA.

BLAY WHITBY:

—INTELIGÊNCIA ARTIFICIAL.

BORIS SCHNAIDERMAN:

—GUERRA EM SURDINA.

BRANCA BORGES GOES BAKAJ:

—QUATRO ESTUDOS LITERÁRIOS.

BRANT:

—CLUBE DOS GAMBÁS.

BRASIGOES FELÍCIO:

—A MARCA DE CAIM.

—ALMA DO MUNDO.

—DANÇA DA VIDA.

—ELES NAO BEIJAM MOLHADO.

—MEMÓRIAS DA SOLIDÃO.

—OBSCENO ESPLENDOR DA NOITE.

—VIVER E DEVAGAR.

BRÁULIO TAVARES:

—A MÁQUINA VOADORA.

—PÁGINAS DE SOMBRA.

BRENO ACCIOLY:

—BRENO ACCIOLY.

—OBRAS REUNIDAS.

BRENO ACCIOLY E RICARDO RAMOS:

—OS MELHORES CONTOS DE BRENO ACCIOLY.

BRESSET:

—CÉU DE LUCIFER.

BRUNO FERNANDO DIAS ROMEIRO:

—PARALELAS DA EXISTÊNCIA.

BRUNO TOLENTINO:

—O MUNDO COMO IDÉIA.

—OS SAPOS DE ONTEM.

BRUNO VERNER:

—O UM.

BUSSUNDA:

—ALÔ, RAPAZIADA!

CACÁ MOREIRA DE SOUZA:

—OS INTRANSITIVOS.

CACO GALHARDO:

—O BANQUETE.

CADÃO VOLPATO:

—DEZEMBRO DE UM VERÃO MARAVILHOSO.

—QUESTIONÁRIO.

—RONDA NOTURNA.

CAIO BLINDER:

—TERRAS PROMETIDAS.

CAIO FERNANDO ABREU:

—AS FRANGAS.

—CAIO 3D.

—DRAGÕES NÃO CONHECEM O PARAÍSO.

—ESTRANHOS ESTRANGEIROS.

—FRAGMENTOS.

—GIRASSÓIS.

—MORANGOS MOFADOS.

—O OVO APUNHALADO.

—ONDE ANDARÁ DULCE VEIGA?

—OVELHAS NEGRAS.

—PEDRA DE CALCUTÁ.

—PEQUENAS EPIFANIAS.

—TEATRO COMPLETO.

—TRIÂNGULOS DAS ÁGUAS.

CALDAS JÚNIOR E LUIZ MÁRCIO RIBEIRO:

—VOCÊ TEM MEDO DE QUÊ?

CAMILLE BOURNIQUEL:

—CHOPIN .

CAMILO CASTELO BRANCO:

—AMOR DE PERDIÇÃO.

—AMOR DE SALVAÇÃO.

CAMPOS DE CARVALHO:

—OBRA REUNIDA.

CARDOSO:

—CAVERNAS &CONCUBINAS

CARIE LINDENBERG:

—EU E A SORTE.

CARLITO LIMA:

—NORDESTE INDEPENDENTE.

CARLOS ABBUD:

—O PUBLICITÁRIO.

CARLOS ALBERTO BASTOS BARBOSA:

—A DAMA DO VELHO CHICO.

CARLOS ALBERTO BRAVO DA CÂMARA:

—NO TEMPO DA AZAGAIA.

CARLOS ALBERTO CASTELO BRANCO:

—CONEXÃO SARDINHA.

CARLOS ALBERTO DOS SANTOS ABEL:

—ROSA AUTOR, RIOBALDO NARRADOR.

CARLOS BENEVIDES LIMA JÚNIOR:

—ERA UMA VEZ VITÓRIA.

CARLOS BITTENCOURT FERREIRA:

—PELA SETE.

CARLOS BORNHOFEN:

—A GUERRA DA AMAZÔNIA.

CARLOS CASTELLO BRANCO:

—O CASAMENTO: A FAVOR OU CONTRA.

—O CASEIRO DO PRESIDENTE.

CARLOS DA TERRA:

—CAMINHOS CRUZADOS.

CARLOS DE FREITAS:

—NAVE PARA O FIM DO TEMPO.

CARLOS DOS SANTOS DANTAS:

—UM SOLTO NO OUTRO.

CARLOS DRUMMOND DE ANDRADE:

—70 HISTORINHAS.

—A COR DE CADA UM.

—A FALTA QUE AMA.

—A PAIXÃO MEDIDA.

—A PALAVRA MÁGICA.

—A ROSA DO POVO.

—A SENHA DO MUNDO.

—A VIDA PASSADA A LIMPO.

—ALGUMA POESIA.

—AMAR SE APRENDE AMANDO.

—ANTOLOGIA POÉTICA.

—AS IMPUREZAS DO BRANCO.

—AS PALAVRAS QUE NINGUÉM DIZ.

—AS VÁRIAS CARAS DE DRUMMOND.

—AVESSO DAS COISAS.

—BOCA DE LUAR.

—BOITEMPO I.

—BOITEMPO II.

—BOLSA E A VIDA.

—BREJO DAS ALMAS.

—CADEIRA DE BALANÇO.

—CAMINHOS DE JOÃO BRANDÃO.

—CARLOS & MÁRIO.

—CARLOS DE ANDRADE.

—CARLOS DRUMMOND DE ANDRADE.

—CHUVA DE NOVEMBRO.

—CLARO ENIGMA.

—CONTOS DE APRENDIZ.

—CONTOS PLAUSÍVEIS.

—CONVERSA DE LIVRARIA, 1941 E 1948.

—CORPO.

—CRIANÇA DAGORA É FOGO!

—DE NOTÍCIAS NÃO NOTÍCIAS.

—DECLARAÇÃO DE AMOR, CANÇÃO DE NAMORADOS.

—DIAS LINDOS.

—DISCURSO DA PRIMAVERA E ALGUMAS SOMBRAS.

—FALA AMENDOEIRA.

—FAREWELL.

—HISTÓRIA DE DOIS AMORES.

—HISTÓRIAS PARA O REI.

—JOSÉ E OUTROS.

—MOÇA DEITADA NA GRAMA.

—O AMOR NATURAL.

—O SORVETE.

—OBSERVADOR NO ESCRITÓRIO.

—OS DIAS LINDOS.

—PARA GOSTAR DE LER-VOLUME 1.

—PARA GOSTAR DE LER-VOLUME 5.

—PODER ULTRA JOVEM.

—POESIA COMPLETA.

—POESIA ERRANTE.

—PROSA SELETA.

—QUANDO É DIA DE FUTEBOL.

—QUATRO VOZES.

—RICK E A GIRAFA.

—SELETA EM PROSA E VERSO.

—SENTIMENTO DO MUNDO.

—TEMPO VIDA POESIA.

—VÔ CAIU NA PISCINA.

CARLOS E. UCHOA FAGUNDES JÚNIOR:

—O BEIJO DA HISTÓRIA.

CARLOS EDUARDO CARAMEZ:

—ÚLTIMA SAFRA DO SILÊNCIO.

CARLOS EDUARDO DE MAGALHÃES:

—DORA.

—MERA FOTOGRAFIA.

—O PRIMEIRO INIMIGO.

—OS JACARÉS.

CARLOS EDUARDO NOVAES:

—ACONTECE NA CIDADE.

—CHÁ DAS DUAS.

—DEUS É BRASILEIRO.

—É DANDO QUE SE RECEBE.

—HOMEM, MULHER, CIA LTDA.

—MISTÉRIOS DO AQUÉM.

—PRÓXIMA NOVELA.

CARLOS EUGÊNIO PAZ:

—NAS TRILHAS DA ALN.

CARLOS FELIPE MOISÉS:

—DESCONCERTO DO MUNDO, DO RENASCIMENTO AO SURREALISMO.

CARLOS FERREIRA DA SILVA:

—HUMANOS VERSUS ANDRÓIDES .

CARLOS FRYDMAN:

—TRILOGIA DAS BUSCAS.

CARLOS HEE:

—TREM FANTASMA .

CARLOS HEITOR CONY:

—A CASA DO POETA TRÁGICO.

—A GORDA E A VOLTA POR CIMA.

—A TARDE DA SUA AUSÊNCIA.

—ANTES O VERÃO.

—AS AVENTURAS DE TOM SAWYER.

—AS MELHORES HISTÓRIAS DAS MIL E UMA NOITES.

—AS VIAGENS DE MARCO POLO.

—CONTOS DE PÂNICO.

—INFORMAÇÃO AO CRUCIFICADO.

—JK, COMO NASCE UMA ESTRELA.

—LAGOA.

—LUCIANA SAUDADE.

—MATÉRIA DE MEMÓRIA.

—MEU QUERIDO CANALHA .

—MISTÉRIO DA COROA IMPERIAL.

—MISTÉRIO DAS JÓIAS COLONIAIS.

—O ATO E O FATO.

—O BALÉ BRANCO.

—O BEIJO DA MORTE.

—O CRIME MAIS QUE PERFEITO.

—O HARÉM DAS BANANEIRAS.

—O INDIGITADO.

—O IRMÃO QUE TU ME DESTE.

—O LAÇO COR DE ROSA..

—O MÁSCARA DE FERRO.

—O MISTÉRIO DA MOTO DE CRISTAL.

—O MISTÉRIO DAS ARANHAS VERDES.

—O PIANO E A ORQUESTRA.

—O PRESIDENTE QUE SABIA JAVANÊS.

—O TUDO E O NADA.

—O VENTRE.

—OS 7 PECADOS CAPITAIS.

—OS ANOS MAIS ANTIGOS DO PASSADO.

—OS DEZ MANDAMENTOS.

—PARANÓIA, A NOITE DO MASSACRE.

—PESSACH, A TRAVESSIA.

—PILATOS.

—QUASE MEMÓRIAS.

—QUEM MATOU VARGAS.

—QUINZE ANOS.

—ROMANCE SEM PALAVRAS.

—ROSA, VEGETAL DE SANGUE .

—SINDBA, O MARUJO .

—TIJOLO DE SEGURANÇA.

—TUDO E O NADA.

—UMA HISTÓRIA DE AMOR.

—VERDADE DE CADA DIA.

—VOZES DO GOLPE-4 VOLUMES.

CARLOS HEITOR CONY E OUTROS:

—LIBERDADE DE EXPRESSÃO.

CARLOS HENRIQUE CARNEIRO:

—RAPOSA.

CARLOS HENRIQUE IOTTI:

—ZONA RURAL.

CARLOS HERCULANO LOPES:

—A DANÇA DOS CABELOS.

—CORAÇÃO AOS PULOS.

—ENTRE BH E TEXAS.

—O PESCADOR DE LATINHAS.

—O VESTIDO.

—ÚLTIMO CONHAQUE.

CARLOS LACERDA:

—21 CONTOS INÉDITOS.

—3 PEÇAS INÉDITAS.

—A CASA DO MEU AVÔ.

—O CÃO NEGRO.

CARLOS LEAL:

—MAIS 21 HISTÓRIAS DE AMOR.

CARLOS LEONAM:

—OS DEGRAUS DE IPANEMA.

CARLOS LUIZ POISL:

—AMIGOS.

CARLOS MAGNO DE MELO:

—BAR CASTELO.

—CASOS EM TRÊS TEMPOS.

—O ESPÍRITO DO RABO DO FOGÃO.

CARLOS MEIRA TRIGUEIRO:

—O LIVRO DOS CIÚMES.

—O LIVRO DOS DESMANDAMENTOS.

CARLOS MERO:

—O BECO DAS SETE FACADAS.

CARLOS MORAES:

—AGORA DEUS VAI TE PEGAR LÁ FORA.

—COMO SER FELIZ SEM DAR CERTO.

CARLOS N. JÚNIOR:

—O PAI, O EXÍLIO E O REINO.

CARLOS NASCIMENTO SILVA:

—A CASA DA PALMA.

—VALE DA SOLEDADE.

CARLOS NEJAR:

—A ENGENHOSA LETÍCIA DO PONTAL.

—A GINEALOGIA DA PALAVRA.

—AMAR, A MAIS ALTA CONSTELAÇÃO.

—AS ÁGUAS QUE CONVERSAVAM-VOLUME 1.

—BREVE HISTÓRIA DO MUNDO.

—CADERNO DE FOGO.

—CARTA AOS LOUCOS.

—ESPUMA DE FOGO.

—EVANGELHO, SEGUNDO O VENTO.

—O LIVRO DO PEREGRINO.

—O POÇO DOS MILAGRES.

—RIOPAMPA.

—SONETOS DO PAIOLÃO SUL DA AURORA.

—TRATADO DE BOM GOVERNO.

—TUMIM, O PASSARINHO.

CARLOS REICHENBACH:

—DOIS CÓRREGOS.

CARLOS RIBEIRO:

—ABISMO.

—VISITANTE NOTURNO.

CARLOS ROBERTO LACERDA:

—ANTIFACES.

CARLOS RODRIGUES BRANDÃO:

—O JARDIM DE TODOS.

CARLOS SEPÚLVEDA:

—SOPRO.

CARLOS SUSSEKIND:

—ARMADILHA PARA LAMARTINE.

—O AUTOR MENTE MUITO.

—OMBROS ALTOS.

—QUE PENSAM VOCÊS QUE ELE FEZ?

CARLOS URBIM:

—OS FARRAPOS.

CARLOS VOGT:

—ILHAS BRASIL.

CARMEN LÚCIA OLIVEIRA:

—FLORES RARAS E BANALÍSSIMAS .

—TRILHOS E QUINTAIS.

CARMEN MORENO:

—O PRIMEIRO CRIME.

CARMO CHAGAS:

—VESGO.

CARNEIRO DA CUNHA:

—AINDA É TEMPO DE RIR.

CAROL TEIXEIRA:

—DE ABISMOS E VERTIGENS.

CAROLINE BORJA:

—UMA SEGUNDA CHANCE.

CASIMIRO DE ABREU:

—AS PRIMAVERAS.

CASSANDRA RIOS:

—AS TRAÇAS.

—CRIME DE HONRA.

CASSETA E PLANETA:

—A TAÇA DO MUNDO É NOSSA.

—AGAMENON, O HOMEM E O MINTO.

—AS MELHORES PIADAS DO PLANETA E DA CASSETA TAMBÉM-VOLUME 5.

—AS PIADINHAS DO CASSETINHA.

—CASSETA E PLANETA, ENTREVISTA.

—SEU CREYSSON, VÍDIA I ÓBRIA.

—SEUS PROBLEMAS ACABARAM!: OS MELHORES PRODUTOS DAS ORGANIZAÇÕES...

CÁSSIA LOPES:

—UM OLHAR NA NEBLINA.

CÁSSIO GRINBERG:

—A ESCULTURA E O SOFÁ.

CÁSSIO LOREDANO:

—ALFABETO LITERÁRIO.

—O BONDE E A LINHA.

CÁSSIO PANTALEONI:

—NINGUÉM DISSE QUE ERA ASSIM.

CASTELO:

—VIZINHO, O PENTELHO MORA AO LADO: COMO IDENTIFICAR, ANALISAR E...

CASTRINHO:

—AS DISPUTAS DO GERAAAAALDO.

CASTRO ALVES:

—CANTO DA ESPERANÇA.

—CASTRO ALVES.

—O FANTASMA E A CANÇÃO.

—OS ESCRAVOS.

—TEATRO COMPLETO.

CECÍLIA COSTA:

—DAMAS DE COPAS.

CECÍLIA MEIRELES:

—AS MELHORES CRÔNICAS DE CECÍLIA MEIRELES.

—CECÍLIA MEIRELES.

—CRÔNICAS DE EDUCAÇÃO-VOLUME 1.

—CRÔNICAS DE EDUCAÇÃO-VOLUME 4.

—CRÔNICAS DE EDUCAÇÃO-VOLUME 5.

—CRÔNICAS DE VIAGEM-VOLUME 3.

—ESCOLHA SEU SONHO.

—ROMANCEIRO DA INCONFIDÊNCIA.

—VIAGEM VAGA MÚSICA.

CECÍLIA PRADA:

—ESTUDOS DE INTERIORES PARA UMA ARQUITETURA DA SOLIDÃO.

CECÍLIA VASCONCELLOS:

—GUINADA.

CÉLIO PINHEIRO:

—VAGAS VENDIDAS.

CELSO ANTUNES:

—MARINHEIROS E PROFESSORES.

CELSO ASTRE:

—BEIJO DE SOL.

CELSO BADIN:

—A JUVENTUDE, O CARNAVAL E O RIO DE JANEIRO.

CELSO CLÁUDIO:

—CARBONO DUPLA FACE.

CELSO SISTO:

—A NOIVA DO DIABO.

CELSO VICENZI:

—NÃO ME LEVEM A SÉRIO/DICIONÁRIO DE HUMOR

CÉSAR ALVES:

—PERGUNTE A QUEM CONHECE.

CÉSAR GARCIA LIMA:

—ÁGUAS DESNECESSÁRIAS.

CÉSAR LEAL:

—MINHA AMANTE EM LEIPZIG.

CÉSAR TRALLI:

—OLHAR CRÔNICO.

CHARLES DARWIN:

—A ORIGEM DAS ESPÉCIES.

CHARLES FOURIER:

—GUIA DOS CORNUDOS .

CHARLES KIEFER:

—A FACE DO ABISMO.

—A ÚLTIMA TRINCHEIRA.

—ANTOLOGIA PESSOAL.

—BORGES QUE AMAVA ESTELA.

—CAMINHANDO NA CHUVA.

—ESCORPIÃO DA SEXTA-FEIRA.

—MERCÚRIO VESTE AMARELO.

—MUSEU DE COISAS INSIGNIFICANTES.

—NÓS, OS QUE INVENTAMOS A ETERNIDADE.

—O LIVRO DAS MULHERES.

—O LIVRO DOS HOMENS.

—O PÊNDULO DO RELÓGIO.

—O PERDEDOR.

—OS OSSOS DA NOIVA.

—QUEM FAZ GEMER A TERRA.

—UM OUTRO OLHAR.

—VALSA PARA BRUNO STEIN.

CHICO ANYSIO: 

—ARMAZÉM DO CHICO.

—ARMAZÉM DO CHICO 1.

—COMO SEGURAR SEU CASAMENTO.

—JESUÍNO O PROFETA.

—O ANALISTA.

—O CANALHA.

—O TIETE DO AGRESTE.

—SALÃO DE SINUCA.

—SOU FRANCISCO.

CHICO BUARQUE DE HOLANDA:

—BENJAMIM.

—BUDAPESTE.

—ESTORVO.

—FAZENDA MODELO.

CHICO BUARQUE DE HOLANDA & PAULO PONTES:

—GOTA D´ÁGUA, UMA TRAGÉDIA BRASILEIRA.

CHICO CARUSO:

—ERA UMA VEZ FH/O HUMOR NA HISTÓRIA DO BRASIL DE 1994 A 2002.

CHICO MATTOSO E OUTROS:

—CABRAS, CADERNO DE VIAGEM.

—PARATI PARA MIM.

CHRISTINA SCHLEDER:

—A FÊNIX.

CHRISTOPHER REICH:

—CONTA NUMERADA.

CIBELE FÉLIX DE SINOS:

—O ÚLTIMO IMIGRANTE.

CÍCERO SANDRONI:

—COSME VELHO.

CÍCERO VILAS BOAS PINTO:

—O PASSAGEIRO DO DESTINO.

CID LUIZ DE SOUZA JARDIM:

—ESQUECI DE TE ESQUECER.

CÍNTIA DE FARIA PIMENTEL MARQUES:

—CALLIOPE, A MULHER DE ATENAS.

CÍNTIA MOSCOVICH:

—ANOTAÇÕES DURANTE O INCÊNDIO.

—ARQUITETURA DO ARCO ÍRIS.

—DUAS IGUAIS.

—O REINO DAS CEBOLAS.

CIRO PELLICANO:

—A ÚLTIMA COISA QUE EU PRETENDO FAZER NA VIDA É MORRER.

CLAIR DE MATTOS:

—AS VIDAS DE KATHERINE.

—MOSAICO EM BRANCO E PRETO.

CLARAH AVERBUCK:

—MÁQUINA DE PINBALL.

—VIDA DE GATO.

CLARICE LISPECTOR:

—A BELA E A FERA.

—A CIDADE SITIADA.

—A DESCOBERTA DO MUNDO.

—A HORA DA ESTRELA.

—A LEGIÃO ESTRANGEIRA.

—A MAÇÃ NO ESCURO.

—A MULHER QUE MATOU OS PEIXES.

—A PAIXÃO SEGUNDO G. H.

—A VIA CRUCIS DO CORPO.

—A VIDA ÍNTIMA DE LAURA.

—ÁGUA VIVA.

—APRENDENDO A VIVER.

—CADERNOS DE LITERATURA BRASILEIRA.

—CORRESPONDÊNCIAS.

—DE CORPO INTEIRO.

—DOZE LENDAS BRASILEIRAS.

—FELICIDADE CLANDESTINA.

—LAÇOS DE FAMÍLIA.

—O LUSTRE.

—O MISTÉRIO DO COELHO PENSANTE.

—ONDE ESTIVESTES DE NOITE.

—OUTROS ESCRITOS.

—PARA NÃO ESQUECER.

—PERTO DO CORAÇÃO SELVAGEM.

—QUASE DE VERDADE.

—UM SOPRO DE VIDA.

—UMA APRENDIZAGEM OU O LIVRO DOS PRAZERES.

CLARICE LISPECTOR, ARACY BALABANIAN:

—CLARICE LISPECTOR-ÁUDIO.

CLARICE PACHECO:

—O TEMPO DE CADA UM-VOLUME 2.

—UM DIA NA VIDA-VOLUME 3.

CLARISSE C. RIBEIRO:

—HERÓIS E COVARDES QUE O BRASIL ESQUECEU.

CLARK DARLTON:

—O DETENTOR DO SEGREDO.

—UMA FENDA NO HIPERESPAÇO.

CLAUDE MARCEAU:

—MENINO SEM ALMA.

CLÁUDIA LAGE:

—A PEQUENA MORTE.

CLÁUDIA LIDRONETA:

—O OURO DE OFIR.

CLÁUDIA MATTOS:

—NACIONALIDADE ESTRANGEIRA.

—PESCARIA DE CORPOS.

CLÁUDIA MONTEIRO DE CASTRO:

—CRÔNICAS CALIFORNIANAS.

—CRÔNICAS DE AMOR SEXO E CULINÁRIA.

CLÁUDIA TAJES:

—AS PERNAS DE ÚRSULA.

—DEZ QUASE AMORES.

—DORES AMORES E ASSEMELHADOS.

CLÁUDIA VALLI:

—MULHERES E CRIANÇAS PRIMEIRO!

CLAUDINEI LUIZ:

—AMOR BRASILEIRO.

—VIVENDO MELHOR DITO REDITO E POUCO APRENDIDO.

CLÁUDIO ABRAMO:

—A REGRA DO JOGO.

CLÁUDIO AGUIAR:

—CALDEIRÃO, A GUERRA DOS BEATOS.

—TEATRO DE FRANKLIN TÁVORA.

CLÁUDIO ARAGÃO:

—A HISTÓRIA DO BOTOFOGO.

—A HISTÓRIA DO CORINTHIANS EM CORDEL.

CLÁUDIO B. CARLOS:

—UM ARADO RASGANDO A CARNE.

CLÁUDIO BLANC:

—OS CELTAS.

CLÁUDIO BOJUNGA:

—JK, O ARTISTA DO IMPOSSÍVEL .

CLÁUDIO CARVALHO:

—ASSALTO À CIDADELA DOS DEUSES.

CLÁUDIO CSILLAG:

—TRÂNSITO.

CLÁUDIO DUTRA:

—CONTRAENCONTRO E OUTROS CONTOS.

CLÁUDIO GALPERIN:

—DRAGUINHO DIFERENTE DE TODOS PARECIDO COM NINGUÉM.

—O AVESSO DOS DIAS.

—OS XERETAS.

—UM DIA UM GANSO.

CLÁUDIO HENRIQUE:

—BOTAFOGO, CONTOS DO RIO.

CLÁUDIO JOSÉ LOPES RODRIGUES:

—DIÁRIO NÃO DIÁRIO 1.

CLÁUDIO LACERDA:

—O GENERAL, A GAROTA DE PROGRAMA E SEUS VIZINHOS.

—UMA CRISE DE AGOSTO, O ATENTADO DA RUA TONELEROS.

CLÁUDIO MAKSOUD:

—OS DOZE, O CÓDIGO QUE NEM DA VINCI SABIA.

CLÁUDIO MORENO:

—O PRAZER DAS PALAVRAS.

—TRÓIA, O ROMANCE DE UMA GUERRA.

—UM RIO QUE VEM DA GRÉCIA .

CLÁUDIO PAIVA:

—COMO DESTRUIR SEU CASAMENTO/GUIA PRÁTICO .

—INFERNO NO MAR.

CLÁUDIO PICAZIO:

—DIFERENTES DESEJOS.

CLÁUDIO SEBENELO:

—PORTO ALEGRE VENTO RIO.

CLÁUDIO VIEIRA:

—O TERCEIRO TIRO.

CLÁUDIO WILLER:

—VOLTA.

CLAUFE RODRIGUES:

—ROMAN-SE.

CLEO MARTINS:

—AO SABOR DE OIA.

CLEONDER EVANGELISTA:

—LUZ NO FIM DO TÚNEL.

CLEONICE BERARDINELLI:

—ESTUDOS CAMONICOS.

—FERNANDO PESSOA/OUTRA VEZ TE REVEJO...

CLEONICE RAINHO:

—LIBERDADE PARA AS ESTRELAS.

CLEUSA MIRANDA:

—O IMORTAL.

CLEUSA TURRA:

—RACISMO CORDIAL.

CLOTILDE CHAPARRO ROCHA:

—LUZINDA.

CLOVES MARQUES DA SILVA:

—A MÁSCARA EM HAICAI.

CLÓVIS BULCÃO:

—A QUARTA PARTE DO MUNDO.

—MARQUESA DE SANTOS.

CLÓVIS MALCHER FILHO:

—A ARTE DE RESSUSCITAR VIVO.

CLÓVIS MORAES:

—PEQUENA ENCICLOPÉDIA DAS PERSONALIDADES DA LITERATURA BRASIL.

CLÓVIS SENA:

—FRONTEIRA CENTRO-OESTE.

COLEMAR ELIAS CAMPOS:

—MISTÉRIOS DA C. VEADEIROS.

CONDE GOBLET DALVIELLA:

—O DIA DO AI-5.

CONSTANTINO GREGÓRIO NETTO:

—MADRE MARIE.

CONSUELO DA SILVA DANTAS:

—CARLOTA, PÁGINAS DE UM DIÁRIO.

CONTARDO CALLIGARIS:

—TERRA DE NINGUÉM.

CORA CORALINA:

—ESTÓRIAS DA CASA VELHA DA PONTE.

—O TESOURO DA VELHA CASA.

CORA CORALINA & VICENCIA BRETAS TAHAN:

—CORA CORAGEM, CORA POESIA.

CORNÉLIO PIRES:

—CONVERSAS AO PÉ-DO-FOGO.

—ESTRAMBÓTICAS AVENTURAS DE JOAQUIM BENTINHO.

—MEU SAMBURÁ.

—PATACOADAS.

—QUEM CONTA UM CONTO...

CORNETT:

—PEDAÇOS DO SER/A PROCURA DE SI MESMO.

CRESO BALDUÍNO DA SILVA:

—TAPUIACU.

CRIS TEODÓSIO CÉSAR:

—CRÔNICAS.

CRISTHIANE RUIZ:

—ALMANAQUE SEX AND THE CITY.

CRISTIANE COSTA:

—EU COMPRO ESSA MULHER.

—FICÇÃO, COMUNICAÇÃO E MÍDIAS.

—PENA DE ALUGUEL.

CRISTINA MAGALHÃES:

—A GRANDE LUZ.

CRISTINA MAYO:

—O CAMINHO DA LIBERTAÇÃO.

CRISTOVAM BUARQUE:

—A RESSURREIÇÃO DO GENERAL SANCHEZ.

—ASTRICIA.

—OS DEUSES SUBTERRÂNEOS.

—UM LIVRO DE PERGUNTAS.

CRISTÓVÃO TEZZA:

—A SUAVIDADE DO VENTO.

—BREVE ESPAÇO ENTRE COR E SOMBRA.

—ENSAIO DA PAIXÃO.

—JULIANO PAVOLLINI.

—O FOTÓGRAFO.

—TRAPO.

—UMA NOITE EM CURITIBA.

CRUZ E SOUZA:

—FARÓIS.

CUÍCA DE SANTO AMARO:

—CORDEL CUÍCA DE SANTO AMARO.

CUNHA DE LEIRADELLA:

—APENAS QUESTÃO DE MÉTODO.

—SÍNDROMES E SÍNDROMES.

CURTIS MASIL:

—A SÍNDROME DE ATLÂNTIDA.

CYANA LEAHY DIOS:

—EDUCAÇÃO LITERÁRIA COMO METÁFORA SOCIAL.

CYNKIN:

—A FORMA DA FESTA, TROPICALISMO A EXPLOSÃO E SEUS ESTILHAÇOS.

CYNTHIA DORNELLES:

—1001 E-MAILS.

CYRO DE MATTOS:

—CONTOS BRASILEIROS DE FUTEBOL.

CYRO DOS ANJOS:

—O AMANUENSE BELMIRO.

D. KOLVES:

—LUZ NO FIM DO TUNEL.

DAGOBERTO CARVALHO JÚNIOR:

—REVOLUÇÃO PELA PALAVRA.

DAISI MALHADA:

—TRAGÉDIA GREGA, O MITO EM CENAATELIE.

DALTON TREVISAN:

—111 AIS.

—234 MINISTÓRIAS.

—33 CONTOS ESCOLHIDOS

—99 CORRUIRAS NANICAS.

—A GUERRA CONJUGAL.

—A POLAQUINHA.

—ABISMO DE ROSAS.

—AH, É?

—ARARA BÊBEDA.

—CAPITU SOU EU.

—CEMITÉRIO DE ELEFANTES.

—CONTINHOS GALANTES.

—CONTOS BRASILEIROS.

—CONTOS ERÓTICOS.

—CRIMES DE PAIXÃO.

—DINORÁ.

—EM BUSCA DE CURITIBA PERDIDA.

—ESSAS MALDITAS MULHERES.

—MEU QUERIDO ASSASSINO.

—MISTÉRIOS DE CURITIBA.

—O GRANDE DEFLORADOR.

—O VAMPIRO DE CURITIBA.

—PÃO E SANGUE.

—PICO NA VEIA.

—QUEM TEM MEDO DE VAMPIRO?

—RITA, RITINHA RITONA.

—VIRGEM LOUCA.

—VOZES DO RETRATO.

DAMÁSIO E. DE JESUS:

—SAPINHO QUE QUERIA PRESTAR CONCURSO E OUTRAS CRÔNICAS.

DANIEL CARLOS CARDOSO:

—O RECOMEÇO.

DANIEL CHUTORIANSCY:

—A UM PRAZO DA DOR.

DANIEL DETANICO:

—CANTOS ASSASSINOS.

DANIEL FRAZÃO:

—CERCO.

DANIEL FRESNOT:

—SUZANA, PROSA E OUTROS VERSOS.

DANIEL FUNES:

—BAWAKAWA.

—HISTÓRIAS SECRETAS.

DANIEL KRASUCKI:

—ASSASSINATO DA RUA MARANHÃO.

DANIEL MUNDURUKU:

—O SEGREDO DA CHUVA.

—O SINAL DO PAJÉ.

DANIEL PELLIZZARI:

—DEDO NEGRO COM UNHA .

DANIEL PIZA:

—MISTÉRIOS DA LITERATURA.

—ORA, BOLAS.

—QUESTÃO DE GOSTO.

DANIEL PIZA & PAULO FRANCIS:

—WAAAL.

DANIEL SANTOS:

—PÁSSAROS DA MESMA GAIOLA.

DANIELA ABADE:

—CRÔNICOS.

—DEPOIS QUE ACABOU.

DANILO ANGRIMANI SOBRINHO:

—NICOLA.

DANILO RIBEIRO:

—SOCORRO! SALVE MEU CASAMENTO.

DANTAS MOTA:

—ELEGIAS DO PAÍS DAS GERAIS.

DANUZA LEÃO:

—AS APARÊNCIAS ENGANAM.

—CRÔNICAS PARA GUARDAR.

DARCY RIBEIRO:

—GENTIDADES.

—O MULO.

DARIO LOSTADO:

—SOMOS AMOR.

DAU BASTOS:

—CLANDESTINOS NA AMÉRICA.

DAVI ARRIGUCCI JÚNIOR:

—ENIGMA E COMENTÁRIO.

—O ROCAMBOLE.

—RUBEM BRAGA..

—UGOLINO E A PERDIZ.

DAVI ARRIGUCCI JÚNIOR, SÉRGIO FINGERMANN:

—UGOLINO E A PERDIZ.

DAVI COHEN:

—FÁBRICA DE ALMAS OU EM BUSCA DE DEODATO AMÂNCIO.

DAVID AKSTEIN:

—O SAMURAI E A CEREJEIRA.

DAVID COIMBRA:

—A HISTÓRIA DOS GRENAIS.

—A MULHER DO CENTROAVANTE E OUTRAS HISTÓRIAS.

—CANIBAIS, PAIXÃO E MORTE NA RUA DO ARVOREDO .

—OCIDENTAL.

DAVID CYMROT:

—CORES EM POESIA OU POESIA EM CORES.

DÉCIO FREITAS:

—O MAIOR CRIME DA TERRA.

DÉCIO PIGNATARI:

—INFORMAÇÃO, LINGUAGEM, COMUNICAÇÃO.

DÉLCIO MONTEIRO LIMA:

—O PESO DA IDADE.

DELFIM NETTO:

—CRÔNICA DO DEBATE INTERDITADO.

DELMIRO GRITTI:

—SOBRE O LIVRO E O ESCREVER.

DEMÓCRITO ROCHA:

—HISTÓRIA DA COMISSÃO CIENTÍFICA DE EXPLORAÇÃO.

DENILSON LOPES:

—O HOMEM QUE AMAVA RAPAZES.

DENIS DE MORAES:

—PRESTES, LUTAS E AUTOCRÍTICAS.

DENISE ASSIS:

—VENDE-SE VESTIDO DE NOIVA.

DENISE DIEGUES IMPASTARI:

—O JULGAMENTO DO DINHEIRO.

DENISE EMMER:

—GERAÇÃO ESTRELA.

—O INSÓLITO FESTIM.

DENISE REIS:

—TERRA INCONSCIENTE

DEONÍSIO DA SILVA:

—A PRIMEIRA COISA QUE EU BOTEI NA BOCA.

—JOGO DE ESPELHOS.

—TODAS AS EMOÇÕES.

—TRATADO DOS HOMENS PERDIDOS.

DERICO SCIOTTI:

—BOBAGENS.COM .

DETA ENGEL:

—O ALEMÃO QUE VENDIA CAFÉ.

DEURIDES SANTOS:

—LEANDRO E LEONARDO.

DIAS DA COSTA E OUTROS:

—AU-AU, TRÊS CONTOS DE CÃO.

DIAS GOMES:

—DECADÊNCIA.

—INVASÃO, A PEÇA EM TRÊS ATOS E CINCO QUADROS.

—O BEM-AMADO.

—O SANTO INQUÉRITO.

—ODORICO NA CABEÇA.

—OS ESPETÁCULOS MUSICAIS.

—OS FALSOS MITOS.

—REI DE RAMOS.

—SUCUPIRA, AME-A OU DEIXE-A.

DIETER SCHILLER:

—CIDADE PERDIDA NA AMAZÔNIA.

DIJAIRO GONÇALVES LIMA:

—VILA VELHA, SEU PASSADO E SUA GENTE.

DINAH SILVEIRA DE QUEIROZ:

—A MURALHA.

—FLORADAS NA SERRA.

DIÓGENES MOURA:

—COMO ATORMENTAR UM HOMEM, VERSÃO GAY .

DIÓGENES REBOUÇAS FILHO:

—PAI AGENOR-VOLUME 1.

DIOGO MAINARDI:

—A TAPAS E PONTAPÉS.

—CONTRA O BRASIL.

—MALTHUS.

DIONÍSIO DA SILVA:

—A VIDA ÍNTIMA DAS FRASES.

—OS APÓSTOLOS.

DIONÍSIO JACOB:

—A UTOPIA BUROCRÁTICA DE MÁXIMO MODESTO.

—ASSOMBROS URBANOS.

DIONÍSIO TOLEDO:

—OS MELHORES CONTOS DE SIMÕES LOPES NETO.

DIRCE DE ASSIS CAVALCANTI:

—O VELHO CHICO OU A VIDA É AMÁVEL.

DIRCEU BORGES:

—O QUE VOCÊ VAI FAZER EM DEZEMBRO?

DITA ACATAUASSU:

—MARAJÓ, MINHA VIDA.

DIVINO ANTÔNIO DE SOUSA:

—DUPLO MILAGRE.

—RENASCER DE UM AMOR IMPOSSÍVEL.

DJALMA CAVALCANTE:

—CONTOS COMPLETOS DE MACHADO DE ASSIS-2 TOMOS .

DOC COMPARATO:

—A GUERRA DAS IMAGINAÇÕES.

DODÔ AZEVEDO:

—PESSOAS DO SÉCULO PASSADO.

DOM LUCAS MOREIRA NEVES:

—A SARCA ARDENTE E OUTRAS CRÔNICAS.

—MEMORIAL DE FOGO E OUTRAS CRÔNICAS.

DOMÍCIO PROENÇA FILHO:

—CAPITU, MEMÓRIAS PÓSTUMAS.

—NOVAS SELETAS, JOÃO UBALDO RIBEIRO.

DOMINGOS DEMASI:

—SACANAS MADE IN USA .

DOMINGOS OLÍMPIO:

—LUZIA-HOMEM.

DOMINGOS PELLEGRINI:

—CONVERSAS DE AMOR.

—NO COMEÇO DE TUDO.

—NO CORAÇÃO DAS PEROBAS.

—O CASO DA CHÁCARA CHÃO.

—TEMPO DE GUERRA.

—TERRA VERMELHA.

DOMINGOS PELLEGRINI E MIGUEL SANCHES NETO:

—OS MELHORES CONTOS DE DOMINGOS PELLEGRINI.

DON WILSON:

—DERROTA SUL.

DONALDO SCHULER:

—A CONSTRUÇÃO DA ILÍADA.

—REFABULAR ESOPO.

DORA RAMOS:

—DE VOLTA AO JARDIM.

DORIS FLEURY:

—MULHERES PINTADAS.

DOUGLAS TUFANO:

—ANTOLOGIA DO CONTO BRASILEIRO.

DOUTOR CARNEIRO & HENRIQUE SZKLO:

—A DIETA DO SON OF A BITCH: EMAGREÇA DE UMA VEZ, SEU GORDO SAFADO.

—MINUTOS DE ESTUPIDEZ: UM MANUAL DE AUTODESTRUIÇÃO .

DR. ANTÔNIO CARLOS COSTARDI:

—CARTAS A UMA AMIGA.

DUCA LEINDECKER:

—A CASA DA ESQUINA.

—A FAVOR DO VENTO.

DYONÉLIO MACHADO:

—DESOLAÇÃO.

—O LOUCO DO CATI.

—OS RATOS.

DYRCE ARAÚJO:

—SAGRADA PAIXÃO.

E. CHERRI FILHO:

—MAMONAS ASSASSINAS, O SHOW DEVE CONTINUAR.

E. T. LISBOA:

—ORGULHO DA MOSCA.

EBER HUDSON:

LINEZSCHE.

EÇA DE QUEIROZ:

—O CRIME DO PADRE AMARO.

—O PRIMO BASÍLIO.

ED MCBAIN:

—SANGUE E GELO.

EDDIE MULLER:

—ATÉ  O FIM.

—NOCAUTE, UM GOLPE CERTEIRO, UMA VÍTIMA FATAL.

EDDIE VAN FEU:

—O PORTAL.

EDGAR ALLAN POE:

—HISTÓRIAS DE CRIME E MISTÉRIO.

EDGAR TELLES RIBEIRO:

—O MANUSCRITO.

EDGAR VASQUES:

—CARAS PINTADAS .

EDGAR WALLACE:

—A PISTA DO ALFINETE NOVO.

EDGARD TELLES RIBEIRO:

—AS LARVAS AZUIS DA AMAZÔNIA.

—BRANCO COMO ARCO ÍRIS.

—HISTÓRIAS MIRABOLANTES DE AMORES CLANDESTINOS.

—NO CORAÇÃO DA FLORESTA.

—O CRIADO MUDO.

—O LIVRO DAS PEQUENAS INFIDELIDADES.

—O MANUSCRITO.

EDI PAULO DALBOSCO:

—DUPLA INVESTIGAÇÃO.

EDÍLIO SGANZERLA:

—300 GARGALHADAS .

EDILMAR LIMA:

—CRÔNICAS DE UM DETETIVE.

ÉDINA PANICHI:

—PEDRO NAVA E A CONSTRUÇÃO DO TEXTO.

EDINHA DINIZ:

—MACHADO DE ASSIS.

EDISON VOLPATO:

—ANÁLISE DE OBRAS LITERÁRIAS.

EDLA ALCÂNTARA ANGELIN:

—NO VALE DO CAPÃO.

EDLA VAN STEEN:

—A IRA DAS ÁGUAS.

—JOSÉ DE ALENCAR (COLEÇÃO MELHORES CRÔNICAS).

—MACHADO DE ASSIS (COLEÇÃO MELHORES CRÔNICAS).

—NO SILÊNCIO DAS NUVENS.

EDMUNDO MONIZ:

—AS MULHERES PROIBIDAS.

EDNEY SILVESTRE:

—OUTROS TEMPOS.

EDRIAN JOSUÉ PASINI:

—ALMANAQUE SANTO ANTÔNIO.

EDSON MAGALHÃES:

—A MÁFIA NO BRASIL.

EDSON TEIXEIRA QUEIROZ:

—ANTOLOGIA DE BARBOSA LIMA SOBRINHO.

EDUARDO A. C. GARCIA:

—O CÉU COMO BANDEIRA.

EDUARDO ALMEIDA REIS:

—AMOR SINCERO CUSTA CARO.

EDUARDO BOTELHO:

—O VENCEDOR.

EDUARDO BUENO DE SANTA MARIA:

—ESTROS EM PROSA.

EDUARDO CALDEIRA:

—OPERAÇÃO TRINIDAD.

EDUARDO CHAVES PANDOLFI:

—UMA SAGA LONGOBARDA.

EDUARDO DALL ALBA:

—NOITE E MÚSICA NA POESIA DE CARLOS DRUMMOND DE ANDRADE.

EDUARDO DE ALENCAR:

—OS MENINOS DA RUA BAUER.

EDUARDO DE ALMEIDA REIS:

—AMOR SINCERO CUSTA CARO.

EDUARDO FERREIRA SANTOS:

—ESPELHO VIVO.

EDUARDO FRIEIRO:

—O MAMELUCO BOAVENTURA.

EDUARDO GALEANO:

—DIAS E NOITES DE AMOR E DE GUERRA.

EDUARDO MAFFEI:

—A GREVE.

EDUARDO MEURER:

—SEGREDOS SUBMERSOS DO ATLÂNTICO.

EDUARDO MOREIRA:

—UM LIVRO CHAMADO VIDA.

EDUARDO PARAGUASSU:

—CARDEAL E A SENHORA WHITE.

EDUARDO SAN MARTIM:

—A VIAGEM DO PIRATA RICHAR HAWKINS 1590 1594.

EDVALDO PEREIRA LIMA:

—AYRTON SENNA, GUERREIRO DE AQUÁRIO.

EDVAN ANTUNES:

—COMO ENLOUQUECER UM POLÍTICO .

EDYR AUGUSTO:

—CASA DE CABA.

EFRAIM OLSZEWER:

—HISTÓRIA DA VIDA EM 12 CONTOS.

ELA KOBHIACO:

—VITÓRIA.

ELIANA LEAL:

—NUNCA ABRA MÃO DOS SEUS SONHOS.

ELIANA PACE:

—RENATO CONSORTE, CONTESTADOR POR ÍNDOLE .

ELIANA SCHEUER:

—RETALHOS DE BEM QUERER.

ELIANE VERAS SOARES:

—FLORESTAN FERNANDES, O MILITANTE SOLITÁRIO .

ELIAS AWAD:

—SAMUEL KLEIN E CASAS BAHIA, UMA TRAJETÓRIA DE SUCESSO .

ELIAS JOSÉ:

—RE-FABULANDO LENDAS, FÁBULAS E CONTOS BRASILEIROS-VOLUME 3.

ELIAS KNOBEL:

—MEMÓRIAS AGUDAS E CRÔNICAS DE UMA UTI .

ELIAS THOMÉ SALIBA:

—AS UTOPIAS ROMÂNTICAS.

—RAÍZES DO RISO .

ELIENE NARDUCCI:

—SARACUSA.COM.

ELISA LUCINDA:

—CONTOS DE VISTA .

ELIZA TEIXEIRA DE ANDRADE:

—ESTAÇÃO DO AMOR.

ELIZABETH D’ÂNGELO SERRA:

—ÉTICA ESTÉTICA E AFETO NA LITERATURA PARA CRIANÇAS E JOVENS.

ELIZABETH ORSINI:

—CARTAS DO CORAÇÃO, UMA ANTOLOGIA DO AMOR.

ELIZABETH TUNES:

—A QUE ESTAVA AQUI.

ELIZIÁRIO GOULART ROCHA:

—DONA DEUSA E SEUS ARREDORES ESCANDALOSOS.

—SILÊNCIO NO BORDEL DE TIA CHININHA.

ELMA BICHARA IZAI:

—PEQUENAS HISTÓRIAS DOS HOMENS DAS MINHAS MULHERES.

ELOMAR NASCIMENTO:

—CONTO DAS NOVE LUAS.

ELOY DE LACERDA:

—O PROFISSIONAL DO SEGREDO.

ELOY TERRA:

—CRÔNICAS PITORESCAS DA HISTÓRIA DO BRASIL.

—OUTROS 500.

ELSON G. E. OLIVEIRA:

—AÇUCENA.

—CAUSOS INCATOS.

—O SINO DA IGREJA.

ELTON RODRIGUES:

—TÁXI, UMA CORRIDA CONTRA A LEI.

ELVINO BARROS:

—MEDICINA, FACULDADE DE EMOÇÕES.

ELVIRA VIGNA:

—A UM PASSO.

—ÀS SEIS EM PONTO.

—COISAS QUE OS HOMENS NÃO ENTENDEM.

—O ASSASSINATO DE BEBÊ MARTE.

—O JOGO DOS LIMITES.

EMANUEL ARAÚJO:

—CONSTRUÇÃO DO LIVRO.

EMIR LARANJEIRA:

—BAIRRO DE LATA..

—O GOLPISTA.

—OPERAÇÃO ARABESCO.

—PROFISSÃO TRAFICANTE.

ENEIDA MARIA DE SOUZA:

—PEDRO NAVA.

ÊNIO GUANABARA:

—CANAVIAIS E CORONÉIS.

—CORRENTEZA.

—RECÔNCAVO.

ÊNIO SQUEFF:

—VILA MADALENA.

ERI AURÉLIO RIVAS:

—DIÁRIOS DE VIAGEM.

ERIC LEBER:

—HISTÓRIA SECRETA, DIPLOMACIA DO VATICANO.

ERIC NEPOMUCENO:

—A MULHER DO PROFESSOR.

—CADERNO DE NOTAS.

—COISAS DO MUNDO.

—QUARTA-FEIRA.

ÉRICO VERÍSSIMO:

—ANA TERRA .

—CAMINHOS CRUZADOS.

—CLARISSA.

—DO DIÁRIO DE SÍLVIA.

—FANTOCHES..

—GALERIA FOSCA.

—INCIDENTE EM ANTARES.

—LIBERDADE DE ESCREVER ENTREVISTAS SOBRE LITERATURA E POLÍTICA.

—MÚSICA AO LONGE.

—O ARQUIPÉLAGO-VOLUME 1.

—O ARQUIPÉLAGO-VOLUME 2.

—O ARQUIPÉLAGO-VOLUME 3.

—O CONTINENTE-VOLUME 1.

—O CONTINENTE-VOLUME 2.

—O RETRATO-VOLUME 1.

—O RETRATO-VOLUME 2.

—OLHAI OS LÍRIOS DO CAMPO.

—RESTO E SILÊNCIO.

—SENHOR EMBAIXADOR.

—UM CERTO CAPITÃO RODRIGO.

ERIVELTO BUSTO GARCIA:

—MINIMALAMINA.

ERNANI PIRES FERREIRA:

—GUARDANAPOS DE PAPEL.

ERNESTO KUHLMANN JÚNIOR:

—QUEM PODE MAIS.

ERNESTO MANUEL DE MELO E CASTRO:

—ALGORRITMOS.

ERNESTO RODRIGUES:

—AYRTON, O HERÓI REVELADO .

ERNLE BRADFORD:

—REVOLUCIONÁRIOS.

ERNST VLCEK:

—CAÇADA A UM MORTO .

—OS FALSOS ITRINKS-VOLUME 18 .

ESDRAS DO NASCIMENTO:

—CONVITE AO DESESPERO.

—LIÇÃO DA NOITE.

ESQUILO:

—REI ÉDIPO.

ESTELA ROTTA LOBO:

—ASTROLOGIA PARA GAYS E LÉSBICAS.

ESTHER GROSSI:

—CURRÍCULO, TEORIA E HISTÓRIA.

ESTHER REGINA LARGMAN:

—JAN E NASSAU.

—JOVENS POLACAS.

ESTHER SERRUYA AZULAY:

—O QUE O VENTO NÃO LEVOU.

EUCLIDES DA CUNHA:

—OBRA COMPLETA.

—OS SERTÕES.

EUDINYR FRAGA:

—NELSON RODRIGUES EXPRESSIONISTA.

EUGÊNIA ZERBINI:

—AS NETAS DA EMA.

EUGÊNIO GOUSSINSKY:

—ESQUINA SOLIDÃO.

EUGÊNIO MOHALLEM:

—RAZÕES PARA BATER NUM SUJEITO DE ÓCULOS .

—EULÁLIA ISABEL COELHO: O IMPREVISTO.

EURICO FERREIRA SANTOS:

—MISTÉRIOS DO PAU VERMELHO, O PAU QUE NASCEU TORTO.

EUSTÁQUIO GOMES:

—A FEBRE AMOROSA.

—O MAPA DA AUSTRÁLIA.

EVALDO CABRAL DE MELLO:

—JOAQUIM NABUCO, DIÁRIOS.

EVANDRO AFFONSO FERREIRA:

—EREFUE.

—GROGOTO.

—ZARATEMPO!.

EVANDRO AUGUSTO DAOLIO:

—RIA DA MINHA VIDA, A BUSCA DE UM GRANDE AMOR-3.

EVANGELINA BARBOSA MORAES:

—A BÓIA PERDIDA.

EVARISTO DE MORAES:

—REMINISCÊNCIAS DE UM RÁBULA CRIMINALISTA .

ÉZIO FLÁVIO BAZZO:

—DYMPHNE, A SANTA PROTETORA DOS LOUCOS.

F. RAMON:

—ORÁCULO GAY.

FABIANNE CHUSTER:

—QUIZ DO FULANO.COM.BR.

FÁBIO DANESI ROSSI:

—TODAS AS FESTAS FELIZES DEMAIS.

—WUNDERBLOGS.COM.

FÁBIO FLORA:

—NÃO ESTAMOS SÓS.

FÁBIO HERNANDEZ:

—CONFISSÕES DE UM HOMEM SINCERO.

FÁBIO LUCAS:

—HENRIQUETA LISBOA, MELHORES POEMAS.

FÁBIO PANNUNZIO:

—A ÚLTIMA TRINCHEIRA.

FÁBIO SIQUEIRA DO AMARAL:

—OS ETERNOS CLONES.

FABRÍCIO CARPINEJAR:

—AS SOLAS DO SOL.

FAGUNDES VARELLA:

—CANTOS E FANTASIAS E OUTROS CANTOS.

FANNY ABRAMOVICH:

—MEU PROFESSOR INESQUECÍVEL.

—RITOS DE PASSAGEM DE NOSSA INFÂNCIA E ADOLESCÊNCIA.

FARAH:

—O REI DA MONTANHA.

FÁTIMA APARECIDA DEBONIS:

—A LINGUAGEM QUE VEM DA ALMA.

FÁTIMA MESQUITA:

—JULIETA E JULIETA.

FÁTIMA MIGUEZ:

—PAISAGENS BRASILEIRAS.

FÁTIMA QUINTAS:

—DE NÉVOAS E BRUMAS.

FÁTIMA VALENÇA:

—O CRIME DA AVENIDA PASSOS.

FAUSTINO MACHADO:

—O SILÊNCIO DOS CULPADOS.

FAUSTO WOLFF:

—A IMPRENSA LIVRE DE FAUSTO WOLFF.

—A MÃO ESQUERDA.

—A MILÉSIMA SEGUNDA NOITE.

—O ACROBATA PEDE DESCULPAS E CAI.

—O HOMEM E SEU ALGOZ.

—O LOBO ATRÁS DO ESPELHO.

—O NOME DE DEUS.

FEDERICO GARCIA LORCA:

—ASSIM QUE PASSAREM CINCO ANOS, LENDA DO TEMPO.

—OBRA POÉTICA COMPLETA.

FELIPE FORTUNA:

—CURVAS, LADEIRAS, BAIRRO DE SANTA TERESA.

FELIPE GRECO:

—CAÇADORES NOTURNOS.

—O COVEIRO.

FELIPE MACHADO:

—OLHOS COR DE CHUVA.

FÉLIX DE ATHAYDE:

—IDÉIAS FIXAS DE JOÃO CABRAL.

FERNAND ALPHEN:

—HERMES, O DEUS DA CYBERCOISA.

FERNANDA ARLETTE:

—ALETHEIA.

FERNANDA FELISBERTO:

—TERRAS DE PALAVRAS.

FERNANDA PAPATERRA LIMONGI:

—A MEDIDA DO IMPOSSÍVEL.

FERNANDA YOUNG:

—A SOMBRA DAS VOSSAS ASAS.

—ARITMÉTICA.

—AS PESSOAS DOS LIVROSS.

—CARTAS PARA ALGUÉM BEM PERTO.

—VERGONHA DOS PÉS.

FERNANDO ANTÔNIO GONÇALVES:

—SILVINO E EU.

FERNANDO BONASSI:

—100 COISAS.

—HISTÓRIAS EXTRAORDINÁRIAS.

—O AMOR É UMA DOR FELIZ.

—O CÉU E O FUNDO DO MAR.

—O MENINO QUE SE TRANCOU NA GELADEIRA.

—PASSAPORTE.

—PROVA CONTRÁRIA.

FERNANDO BRANT:

—CLUBE DOS GAMBÁS.

FERNANDO BURJATO:

—CABEÇA, CORPO, CAVEIRA E ALMA.

FERNANDO CALAZANS:

—O NOSSO FUTEBOL.

FERNANDO DA ROCHA PERES:

—GREGÓRIO DE MATTOS, O POETA RENASCE A CADA ANO.

FERNANDO FORTES:

—A VÉSPERA DO MEDO.

FERNANDO GABEIRA:

—ETC E TAO.

—O QUE É ISSO, COMPANHEIRO?

FERNANDO GASPARIAN:

—TERESINA ETC.

FERNANDO HENRIQUE CARDOSO:

—TERESINA ETC.

FERNANDO HERNANDEZ JÚNIOR:

—MOSAICO DO SENTIR.

FERNANDO HOFFMANN:

—VÔOS FANTÁSTICOS.

FERNANDO JORGE:

—LUTERO E A IGREJA DO PECADO.

—O GRANDE LÍDER.

—VIDA E OBRA DO PLAGIÁRIO PAULO FRANCIS.

FERNANDO MANTELLI:

—FELIZ FIM DO MUNDO.

FERNANDO MOLICA:

—NOTÍCIAS DO MIRANDÃO.

FERNANDO MONTEIRO:

—A CABEÇA NO FUNDO DO ENTULHO.

—A MÚMIA DO ROSTO DOURADO DO RIO DE JANEIRO.

—ARMADA AMÉRICA.

—ASPADES ETS ETC..

—O GRAU GRAUMANN.

FERNANDO MORAIS:

—CHATÔ, O REI DO BRASIL.

—NA TOCA DOS LEÕES.

—OLGA.

FERNANDO MORETTI:

—ARTE DE BEM NAVEGAR TODA A VELA.

FERNANDO PEDREIRA:

—UM CAVALO DE CHINELOS.

FERNANDO PESSOA FERREIRA:

—O UMBIGO DO ANJO.

—OS DEMÔNIOS MORREM DUAS VEZES.

FERNANDO PORTELA:

—ALLEGRO.

—AMEI DE PAIXÃO.

FERNANDO PUGA:

—SEGREDOS DE UMA BOLSA DE MULHER.

FERNANDO SABINO:

—A CHAVE DO ENIGMA.

—A CIDADE VAZIA.

—A INGLÊSA DESLUMBRADA.

—A MULHER DO VIZINHO.

—A NUDEZ DA VERDADE.

—A VIDA REAL.

—A VITÓRIA DA INFÂNCIA.

—A VOLTA POR CIMA.

—AMOR DE CAPITU.

—AQUI ESTAMOS TODOS NUS.

—BOLOFOFOS E FINIFINOS.

—CARA OU COROA?

—CARTAS A UM JOVEM ESCRITOR.

—CARTAS NA MESA.

—CARTAS PERTO DO CORAÇÃO.

—COM A GRAÇA DE DEUS.

—COMPANHEIRA DE VIAGEM.

—DE CABEÇA PARA BAIXO.

—DEIXA ALFREDO FALAR.

—DUAS NOVELAS DE AMOR.

—ENCONTRO MARCADO.

—FACA DE DOIS GUMES.

—FALTA QUE ELA ME FAZ.

—FERNANDO SABINO.

—GATO SOU EU.

—GENTE.

—HISTÓRIAS DIVERTIDAS.

—HOMEM NU.

—LIVRO ABERTO.

—MACACOS ME MORDAM .

—MARTINI SECO.

—MELHORES CONTOS, CRÔNICAS E HISTÓRIAS.

—MELHORES CRÔNICAS.

—MELHORES HISTÓRIAS.

—MENINO NO ESPELHO.

—NO FIM DÁ CERTO.

—O BOM LADRÃO.

—O GALO MÚSICO.

—O GRANDE MENTECAPTO.

—O HOMEM FEITO .

—O OUTRO GUME DA FACA .

—O PINTOR QUE PINTOU O SETE.

—O TABULEIRO DE DAMAS.

—OBRA REUNIDA.

—OS CAÇADORES DE MENTIRA.

—OS MOVIMENTOS SIMULADOS.

—PARA GOSTAR DE LER-VOLUME 2.

—PARA GOSTAR DE LER-VOLUME 4.

—PARA GOSTAR DE LER-VOLUME 5.

—UM CORPO DE MULHER.

—ZÉLIA, UMA PAIXÃO.

FERNANDO SABINO & CLARICE LISPECTOR:

—CARTAS PERTO DO CORAÇÃO.

FERNANDO SILVA JÚNIOR:

—VIAGEM SEM BÚSSOLA.

FERNANDO STICKEL:

—AQUI TEM COISA.

FERNANDO VERÍSSIMO:

—A ETERNA PRIVAÇÃO DO ZAGUEIRO ABSOLUTO.

—A MESA VOADORA.

—AQUELE ESTRANHO DIA QUE NUNCA CHEGA.

—AS MENTIRAS QUE OS HOMENS CONTAM.

—AS NOIVAS DO GRAJAÚ.

—CLUBE DOS ANJOS, A GULA.

—COMÉDIAS PARA SE LER NA ESCOLA.

—HISTÓRIAS BRASILEIRAS DE VERÃO.

—O REI DO ROCK.

—ORGIAS.

—OUTRAS DO ANALISTA DE BAGÉ.

—PEÇAS ÍNTIMAS.

—SANTINHO.

—TRAÇANDO JAPÃO.

—TRAÇANDO MADRID.

—TRAÇANDO NEW YORK.

—TRAÇANDO PARIS.

—TRAÇANDO PORTO ALEGRE.

—TRAÇANDO ROMA.

FERREIRA GULLAR:

—A ESTRANHA VIDA BANAL.

—A LUTA CORPORAL.

—CIDADES INVENTADAS.

—INDAGAÇÃO DE HOJE.

FERREZ:

—MANUAL PRÁTICO DO ÓDIO.

FILADELFO P. DE SOUZA:

—PENA DE TALIÃO.

FLÁVIA PORTELA:

—A SANTA OCA.

FLÁVIO AGUIAR:

—ANITA.

FLÁVIO BERTO:

—FLAGRA.

FLÁVIO C. FARIA:

—A EXPEDIÇÃO SOLAR.

FLÁVIO CARNEIRO:

—NO PAÍS DO PRESENTE.

—O CAMPEONATO.

FLÁVIO DE ALMEIDA SALLES:

—PRETO NO BRANCO.

FLÁVIO DE SOUZA:

—ANASTÁCIA E BONIFÁCIA.

FLÁVIO MARINHO:

—UM DIA DAS MÃES.

FLÁVIO MÁRIO GELLI E OUTROS:

—VIDA CRÔNICA.   

FLÁVIO MAYONE:

—CACOS CONDENSADOS.

FLÁVIO MONTEIRO DA COSTA:

—13 MELHORES CONTOS DE VAMPIROS .

FLÁVIO MOREIRA DA COSTA:

—13 DOS MELHORES CONTOS DA MITOLOGIA.

—AS 100 MELHORES HISTÓRIAS ERÓTICAS DA LITERATURA UNIVERSAL.

—AVENIDA ATLÂNTICA.

—CRIME FEITO EM CASA.

—EQUILIBRISTA DO ARAME FARPADO.

—MODELO PARA MORRER.

—O PAÍS DOS PONTEIROS DESENCONTRADOS.

—ONZE EM CAMPO E UM BANCO DE PRIMEIRA.

—OS 100 MELHORES CONTOS DE CRIME E MISTÉRIO DA LITERATURA UNIVERSAL.

—OS 100 MELHORES CONTOS DE HUMOR DA LITERATURA UNIVERSAL.

—OS MELHORES CONTOS DE MEDO, HORROR E MORTE.

—OS GRANDES CONTOS POPULARES DO MUNDO.

—TRÊS CASOS POLICIAIS DE MÁRIO LIVRAMENTO .

FLÁVIO PINHEIRO:

— O AMOR ACABA.

FLÁVIO RANGEL:

—DIÁRIO DO BRASIL .

FLÁVIO ROCHA LIMA PARANHOS:

—EPITÁFIO.

FLO MENEZES:

—A ACÚSTICA MUSICAL EM PALAVRAS E SONS.

FLORA FIGUEIREDO:

—CALÇADA DE VERÃO.

FLORA SUSSEKIND:

—LITERATURA E VIDA LITERÁRIA.

—VOZES FEMININAS.

FRANCISCO ALEXANDRIA:

—DOM CARLOS CORLEONE.

FRANCISCO ANTÔNIO DE OLIVEIRA:

—PEREGRINOS DO UNIVERSO.

FRANCISCO AZEVEDO:

—A CASA DOS ARCOS.

FRANCISCO BRASILEIRO:

—OS DEGRADADOS FILHOS DE EVA.

FRANCISCO DA CRUZ SILVA:

—SOB O FOGO DAS PAIXÕES.

FRANCISCO DE ASSIS BARBOSA:

—LIMA BARRETO, ROMANCE.

FRANCISCO DE MELLO FRANCO:

—PÊNDULO DO AMOR E DO CRIME.

FRANCISCO DE OLIVEIRA:

—A NAVEGAÇÃO VENTUROSA.

—MARGEM ESQUERDA.

FRANCISCO DE QUEIROZ PIRES:

—12 HORAS NUM MUNDO FANTÁSTICO.

—O ANJO.

FRANCISCO J. C. DANTAS:

—CABO JOSINO VILOSO.

—CARTILHA DO SILÊNCIO.

—COIVARA DA MEMÓRIA.

—OS DESVALIDOS.

—SOB O PESO DAS SOMBRAS.

FRANCISCO JOSÉ ESTEVES NETO:

—MULHER 1000 VEZES.

FRANCISCO JOSÉ VIEGAS:

—UM CÉU DEMASIADO AZUL.

FRANCISCO KARAM:

—MEMÓRIAS DE UM MÉDICO DO INTERIOR .

FRANCISCO MACIEL:

—ENTRE DOIS MUNDOS.

—O PRIMEIRO DIA DO ANO DA PESTE.

FRANCISCO MARINS:

—ATALHOS SEM FIM.

FRANCISCO PAULA FREITAS:

—CAFÉ E BAR PONTO CHIC.

FRANCISCO ROCHA:

—O POETA DA CIDADE ADONIRAN BARBOSA.

FRANCISCO SLADE:

—DOMINGO.

FRANCISCO VIANA:

—A ROSA FENECIDA.

FRANK COLLINS:

—VENTOS DE SAIGON.

FRANK JORGE:

—CROCÂNCIAS INÉDITAS.

—VIDA DE VERDADE.

FRANKLIN CUNHA:

—A LEI PRIMORDIAL E OUTROS ENSAIOS.

FRANKLIN TÁVORA:

—O CABELEIRA.

FRANZ HERTEL:

—MEU BIMBIM.

FREDERICO BRANCO:

—POSTAIS PAULISTAS.

FREDERICO LUCENA DE MENEZES:

—HISTÓRIA DE UMA ESPERA.

FREI BETO:

—COTIDIANO & MISTÉRIO.

—ENTRE TODOS OS HOMENS.

—GOSTO DE UVA..

—HOTEL BRASIL.

—O DECÁLOGO.

—TÍPICOS TIPOS.

—TREZE CONTOS DIABÓLICOS E UM ANGÉLICO.

FRIEDRICH SCHILLER:

—A NOIVA DE MESSINA.

FRITZ UTZERI:

—AURORA.

—DANCING BRASIL.

FROTA NETO:

—O MIGRANTE.

FUN CHANG:

—TUDO DE QUANTO NECESSITAS ESTÁ EM TI.

GABRIEL CHALITA:

—A TRILOGIA DA VIDA.

GABRIEL GARCIA MARQUEZ E OUTROS:

—BESOURO E A ROSA; SÃO MARCOS, A MULHER QUE CHEGAVA.

GABRIEL LACERDA:

—CONTRATO DE MATRIMÔNIO.

GABRIEL MOOJEN:

—HISTÓRIAS TATUADAS.

GABRIEL NASCENTE:

—O COPO DAS ILUSÕES.

GABRIEL ZIDE NETO:

—CÍRCULO DE FOGO.

GELIO FREGAPANI:

—SEGREDOS DA ESPIONAGEM.

GENI BATISTA DE LIMA:

—VÔO PARA A FELICIDADE.

GENIVALDO SAZANNI:

—UMA JANELA PARA O FUTURO.

GEORGE PATRAO:

—BRUXAS E SEUS LOBOS.

GEORGES BOURDOUKAN:

—A INCRÍVEL E FASCINANTE HISTÓRIA DO CAPITÃO MOURO.

—O PEREGRINO.

—VOZES DO DESERTO.

GEORGES LAMAZIERE:

—BALA PERDIDA.

—UM CRIME QUASE PERFEITO.

GERALD RAMSEY:

—TRANSEXUAIS.

GERALDO CARNEIRO:

—POR MARES NUNCA DANTES.

GERALDO FALCÃO:

—VIAJANTE ANÔNIMO.

GERALDO FRANÇA DE LIMA:

—A JANELA E O MORRO.

—FOLHAS AO LÉU.

—O SINO E O SOM.

—RIO DA VIDA.

—SERRAS AZUIS.

GERALDO LIMA:

—BAQUE.

GERALDO MAYRINK:

—MEMORANDO.

GERALDO MELLO MOURÃO:

—CANON &FUGA.

—O PAÍS DOS MOURÕES.

GERALDO SANCHES ARROYO:

—O CÉU CHOROU POR MIM.

GERANA DAMULAKIS:

—O RIO E A PONTE.

GERANA DAMULAKIS:

—SOSIGENES COSTA, O POETA GREGO DA BAHIA.

GERARDO MELLO MOURÃO:

—A INVENÇÃO DO SABER.

GERMANO DO CARMO:

—BICHO DA SEDA.

—E O MUNDO AINDA NÃO ACABOU.

—ESPAÇO.

—NHANDUTI DE PALAVRAS E EMOÇÃO.

—ODISSÉIA NO PLANETA TERRA.

—TERRA, O PLANETA POLUÍDO.

GERMANO HANSEN JÚNIOR:

—BRINCANDO COM O CAOS.

GERSON BORGES:

—SEQÜESTROS, A LIBERDADE TEM PREÇO.

GIÁCOMO PUCCINI:

—GUIA CONCISO DE AUTORES BRASILEIROS.

GIANCARLO DALBO:

—GENUFLEXORIO.

GIANNI RATTO:

—CRÔNICAS IMPROVÁVEIS.

—NOTURNOS E OUTROS CONTOS FANTÁSTICOS.

GIL PERINI:

—PEQUENO LIVRO DO CERRADO.

GILBERTO DUPAS:

—RETALHOS DE JONAS.

GILBERTO FREIRE:

—HOMENS, ENGENHARIAS E RUMOS SOCIAIS.

—TRÊS HISTÓRIAS MAIS OU MENUS INVENTADAS.

—VIDA, FORMA E COR.

GILBERTO MENDONÇA TELES:

—HORA ABERTA.

—RETÓRICA DO SILÊNCIO.

GILDSON OLIVEIRA:

—FREI DAMIÃO, O SANTO DAS MISSÕES.

GILENO CALHEIRA:

—A ZEBRA QUE DEU CERTO.

GÍLIO GIACOMOZZI:

—DESCOBRINDO A GRAMÁTICA.

GILLIAN BORGES:

—O LIVRO DA PREGUIÇA.

GILMAR DE CARVALHO:

—PATATIVA DO ASSARÉ.

GILMAR MARCÍLIO:

—FRUTOS ARDENTES.

GILSON RAMPAZZO:

—OS DEUSES CHUTAM LATA NA CONSOLAÇÃO.

GILVAN LEMOS:

—MORCEGO CEGO.

GIOVANA CAMPOS:

—CALIDOSCÓPIO.

GISELA CAMPOS:

—AS IDÉIAS TODAS.

GISELA RAO:

—TCHAU, NESTOR .

GISELE JORAS:

—ABRA E ENTRE.

GITTA SERENY:

—ALBERT SPEER.

GIULIA MOON:

—VAMPIROS NO ESPELHO.

GIULIO CARLO ARGAN:

—HISTÓRIA DA ARTE COMO HISTÓRIA DA CIDADE.

GIUSEPPE UNGARETTI:

—INVENÇÃO DA POESIA MODERNA.

GLAUCO MATTOSO:

—JORNAL DO BRABIL.

—PEGADAS NOTURNAS.

GLAUCO RODRIGUES CORREA:

—O MISTÉRIO DO FISCAL DOS CANOS.

GLÓRIA KAISER:

—PEDRO II DO BRASIL, FILHO DA PRINCESA DE HABSBURGO.

GLÓRIA PONDÉ:

—ORÍGENES LESSA.

GODOFREDO DE OLIVEIRA NETO:

—MARCELINO NANMBRA, O MANUMISSO.

—MENINO OCULTO.

—PEDAÇO DE SANTO.

GOMES FLÁVIO ALCARAZ:

—DIÁRIOS DE UM REPÓRTER.

GONÇALO JÚNIOR:

—ALCEU PENNA E AS GAROTAS DO BRASIL.

GONÇALVES DIAS:

—CANTOS.

—JUCA PIRAMA, OS TIMBIRAS E OUTROS POEMAS.

—LEONOR DE MENDONÇA.

—PRIMEIROS CANTOS.

GRAÇA ARANHA:

—CANAÃ.

GRAÇA BRAGA:

—ABSOLVIÇÃO DE MARIA LESSA.

GRAÇA LOPES:

—ASSÉDIO DE SOMBRAS.

GRACE KNOLAUCH:

—RALLY DOS SERTÕES.

GRACILIANO RAMOS:

—ALEXANDRE E OUTROS HERÓIS.

—ANGÚSTIA.

—INFÂNCIA.

—INSÔNIA.

—LINHAS TORTAS.

—MEMÓRIAS DO CÁRCERE .

—SÃO BERNARDO.

—VIDAS SECAS .

GRAZIELLA MORETTO:

—ONDE VENDE O MANUAL?

GREGÓRIO BACIC:

—PEÃO ENVENENADO E OUTRAS PROVOCAÇÕES.

GREGÓRIO DE MATOS:

—POEMAS ESCOLHIDOS.

GRIMALDO CARVALHO:

—PINGOS D’ÁGUA.

GUACIRA LOPES LOURO:

—CORPO ESTRANHO.

GUCA DOMENICO & LAERT SARRUMOR:

—UM CAMPEONATO DE PIADAS.

GUILHERME ASSIS DE ALMEIDA:

—MELHORES POEMAS DE GUILHERME DE ALMEIDA.

GUILHERME DE ALMEIDA:

—COSMÓPOLIS.

—PELA CIDADE.

GUILHERME FIGUEIREDO:

—TRINTA ANOS SEM PAISAGEM.

GUILHERME VERZONI:

—UÍSQUE BAR NO LITORAL.

GUILHERME ZARVOS:

—MORRER.

—ZOMBAR.

GUIMARÃES MARTINS:

—LUAR DO SERTÃO E OUTROS POEMAS ESCOLHIDOS.

GUSTAVO BARROSO:

—TERRA DE SOL.

GUSTAVO BERNARDO:

—LÚCIA.

GUSTAVO CORÇÃO:

—LIÇÕES DE ABISMO.

GUSTAVO GUERTLER:

—PACO, UMA HISTÓRIA ESCRITA COM CHUMBO.

GUSTAVO KRAUSE:

—CANTOS &CONTOS.

GUSTAVO NAGIB E OUTROS:

—MANUAL DO PÃO-DURO, SAIBA GASTAR: COMPRE ESSE LIVRO!

GUSTAVO PIQUEIRA:

—MORTE DOS PAPAGAIOS.

GUTO FRANCO:

—O BARBEIRO DE VALLADOLID.

GUTTEMBERG GUARABYRA:

—O OUTRO LADO DO MUNDO.

H. G. EWERS:

—O CÉREBRO LUNAR DISCORDA.

—OPERAÇÃO BEBÊ SOLAR .

—OPERAÇÃO BUMERANGUE .

—TÚNEL ATRAVÉS DO TEMPO .

H. G. FRANCIS:

—DUELO ENTRE AS ESTRELAS.

—NO MUNDO DOS DREEMERS.

—PLANETA PENAL DOS CONQUISTADORES.

H. INGLÊS DE SOUSA:

—O MISSIONÁRIO.

HAMILTON FARIA:

—ENCANTAROS.

HANS FREUDENTHAL:

—HOMENS E VELHINHAS TIGRES E SARDINHAS.

HANS KNEIFEL:

—NO TURBILHÃO ESTELAR.

—SOB O DOMÍNIO DO TRIÂNGULO SOLAR .

HAROLDO DE CAMPOS:

—OSWALD DE ANDRADE.

HAROLDO MARANHÃO:

—FEIAS, QUASE CABELUDAS.

HAROLDO RAMANZINI:

—MEMORIAL DO APOCALIPSE.

HEBER SALVADOR DE LIMA:

—A VOLTA DA ROSA.

—FELIZ ANIVERSÁRIO.

—UMA ROSA ME DISSE.

HEINO WILLY KUDE:

—FAUST, DUZENTOS ANOS DEPOIS.

HEITOR ROSA:

—O ENIGMA DA 5ª SINFONIA.

HELDER GARMES:

—ORIENTE, ENGENHO E ARTE.

HELENA JOBIM:

—PRESSINTO OS ANJOS QUE ME PERSEGUEM.

—RECADOS DA LUA.

—TRILOGIA DO ASSOMBRO.

HELENA MORLEY:

—MINHA VIDA DE MENINA .

HELENA PARENTE CUNHA:

—JOÃO DO RIO.

HELENA PERIM COSTA & MARIA CRISTINA VON ATZINGEN:

—CAÇANDO PRÍNCIPES E ENGOLINDO SAPOS .

HELENO GODOY:

—AS LESMAS.

—O AMANTE DE LONDRES.

HELIANA BRANDÃO:

—BEBEL QUE A CIDADE COMEU.

—CABEÇAS DE SEGUNDA-FEIRA.

HÉLIO ANTÔNIO SIMAS:

—VÔO DE ALTO RISCO.

HÉLIO BLOCH:

—TARTARUGA CIBERNÉTICA.

HÉLIO BRASIL:

—A ÚLTIMA ADOLESCÊNCIA.

HÉLIO CONTREIRAS:

—CONTO UM CONTO E AUMENTO UM PONTO.

HÉLIO DE LA PENA:

—O LIVRO DO PAPAI.

HÉLIO DE SEIXAS GUIMARÃES:

—OS LEITORES DE MACHADO DE ASSIS.

HÉLIO PELLEGRINO:

—A BURRICE DO DEMÔNIO.

—ARQUIVINHO DE HÉLIO PELLEGRINO.

—LUCIDEZ EMBRIAGADA.

—MINÉRIOS DOMADOS.

HÉLIO PÓLVORA:

—MEMORIAL DE OUTONO.

—O ESPAÇO INTERIOR.

—O REI DOS SURUBINS .

—UM PATAXÓ EM CHICAGO.

—XERAZADE.

HÉLIO SCHWARTSMAN:

—AQUILAE TITICANS, O SEGREDO DE AVICENA.

—SEGREDO DE AVICENA.

HELÔ PINHEIRO:

—POR CAUSA DO AMOR.

HELOÍSA BORDON PINHEIRO:

—SOMBRAS.

HELOÍSA BUARQUE DE HOLANDA:

—ESSES POETAS.

—IMPRESSÕES DE VIAGEM.

—MELHORES CRÔNICAS DE RACHEL DE QUEIROZ.

—TENDÊNCIAS E IMPASSES.

HELOÍSA PRIETO:

—VIDA CRÔNICA.

HELOÍSA SEIXAS:

—A PORTA.

—ATRAVÉS DO VIDRO UMA HISTÓRIA DE DESEJO.

—CONTOS MÍNIMOS.

—DIÁRIO DE PERSEFONE.

—PENTE DE VÊNUS.

—PÉROLAS ABSOLUTAS.

—SETE VIDAS.

HELONEIDA STUDART:

—JESUS DE JAÇANÃ.

—O SELO DAS DESPEDIDAS.

HELVERTON BAIANO:

—ALGEMAS DE ALGODÃO.

HENFIL:

—DIRETAS JÁ!

HENNING BOETIUS:

—FÊNIX.

HENRIQUE CAZES:

—SUÍTE GARGALHADAS.

HENRIQUE CERQUEIRA:

—O ESPELHO DE MARIA DUSA.

HENRIQUE COSTA MECKING:

—COMO JESUS CRISTO SALVOU A MINHA VIDA.

HENRIQUE ERNESTO C. DAGNA:

—MARLEY, É POSSÍVEL APAGAR O PASSADO?

HENRIQUE MAXIMILIANO COELHO NETO:

—BILHETES POSTAIS.

HENRIQUE SCHNEIDER:

—O GRITO DOS MUDOS.

HENRIQUE SIMAS:

—BRANCA DE NEVE.

—ENCANTAMENTOS.

HENRIQUE SZKLO:

—PROSAICO.

HENRY MILLER:

—TRÓPICO DE CÂNCER.

HERBERTO SALES:

—A PROSTITUTA.

—ANTOLOGIA DE CONTOS BRASILEIROS.

—ANTOLOGIA DE CONTOS FOLCLÓRICOS.

—ANTOLOGIA DE CRÔNICAS.

—ANTOLOGIA ESCOLAR DE CONTOS BRASILEIROS.

—ARMADO CAVALEIRO, O AUDAZ MOTOQUEIRO.

—AS BOAS MÁS COMPANHIAS.

—AS MENINAS EXEMPLARES .

—FLOR DO MATO.

—HERBERTO SALES.

—HISTÓRIA NATURAL DE JESUS DE NAZARÉ.

—MEMÓRIAS DE UM BURRO BRASILERO.

—O CAAPORA.

—O CASCALHO.

—O LOBISOMEM .

—O MISTÉRIO DAS SETE ESTRELAS.

—O SOBRADINHO DOS PARDAIS.

—OS PARECERES DO TEMPO.

—RIO DOS MORCEGOS.

—ROMÃOZINHO E OUTRAS HISTÓRIAS.

—VOLTA DOS PARDAIS DO SOBRADINHO.

HERBERTO SALES E JUDITH GROSSMANN:

—OS MELHORES CONTOS DE HERBERTO SALES.

HÉRCULES G. PIMENTEL:

—O ESCÂNDALO WALDEMÁRIO MINIZ.

HERMELINDO DE OLIVEIRA:

—O PECÚLIO.

HERMES LEAL:

—EU SOU FODA! A HISTÓRIA DE CIDE E ALICE.

HERMIDE MENQUINI BRAGA:

—O SAGRADO E O PROFANO EM MORTE E VIDA SEVERINA.

HERMÍLIO BORBA FILHO:

—MARGEM DAS LEMBRANCAS.

—HERMÍLIO BORBA FILHO.

HERMÍNIO BELLO DE CARVALHO:

—CARTAS CARIOCAS PARA MÁRIO DE ANDRADE.

HILÁRIO FRANCO JÚNIOR:

—COCANHA, VÁRIAS FACES DE UMA UTOPIA.

HILÁRIO TÁCITO:

—MADAME POMMERY.

HILDA HILST:

—A OBSCENA SENHORA D.

—CARTAS DE UM SEDUTOR.

—CONTOS D'ESCÁRNIO, TEXTOS GROTESCOS.

—DA MORTE, ODES MÍNIMAS.

—ESTAR SENDO, TER SIDO.

—FLUXO FLOEMA.

—KADOSH.

—O CADERNO ROSA DE LORI LAMBY.

—RÚTILOS.

—TU NÃO TE MOVES DE TI .

HILDA HILST E ALCIR PÉCORA:

—O CADERNO ROSA DE LORI LAMBY.

HILDA SIMÕES LOPES:

—UM SILÊNCIO AZUL.

HILVES MELO:

—MANUELA.

HIRTON FERNANDES:

—OS FILHOS DA MACA.

HORÁCIO COSTA:

—O MENINO E O TRAVESSEIRO.

HORÁCIO QUIROGA:

—HISTÓRIA DE UM LOUCO AMOR.

HOSMANY RAMOS:

—DELITOS OBSESSIVOS .

—OLHO MÁGICO.

—PAVILHÃO 9, PAIXÃO E MORTE NO CARANDIRU.

—SEQÜESTRO SANGRENTO.

HUBERT ARANHA E MARCELO MADUREIRA:

—AGAMENON, O HOMEM E O MITO.

HUGO CUELLAR URIZAR:

—CRÔNICAS E REPORTAGENS.

HUGO DE CARVALHO RAMOS:

—TROPAS E BOIADAS.

HUGO LUIZ DE SOUZA:

—VIDA DE PROFESSOR.

HUGO PINTO HOMEM:

—COM DESTINO IGNORADO.

—O MENDIGO APAIXONADO.

—O MILAGRE DO IMPOSTOR.

HUMBERTO DE CAMPOS:

—IRMÃO X MEU PAI.

HUMBERTO LEAL:

—ANA AGAR.

—DIA SANTO.

—TOMÉ MAYRUNA.

HUMBERTO MARIOTTI:

—ANTIGAMENTE ERA JANEIRO.

HUMBERTO MILHOMEM:

—CONTOS COMENTADOS DE MACHADO DE ASSIS.

HUMBERTO RODRIGUES:

—O AMOR ENTRE IGUAIS.

HUMBERTO WERNECK:

—BOA COMPANHIA.

—O DESATINO DA RAPAZIADA.

IAIN LAWRENCE, HEITOR PITOMBO:

—OS CONTRABANDISTAS.

IESO NASCIMENTO:

—QUER TECLAR COMIGO?

IGNÁCIO DE LOYOLA BRANDÃO:

—ADDIO BEL CAMPANILE, A SAGA DOS LUPO.

—ANJO DO ADEUS.

—BEBEL QUE A CIDADE COMEU.

—CADEIRAS PROIBIDAS.

—CALCINHAS SECRETAS.

—CARTAS LETTRES.

—DENTES AO SOL.

—DUTRA, 50 ANOS-QUATRO SÉCULOS EM CINCO HORAS.

—GÁS EM EVOLUÇÃO.

—IGNÁCIO DE LOYOLA BRANDÃO.

—LENTES DA CIDADE ARARAQUARA.

—MANIFESTO VERDE.

—NÃO VERÁS PAÍS NENHUM.

—NOITE INCLINADA.

—O ANJO DO ADEUS.

—O ANÔNIMO CÉLEBRE.

—O BEIJO NÃO VEM DA BOCA.

—O HOMEM QUE ODIAVA A SEGUNDA-FEIRA.

—O VERDE VIOLENTOU O MURO.

—ROMI ISETTA, O PEQUENO PIONEIRO.

—SONHANDO COM O DEMÔNIO.

—UM FIO DE PROSA.

—VEIA BAILARINA.

—ZERO.

IGNÁCIO DE LOYOLA BRANDÃO E VALLANDRO KEATING:

—É GOL-TORCIDA AMIGA, BOA TARDE!

IGOR KUPSTAS, MÁRCIA KUPSTAS:

—MICOS E OUTROS BICHOS.

ILDÁSIO TAVARES:

—A NINFA.

—O AMOR É UM PÁSSARO SELVAGEM.

—O DOMADOR DE MULHERES.

—ODES BRASILEIRAS.

ILMAR PENNA MARINHO JÚNIOR:

—O QUINTO PODER.

IMMANUEL KANT:

—FUNDAMENTAÇÃO DA METAFÍSICA DOS COSTUMES E OUTROS ESCRITOS.

INÁCIO ARAÚJO:

—CASA DE MENINAS.

INGLÊS SOUSA:

—CONTOS AMAZÔNICOS.

INGRID GUIMARÃES & HELOÍSA PERISSÊ:

—OS MELHORES MOMENTOS DE CÓCEGAS.

INGRID STEIN:

—FIGURAS FEMININAS EM MACHADO DE ASSIS.

INOA PIERRE CARVALHO URBINATI:

—DATAS CARIOCAS.

IOLE FREITAS:

—SOBREVÔO-OVERFLYGHT.

IOSIF LANDAU:

—OS ANJOS TAMBÉM MORREM.

IRAN IBRAHIM JACOB:

—CAMINHOS A SÓS.

—NÁUFRAGO DE UM SONHO.

IRIA SCHNAIDER:

—DESISTIR, JAMAIS!

IRMÃOS BACALHAU:

—QUEM MEXEU NO MEU SALAME?

ISA OLIVEIRA:

—ELOGIO À LOUCURA.

ISA SALLES:

—UM CADÁVER AO SOL.

ISA SILVEIRA LEAL:

—GLORINHA BANDEIRANTE.

—GLORINHA E A QUERMESSE.

—GLORINHA E A SEREIA.

—GLORINHA E O MAR.

ISABEL CRISTINA SANTIAGO:

—DE PAPO PRO AR .

ISABEL LUSTOSA:

—BRASIL PELO MÉTODO CONFUSO, HUMOR E BOEMIA MENDES.

—LAPA DO DESTINO E DO DESVARIO.

ISABEL TARCHA:

—CHOCOLATE TRAIÇÃO.

ISABEL VINCENT:

—UMA QUESTÃO DE JUSTIÇA.

ISAÍAS PESSOTTI:

—A LUA DA VERDADE.

—O MANUSCRITO DE MEDIAVILLA.

ISAQUE FONSECA:

—PANELA DE FERRO.

ISIS MULLER SERRA:

—OS AMANTES, ROYAL STRAIGHT FLUSH.

ÍTALO MORICONI:

—CAIO FERNANDO ABREU, CARTAS.

—OS BRASILEIROS DO SÉCULO.

—OS CEM MELHORES CONTOS BRASILEIROS DO SÉCULO.

IVAN ÂNGELO:

—85 ANOS DE CULTURA HISTÓRIA DA SOCIEDADE DE CULTURA...

—A CASA DE VIDRO.

—A FESTA.

—AMOR?

—LADRÃO DE SONHOS E OUTRAS HISTÓRIAS.

—O COMPRADOR DE AVENTURAS.

—O VESTIDO LUMINOSO DA PRINCESA.

—PODE ME BEIJAR SE QUISER.

—VENTO NOS SALGUEIROS.

IVAN BICHARA SOBREIRA:

—CARCARÁ.

IVAN BORGO:

—NOVAS CRÔNICAS DE ROBERTO MAZZINI.

IVAN IZQUIERDO:

—A LUA, A FLOR E AS FLORES.

—FRANCISCO, O PÁSSARO E O MILAGRE.

—TEMPO E TOLERÂNCIA.

IVAN JUNQUEIRA:

—ENSAIOS ESCOLHIDOS DE POESIAS E POETAS.

—O FIO DE DEDALO.

—O SIGNO E A SIBILA.

IVAN SANT´ANNA:

—ARMADILHA PARA MKAMBA.

—BICHO SOLTO .

—CARGA PERIGOSA.

—QUE NEM SABÃO EM PÓ.

IVAN SIMÕES:

—BAIÃO SEMITA E OUTRAS ESTÓRIAS PETROLEIRAS.

IVAN VELLASCO:

—DANDO A VOLTA POR BAIXO.

IVANA ARRUDA LEITE:

—AO HOMEM QUE NÃO ME QUIS.

—ELAS .

—EU TE DAREI O CÉU.

—MULHER.

IVES GANDRA DA SILVA MARTINS FILHO:

—O MUNDO DO SENHOR DOS ANÉIS.

IVES GANDRA MARTINS:

—O LIVRO DE RUTH.

IVETE WALTY:

—TEORIA DA LITERATURA NA ESCOLA.

IVO BARROSO:

—CAIXINHA DE MÚSICA.

IVO BENDER:

—O BOI DOS CHIFRES DE OURO.

IVO KORYTOWSKI:

—ÉDIPO.

IVO LEDO:

—NINHO DE COBRAS.

IVONE DARE RABELLO:

—A CAMINHO DO ENCONTRO.

IVONEIDE ALVES:

—OS OLHOS DO CORAÇÃO.

IZABEL BELLINI ZIELINSKY:

—PAZ, UM VÔO POSSÍVEL.

IZAÍAS ALMADA:

—MEMÓRIAS EMOTIVAS.

J. A. CORDEIRO:

—OBSESSÃO MORTAL.

J. A. DIAS LOPES:

—A CANJA DO IMPERADOR.

J. A. RAMOS:

—A HISTÓRIA DA LITERATURA EM MIL VERSOS.

J. BORGES:

—DOM QUIXOTE.

J. C. ISMAEL:

—O MÉDICO E O PACIENTE.

J. F. DE ALMEIDA PRADO:

—AS BANDEIRAS.

J. I. ROQUETTE:

—CÓDIGO DO BOM TOM.

J. J. LOBO:

—CANTADAS,TORPEDOS E OUTROS MÍSSEIS .

J. J. SILVER:

—CORPO VIRTUAL.

J. R. DURAN:

—LISBOA.

JACOB PETRY:

—O ENIGMA DA MUDANÇA.

JACQUELINE SHOR:

—MIL BEIJOS EM FRASES I.

JACYNTHO JOSÉ LINS BRANDÃO:

—O FOSSO DE BABEL.

JACYR PASTERNAK:

—CONTOS MÉDICOS POLICIAIS.

JÁDER DE CARVALHO:

—ALDEOTA.

JADSON MIGUEL FIGUEIREDO:

—O PREÇO DO SILÊNCIO.

JAIME CAETANO BRAUN:

—DE FOGÃO EM FOGÃO.

JAIME DOS REIS SANTANNA:

—LITERATURA E IDEOLOGIA.

JAIME RODRIGUES:

—PHUTATORIUS.

JAIR FERREIRA DOS SANTOS:

—A INEXISTENTE ARTE DA DECEPÇÃO.

JAIR MALISEK SANTOS:

—A IGREJINHA DO ROSÁRIO.

JAIRO ANÍBAL NINO:

—CONTOS POVOADOS DE POVO.

JAKOB ARJOUNI:

—KISMET.

JAMARI FRANÇA:

—OS PARALAMAS DO SUCESSO.

JANE SHAPIRO:

—O MARIDO PERIGOSO.

JANE SOARES DE ALMEIDA:

—O QUARTO FECHADO.

JANE TUTIKIAN:

—A COR DO AZUL.

—UM TIME MUITO ESPECIAL.

JANETE CLAIR:

—NENE BONET.

JANINE FANUCCHI:

—INDOMÁVEIS OLHOS AZUIS.

JARBAS CAPUSSO FILHO:

—TÃO LONGE DE CASA.

JASON COSTA:

—ONDE NASCEM AS ESPERANÇAS.

JAYME AKSTEIN:

—MANUAL DO HOMEM SEPARADO.

JAYME PAVIANI:

—O POMAR E O PÁTIO.

JAYSON VIANA AGUIAR:

—A FÁBULA DE ASAS.

JEAN CLAUDE BERNADET:

—AQUELE RAPAZ.

—A DOENÇA, UMA EXPERIÊNCIA.

—O CASO DOS IRMÃOS NAVES.

JEAN CLAUDE IZZO:

—CAOS TOTAL.

JEAN WYLLYS:

—AINDA LEMBRO.

JEAN-MICHEL LARTIGUE:

—O CANTO DO GALO.

JELENA STOPANOVSKI RIBEIRO:

—A NOITE EM QUE OS CÉUS SE ABREM.

JERUSA PIRES FERREIRA:

—ARMADILHAS DA MEMÓRIA.

JESSIER QUIRINO:

—AGRURAS DA LATA D'ÁGUA.

JESUS DE AQUINO JAYME:

—VIAGEM DA CHUVA E OUTROS CONTOS.

JESUS ROCHA:

—NOÇÕES UNIDAS .

JETER NEVES:

—A LÍNGUA DA SERPENTE.

JIM HARRISON:

—A VINGANÇA.

JÔ CLEMENTE:

—RETALHOS DA VIDA.

JÔ HALLACK E OUTROS:

—ALMANAQUE, 2 NEURÔNIOS .

JÔ SOARES:

—ASSASSINATOS NA ACADEMIA BRASILEIRA DE LETRAS.

—O HOMEM QUE MATOU GETÚLIO VARGAS.

—O XANGÔ DE BAKER STREET.

JOACIL DE BRITO PEREIRA:

—ASCENDIDO LEITE.

—UM HOMEM E O DESTINO.

JOÃO ADOLFO HANSEN:

—A SÁTIRA E O ENGENHO.

JOÃO ALBERTO CORDEIRO:

—CONDENADO PELA REENCARNAÇÃO.

—FILHOS DO AMANHÃ.

—OBSESSÃO MORTAL.

—PAIXÃO PROIBIDA.

—SONHO OU PESADELO.

JOÃO ALEXANDRE BARBOSA:

—ALGUMA CRÍTICA.

—BIBLIOTECA IMAGINÁRIA.

—MISTÉRIOS DO DICIONÁRIO.

JOÃO ALMINO:

—CINCO ESTAÇÕES DO AMOR.

—IDÉIAS PARA ONDE PASSAR O FIM DO MUNDO.

JOÃO ANTÔNIO:

—ABRAÇADO AO MEU RANCOR.

—CASA DE LOUCOS.

—DAMA DO ENCANTADO.

—DEDO-DURO.

—JOÃO ANTÔNIO.

—LEÃO-DE-CHÁCARA.

—MALAGUETA, PERUS E BACANAÇO.

—Ô, COPACABANA!.

—PAULINHO PERNA TORTA.

JOÃO ANZANELLO CARRASCOZA:

—DIAS RAROS.

—DUAS TARDES.

JOÃO BATISTA DE ANDRADE:

—UM OLÉ EM DEUS.

JOÃO BATISTA DE SOUZA FILHO:

—POEMAS E MENSAGENS.

JOÃO BATISTA MELO:

—PATAGÔNIA.

—UM POUCO MAIS DE SWING.

JOÃO BOSCO A. DE SOUSA:

—O CADERNO DA MEMÓRIA.

JOÃO BOSCO BEZERRA BONFIM:

—ERA UMA VEZ UMA MARIA FARINHA.

—TEORIA DO BEIJO.

JOÃO BOSCO GUIMARÃES:

—AMOR E CONSCIÊNCIA.

—APRENDIZ DE CRONISTA.

JOÃO BOSCO LODI:

—A ÉTICA NA EMPRESA FAMILIAR.

—A NOVA EMPRESA PARA OS ANOS 90.

—CONSELHO DE ADMINISTRAÇÃO.

—DIREITO ECONÔMICO.

—EMPRESA FAMILIAR.

—ENTREVISTA, A TEORIA E PRÁTICA.

—FUSÕES E AQUISIÇÕES, O CENÁRIO BRASILEIRO.

—GOVERNANÇA CORPORATIVA.

—HISTÓRIA DA ADMINISTRAÇÃO.

—O CONSELHO DE ADMINISTRAÇÃO NAS SOCIEDADES ANÔNIMAS.

—SUCESSÃO, CONFLITO EMPRESA FAMILIAR.

—VIVER E TRABALHAR.

JOÃO BOSCO MEDEIROS:

—CORRESPONDÊNCIA, TÉCNICAS DE COMUNICAÇÃO CRIATIVA.

—DICIONÁRIO DE ERROS CORRENTES DA LÍNGUA PORTUGUESA.

—MANUAL DA SECRETÁRIA.

—MANUAL DE ELABORAÇÃO DE REFERÊNCIAS BIBLIOGRÁFICAS.

—MANUAL DE REDAÇÃO E NORMALIZAÇÃO TEXTUAL.

—MANUAL DE REDAÇÃO E REVISÃO.

—PORTUGUÊS FORENSE A PRODUÇÃO DO SENTIDO.

—PORTUGUÊS INSTRUMENTAL.

—REDAÇÃO CIENTÍFICA.

—REDAÇÃO EMPRESARIAL.

JOÃO BOSCO PENHA:

—DEFORMIDADE PERMANENTE, AVALIAÇÃO PENAL E CÍVEL.

JOÃO BOSCO PITOMBEIRA:

—TELECURSO 2000, MATEMÁTICA-VOLUME 1-ENSINO FUNDAMENTAL.

JOÃO BOSCO SERRA GURGEL:

—DICIONÁRIO DE GÍRIA.

JOÃO BOSCO:

—AMOR E CONSCIÊNCIA.

—TERRA, TRABALHO E RELAÇÕES SOCIAIS.

JOÃO CABRAL DE MELO NETO:

—A EDUCAÇÃO PELA PEDRA E DEPOIS.

—AUTO DO FRADE.

—MUSEU DE TUDO E DEPOIS.

—OBRA COMPLETA.

—POEMAS PERNAMBUCANOS.

—POEMAS SEVILHANOS.

—PROSA.

—SERIAL E ANTES.

JOÃO CARLOS MOSIMANN:

—PORTO DOS PATOS.

JOÃO CARLOS RODRIGUES:

—MEMORIAL DO INFERNO.

JOÃO CARLOS ROTTA:

—O LEGADO DE CHARLOTTE.

JOÃO CARLOS TEIXEIRA GOMES:

—O TELEFONE DOS MORTOS.

JOÃO CHRYSÓSTOMO DE OLIVEIRA:

—JOÃO LEDA, SUA VIDA E SUA OBRA.

JOÃO DA CRUZ E SOUSA:

—OBRA COMPLETA.

JOÃO DA MATTA SILVARES CORREA:

—JESUS DO AGRESTE.

JOÃO DE MINAS:

—A MULHER CARIOCA AOS 22 ANOS.

JOÃO DO RIO:

—CQ1, CONTOS EM QUADROS.

—CRÔNICAS EFÊMERAS.

JOÃO DO RIO E HELENA PARENTE CUNHA:

—OS MELHORES CONTOS DE JOÃO DO RIO.

JOÃO EMANUEL CARNEIRO:

—DISSE NÃO DISSE.

JOÃO ETIENNE FILHO:

—EUCLIDES DA CUNHA.

JOÃO GABRIEL DE LIMA:

—O BURLADOR DE SEVILHA.

JOÃO GARCIA:

—DIOGUINHO, O MATADOR DE PUNHOS DE RENDA.

JOÃO GILBERTO NOLL:

—A CÉU ABERTO.

—BANDOLEIROS.

—BERKELEY EM BELLAGIO.

—CANOAS E MAROLAS PREGUIÇA.

—HARMADA.

—HOTEL ATLÂNTICO.

—LORDE.

—MÍNIMOS, MÚLTIPLOS COMUNS.

—O QUIETO ANIMAL DA ESQUINA.

—ROMANCES E CONTOS REUNIDOS.

JOÃO GILBERTO RODRIGUES DA CUNHA:

—CAÇADAS DE VIDA E DE MORTE.

—O TRIÂNGULO DE BERMUDAS.

JOÃO GORDO:

—CONSCIÊNCIA DO GORDO.

JOÃO GUIMARÃES ROSA:

—... DO VOVÔ.

—AVE PALAVRA.

—CARTAS A WILLIAN AGEL DE MELLO.

—CORRESPONDÊNCIA COM SEU TRADUTOR ALEMÃO.

—CORRESPONDÊNCIA COM SEU TRADUTOR ITALIANO.

—ESTAS ESTÓRIAS.

—GRANDE SERTÃO VEREDAS.

—MAGMA.

—MANUELZÃO E MIGUILIN.

—NO URUBUQUAQUA NO PINHEM.

—NOITES DO SERTÃO.

—O BURRINHO PEDRÊS.

—PRIMEIRAS ESTÓRIAS.

—SAGARANA.

—TUTAMEIA.

JOÃO INÁCIO PADILHA:

—BOLHA DE LUZES.

JOÃO JOSÉ DE OLIVEIRA MACHADO:

—GAÚCHOS A CAVALO NO CAMINHO DE SANTIAGO.

JOÃO MACHADO EVANGELHO:

—O PAPA NEGRO.

JOÃO MÁXIMO:

—JOÃO SALDANHA.

JOÃO OCTAVIANO:

—NAS PROFUNDEZAS DA REDE.

JOÃO OSCAR:

—JUVENTUDE VERMELHA.

JOÃO PARISI FILHO:

—UM CADÁVER JOVEM CUSTA MUITO BARATO.

JOÃO PAULO DE ALMEIDA MAGALHÃES:

—CAUSAS DA INVIABILIZAÇÃO ECONÔMICA DA AMÉRICA PORTUGUESA.

JOÃO PAULO SOARES:

—MUSACEA.

JOÃO PAULO VAZ:

—SETE ESTAÇÕES.

JOÃO PINHEIRO NETO:

—GIUSEPE PIGNATARO, UM ITALIANO NA CORTE DE RUI BARBOSA.

—JUSCELINO, UMA HISTÓRIA DE AMOR .

JOÃO SANTANA:

—AQUELE SOL NEGRO AZULADO.

JOÃO SCATIMBURGO:

—OS OLIVAIS DO CREPÚSCULO.

JOÃO SILVÉRIO TREVISAN:

—ANA EM VENEZA.

—EM NOME DO DESEJO.

—PEDAÇO DE MIM.

JOÃO SIMÕES LOPES NETO:

—ANTOLOGIA.

—CANCIONEIRO GUASCA.

—CONTOS GAUCHESCOS.

—MELHORES CONTOS.

JOÃO STEUDEL AREÃO:

—UM HERÓI CATARINENSE.

JOÃO UBALDO RIBEIRO:

—A CASA DOS BUDAS DITOSOS, LUXÚRIA.

—A VINGANÇA DE CHARLES TIBURONE.

—ARTE DE FURTAR.

—ARTE E CIÊNCIA DE ROUBAR GALINHA.

—DIÁRIO DO FAROL.

—JÁ PODEIS DA PÁTRIA FILHOS E OUTRAS HISTÓRIAS.

—MISÉRIA E GRANDEZA DO AMOR DE BENEDITA.

—O CONSELHEIRO COME.

—O FEITIÇO DA ILHA DO PAVÃO.

—O SANTO QUE NÃO ACREDITAVA EM DEUS.

—O SORRISO DO LAGARTO.

—POLÍTICA, QUEM MANDA, POR QUE MANDA, COMO MANDA.

—SARGENTO GETÚLIO.

—SEMPRE AOS DOMINGOS.

—SETEMBRO NÃO TEM SENTIDO.

—UM BRASILEIRO EM BERLIM.

—VENCECAVALO E O OUTRO POVO.

—VIDA E PAIXÃO DE PANDONAR, O CRUEL.

—VILA REAL.

—VIVA O POVO BRASILEIRO.

—VOCÊ ME MATA, MÃE GENTIL.

JOÃO XIMENES BRAGA:

—PORRA.

JOAQUIM DA FONSECA & LUÍS FERNANDO VERÍSSIMO:

—TRAÇANDO NEW YORK.

JOAQUIM FALCÃO:

—UM POUQUINHO DE VIDA.

JOAQUIM FERREIRA DOS SANTOS:

—AS CRÔNICAS DE ANTÔNIO MARIA.

—FELIZ 1958, O ANO QUE NÃO DEVIA TERMINAR.

—O QUE AS MULHERES PROCURAM NA BOLSA.

JOAQUIM GRAVA:

—MEDICINA FUTEBOL CLUBE.

JOAQUIM MANUEL DE MACEDO:

—A CARTEIRA DE MEU TIO.

—A LUNETA MÁGICA.

—A MORENINHA.

—AS VÍTIMAS ALGOZES.

—BOM CRIOULO.

—MEMÓRIAS DA RUA DO OUVIDOR.

—O MOÇO LOIRO.

—PASSEIO PELA CIDADE DO RIO DEJANEIRO.

JOAQUIM MARIA MACHADO DE ASSIS:

—A CARTOMANTE.

—A CAUSA SECRETA.

—A MÃO E A LUVA.

—A SEMANA.

—A SERENÍSSIMA REPÚBLICA.

—AGULHA OU LINHA, QUEM É A RAINHA?

—BALAS DE ESTALO.

—CASA VELHA.

—CONTO DE ESCOLA.

—CONTOS CONSAGRADOS.

—CONTOS EM QUADROS.

—CONTOS ESCOLHIDOS.

—CONTOS FLUMINENSES.

—CONTOS RECOLHIDOS.

—CONTOS-2 VOLUMES.

—CORRESPONDÊNCIA, MACHADO DE ASSIS & JOAQUIM NABUCO.

—CRÔNICAS.

—DIÁLOGOS E REFLEXÕES DE UM RELOJOEIRO.

—DOM CASMURRO.

—ESAÚ E JACÓ.

—FUGA DO HOSPÍCIO.

—HELENA.

—HISTÓRIA DE UMA FITA AZUL.

—HISTÓRIAS DA MEIA-NOITE.

—HISTÓRIAS SEM DATA.

—HOMEM CÉLEBRE.

—IÁIÁ GARCIA.

—INSTINTO DE NACIONALIDADE.

—LINHA RETA E LINHA CURVA.

—MELHORES CONTOS.

—MELHORES CRÔNICAS.

—MEMORIAL DE AIRES.

—MEMÓRIAS PÓSTUMAS DE BRÁS CUBAS.

—MISSA DO GALO.

—O ALIENISTA.

—O DICIONÁRIO.

—OBRA COMPLETA.

—PAPÉIS AVULSOS.

—PROFESSOR E ALUNO.

—QUEDA QUE AS MULHERES TÊM PARA OS TOLOS.

—QUINCAS BORBA.

—RESSUREIÇÃO.

—SEUS TRINTA MELHORES CONTOS.

—TERPSICORE.

—UM APÓLOGO.

—UM ESQUELETO.

—VÁRIAS HISTÓRIAS.

JOAQUIM NABUCO:

—MINHA FORMAÇÃO.

JOAQUIM NOGUEIRA:

—INFORMAÇÕES SOBRE A VÍTIMA.

—VIDA PREGRESSA.

JOAQUIM NORBERTO DE SOUZA SILVA:

—ROMANCES E NOVELAS.

JOAQUIM SALLES:

—SE NÃO ME FALHA A MEMÓRIA.

JOCA REINERS TERRON:

—HOTEL HELL.

JOEL RUFINO DOS SANTOS E OUTROS:

—O LITERÁRIO E O ESOTÉRICO NO BRASIL ATUAL.

JOEL SILVEIRA:

—A CAMISA DO SENADOR.

—A FEIJOADA QUE DERRUBOU O GOVERNO.

—A MILÉSIMA SEGUNDA NOITE DA AVENIDA PAULISTA.

—DIÁRIO DO ÚLTIMO DINOSSAURO .

—DIAS DE LUTO.

—GUERRILHA NOTURNA.

—MELHORES CONTOS.

—MEMÓRIAS DE ALEGRIA.

—NA FOGUEIRA.

—NÃO FOI O QUE VOCÊ PEDIU?

—O INVERNO DA GUERRA.

—SEGUNDA GUERRA, MOMENTOS CRÍTICOS.

—TEMPO DE CONTAR.

—UM JORNAL ASSASSINADO.

—VIAGEM COM O PRESIDENTE ELEITO.

JOÉLIO ANTÔNIO SANTIAGO RIBEIRO:

—SURPRESAS NO MAR.

—VELA DE OXOSSI E OUTRAS HISTÓRIAS DO ENCANTADO.

JOHN LUKACS:

—O HITLER DA HISTÓRIA.

JOHN MARTEL:

—ALEGAÇÕES FINAIS.

JOHN MILTON:

—PARAÍSO PERDIDO.

JOHN STEINBECK:

—AO DEUS DESCONHECIDO.

JONAS QUEIROZ:

—DETETIVES NÃO USAM SOBRETUDO NOS TRÓPICOS.

—EM PAGO-PAGO, GARÇONS GÊMEOS TRAZEM A CONTA.

JONAS REZENDE:

—A FAMÍLIA MALDITA.

—PARAFÁBULAS.

JORGE AMADO:

—A BOLA E O GOLEIRO.

—A DESCOBERTA DA AMÉRICA PELOS TURCOS.

—A MORTE E A MORTE DE QUINCAS BERRO D´ÁGUA.

—ABC DE CASTRO ALVES.

—AGONIA DA NOITE.

—AMOR DO SOLDADO.

—ÁSPEROS TEMPOS.

—BAHIA DE TODOS OS SANTOS.

—CACAU.

—CAPITÃES DA AREIA.

—DONA FLOR E SEUS DOIS MARIDOS.

—FARDA, FARDÃO, CAMISOLA DE DORMIR.

—GABRIELA, CRAVO E CANELA.

—GATO MALHADO E A ANDORINHA SINHÁ.

—JUBIABÁ.

—LUZ NO TÚNEL.

—MAR MORTO.

—MENINO GRAPIÚNA.

—NAVEGAÇÃO DE CABOTAGEM.

—O CAPETA CARYBÉ.

—O CAPITÃO DE LONGO CURSO.

—O CAVALEIRO DA ESPERANÇA.

—O COMPADRE DE OGUN.

—O GATO MALHADO E A ANDORINHA SINHÁ.

—O MILAGRE DOS PÁSSAROS.

—O SUMIÇO DA SANTA.

—OS PASTORES DA NOITE.

—OS SUBTERRÂNEOS DA LIBERDADE-VOLUME 1.

—OS SUBTERRÂNEOS DA LIBERDADE-VOLUME 3.

—OS VELHOS MARINHEIROS.

—PAÍS DO CARNAVAL.

—QUATRO MULHERES, QUATRO ROMANCES.

—SÃO JORGE DOS ILHÉUS.

—SEARA VERMELHA.

—SUOR.

—TENDA DOS MILAGRES.

—TEREZA BATISTA CANSADA GUERRA.

—TERRAS DO SEM FIM.

—TIETA DO AGRESTE.

—TOCAIA GRANDE.

—VIDA DE LUÍS CARLOS PRESTES, O CAVALEIRO DA ESPERANÇA.

JORGE ANDRADE:

—LABIRINTO.

JORGE ANTÔNIO MONTEIRO DE LIMA:

—O ENCONTRO.

JORGE CALDEIRA:

—MAUÁ, EMPRESÁRIO DO IMPÉRIO.

JORGE DA CUNHA LIMA:

—VÉSPERA DE AQUARIUS.

JORGE DE LIMA:

—A MULHER OBSCURA.

—O ANJO.

JORGE DE SÁ EARP:

—PONTO DE FUGA.

JORGE DE SOUZA ARAÚJO:

—DIONÍSIO &CIA.

JORGE DESGRANGES:

—QUINTESSÊNCIA .

JORGE FERNANDO DOS SANTOS:

—SUMIDORO DAS ALMAS.

JORGE FURTADO:

—MEU TIO MATOU UM CARA.

—UM ASTRONAUTA NO CHIPRE.

JORGE G. CASTANEDA:

—CHE GUEVARA, A VIDA EM VERMELHO.

JORGE GUIDACCI E LUIZ A. AGUIAR:

—INDECÊNCIAS E DESMANDOS DO HERÓI MACUNAÍMA EM SUA PASSAGEM PELA...

JORGE LUÍS BORGES:

—O LIVRO DE AREIA.

JORGE LUIZ CALIFE:

—AS SEREIAS DO ESPAÇO.

JORGE LUIZ MASKALENKA:

—A DIVINA COMÉDIA BRASILEIRA.

JORGE MARANHÃO:

—INVENTÁRIO DE UMA PAIXÃO.

JORGE MAUTNER:

—MISÉRIA DOURADA.

—MITOLOGIA DO KAOS.

JORGE MIGUEL MARINHO:

—MULHER FATAL.

—NEM TUDO QUE É SÓLIDO DESMANCHA NO AR.

—TE DOU A LUA AMANHÃ.

JORGE OSCAR ENDLER:

—CACHORRO TEM CADA UMA.

JORGE RENATO PEREIRA PINTO:

—SÓ O AMOR VENCE UMA HISTÓRIA TÃO REAL QUANTO A VIDA.

JORGE ROUX:

—PORTO, MEMÓRIA E FICÇÃO.

JORGE RUEDAS DE LA SERNA:

—HISTÓRIA E LITERATURA.

JORGE SALOMÃO:

—CAMPO DA AMÉRIKA.

JORGE SAYÃO:

—O MUNDO LOUCO DO CASAMENTO.

JORGE SEMPRUN:

—AUTOBIOGRAFIA DE FREDERICO SANCHEZ.

—NETCHAIEV ESTÁ DE VOLTA.

JORGE WANDERLEY:

—ANTOPOLOGIA POÉTICA.

JOSÉ AFONSO DA SILVA:

—BURITIZAL, A HISTÓRIA DE MIGUELÃO CAPAÉGUA.

—DONDE UM ROMANCE.

JOSÉ AFONSO DE SOUZA CAMBOIM:

—LÍNGUA HILARE LÍNGUA.

JOSÉ ALBANO:

—RIMAS.

JOSÉ AMÉRICO:

—A CONFRARIA DO TEMPLO.

JOSÉ AMÉRICO ALMEIDA:

—A BAGACEIRA.

JOSÉ ANTÔNIO DE SOUZA:

—PAIXÕES ALEGRES.

JOSÉ ANTÔNIO PINHEIRO MACHADO:

—COPOS DE CRISTAL.

—NA MESA NINGUÉM ENVELHECE.

JOSÉ ANTÔNIO SEVERO:

—OS SENHORES DA GUERRA.

JOSÉ ANTÔNIO SILVA:

—O NOME DO FUINHA.

JOSÉ ARRABAL:

—HISTÓRIAS DO JAPÃO.

JOSÉ ASMAR:

—GENTE &TEMPO.

JOSÉ AUGUSTO WANDERLEY:

—ULYSSES, O CONDESTÁVEL DAS DIRETAS JÁ E DA CIDADANIA.

JOSÉ CÂNDIDO ROCCO DE CARVALHO:

—O CORONEL E O LOBISOMEM.

—OLHA PARA O CÉU, FREDERICO!

—UM NINHO DE MAFAGAFOS CHEIO DE MAFAGAFINHOS.

JOSÉ CARLOS DE AZEREDO:

—ZUENIR VENTURA.

JOSÉ CARLOS HONÓRIO:

—NO DEUS QUE O DIGA DOS DIAS.

—O CÉU NU E A BIRUTA.

JOSÉ CARLOS MAGDALENA:

—UM SÉCULO DE SILÊNCIO.

JOSÉ CARLOS OLIVEIRA E JASON TÉRCIO:

—DIÁRIO SELVAGEM.

—O HOMEM NA VARANDA DO ANTONIO'S.

—O RIO É ASSIM.

JOSÉ CARLOS QUEIROGA:

—VIAGEM AOS MARES DO SUL.

JOSÉ CASTELLO:

—FANTASMA.

—GONÇALVES DE MAGALHÃES.

—INVENTÁRIO DAS SOMBRAS.

JOSÉ CASTILHO MARQUES NETO:

—MAPEAMENTO NACIONAL DA PRODUÇÃO EMERGENTE.

JOSÉ CLEMENTE POZENATO:

—A COCANHA.

—O CASO DO E-MAIL.

—O LIMPADOR DE FOGÕES.

—O QUATRILHO.

JOSÉ CRETELLA JÚNIOR:

—O PRÍNCIPE, MAQUIAVEL.

JOSÉ DA FONSECA E PEDRO CAROLINO:

—O NOVO GUIA DA CONVERSAÇÃO EM PORTUGUEZ E INGLEZ.

JOSÉ DE ALENCAR:

—A PATA DA GAZELA.

—AO CORRER DA PENA.

—CINCO MINUTOS.

—COLEÇÃO.

—COMÉDIAS.

—DIVA.

—ENCARNAÇÃO.

—GUERRA DOS MASCATES.

—IRACEMA.

—LUCÍOLA.

—O DEMÔNIO FAMILIAR.

—O GAÚCHO.

—O GUARANI.

—O SERTANEJO.

—O TRONCO DO IPÊ.

—SENHORA.

—SONHOS DE OURO.

—TIL.

—UBIRAJARA.

JOSÉ DE ALENCAR E JOÃO ROBERTO FARIA:

—MELHORES CRÔNICAS DE JOSÉ DE ALENCAR.

JOSÉ DE ANCHIETA:

—POEMAS, LÍRICA PORTUGUESA E TUPI.

JOSÉ EDUARDO AGUALUSA:

—NAÇÃO CRIOULA.

JOSÉ EDUARDO GONÇALVES:

—VERTIGEM.

JOSÉ ELOI SEVERINO PEREIRA:

—ESPIÃO POR ACASO.

JOSÉ EWERTON NETO:

—O OFÍCIO DE MATAR.

JOSÉ FARIAS DOS SANTOS:

—LUIZ GONZAGA, A MÚSICA COMO EXPRESSÃO DO NORDESTE .

JOSÉ FERNANDES:

—TÉCNICAS DE ESTUDOS DE PESQUISA.

JOSÉ FERREIRA SIMÕES:

—AS TRINCHEIRAS.

JOSÉ FRANCELINO DE ARAÚJO:

—A ASA DO ANJO.

JOSÉ G. FURTADO:

—PAIAGUAS E A FAZENDA ENCANTADA DO CARA-CARA.

JOSÉ GERALDO PIRES DE MELLO:

—FIGURAS DE ESTILO.

JOSÉ GERALDO VIEIRA:

—A LADEIRA DA MEMÓRIA.

JOSÉ GUIMARÃES:

—AS MURALHAS DE JERICÓ.

JOSÉ HIDELBRADO DACANAL:

—O ROMANCE DE 30.

—ROMANCES BRASILEIROS I.

—ROMANCES BRASILEIROS II.

JOSE INÁCIO WERNECK:

—SABOR DO MAR.

JOSÉ J. VEIGA:

—A ESTRANHA MÁQUINA EXTRAVIADA.

—A HORA DOS RUMINANTES.

—AQUELE MUNDO DE VASABARROS.

—DE JOGOS E FESTAS.

—DIÁLOGO DA RELATIVA GRANDEZA.

—J. J. VEIGA .

—O ALMANACH DE PIUMHY.

—O RISONHO CAVALO DO PRÍNCIPE.

—OBJETOS TURBULENTOS.

—OS CAVALINHOS DE PLATIPLANTO.

—OS PECADOS DA TRIBO.

—RELÓGIO BELISÁRIO.

—SOMBRAS DE REIS BARBUDOS.

—TAJA E SUA GENTE.

—TORVELINHO DIA E NOITE.

—TRONO NO MORRO.

JOSÉ LEONARDO DO NASCIMENTO E VALENTIM FACIOLI:

—JUÍZOS CRÍTICOS, OS SERTÕES E OS OLHARES DE SUA ÉPOCA .

JOSÉ LEONÍDIO:

—A RAPOSA DO CERRADO.

JOSÉ LINO GRUNEWALD:

—GRANDES SONETOS DA NOSSA LÍNGUA.

JOSÉ LINS DO REGO:

—BANGUE.

—CANGACEIRO.

—DOIDINHO.

—EURÍDICE.

—FLAMENGO É PURO AMOR.

—FOGO MORTO.

—MENINO DE ENGENHO.

—O CRAVO DE MOZART É ETERNO.

—O MOLEQUE RICARDO.

—PEDRA BONITA.

—PUREZA.

—RIACHO DOCE.

—USINA.

JOSÉ LOUZEIRO:

—A FINA FLOR DA SEDUÇÃO.

—MITO EM CHAMAS.

—PIXOTE, A LEI DO MAIS FORTE .

JOSÉ LUÍS SAORIN:

—A CURIOSA HISTÓRIA DO EDITOR PARTIDO AO MEIO.

JOSÉ LUIZ BASSETTO:

—ALQUIMIA DE UMA CORPORAÇÃO.

JOSÉ LUIZ TAVARES:

—MAMONAS, O BREVE VÔO DAS LONGAS ASAS .

JOSÉ MACHADO E HEITOR GAUDENCI JÚNIOR:

—PIRACICABA, 30 ANOS DE HUMOR.

JOSÉ MARIA:

—EMCONTOS.

JOSÉ MARIA EÇA DE QUEIROZ:

—ILUSTRE CASA DE RAMIRES.

JOSÉ MARQUES SARMENTO:

—PARAISÓPOLIS.

JOSÉ MARTINS FILHO:

—FILHOS, AMOR E CUIDADOS.

JOSÉ MARTINS SANCHES FILHO:

—MURMÚRIOS DOS CAMPOS E ARRABALDES.

JOSÉ MAURO DE VASCONCELOS:

—O PALÁCIO JAPONÊS.

JOSÉ MENDONÇA TELES:

—A CIDADE DO ÓCIO.

—ATLÉTICO, SENTIMENTOS E GLÓRIA.

—CRÔNICAS DE GOIÂNIA.

—CRÔNICAS DE HIDROLÂNDIA.

—NO SANTUÁRIO DE CORA CORALINA.

JOSÉ N. OLIVEIRA:

—NOS CAMINHOS DA HISTÓRIA.

JOSÉ NAUMANNE PINTO:

—O SILÊNCIO DO DELATOR.

—VENENO NA VEIA.

JOSÉ OSVALDO DE SIQUEIRA:

—PASSAGENS PITORESCAS DA VIDA.

JOSÉ OTÁVIO BERTASO:

—COISAS DE FAMÍLIA.

JOSÉ PAULO PAES:

—AVENTURA LITERÁRIA.

—DE ONTEM PARA HOJE.

—MELHORES POEMAS DE AUGUSTO DOS ANJOS.

—PROSAS SEGUIDAS DE ODES MÍNIMA.

JOSÉ PEDRO GOULART:

—CONFISSÕES DE UM COMEDOR DE XIS.

JOSÉ RAFAEL ROSITO COIRO:

—OS ANOS DOURADOS NA PRAÇA DA ALFÂNDEGA.

JOSÉ REIS CHAVES:

—QUANDO CHEGA A VERDADE.

JOSÉ ROBERTO TORERO:

—CABEÇAS DE BAGRE TAMBÉM MERECEM O PARAÍSO.

—COMO FAZER UM FILME DE AMOR.

—DICIONÁRIO SANTISTA.

—FUTEBOL É BOM PRA CACHORRO!

—NANA DESCOBRE O CÉU.

—NUNO DESCOBRE O BRASIL.

—O CHALAÇA.

—OS VERMES.

—PEQUENOS AMORES.

—SANTOS, UM TIME DO CÉUS.

—TERRA PAPAGALLI.

—UMA HISTÓRIA DE FUTEBOL.

—XADREZ TRUCO E OUTRAS GUERRAS GRANDES E PEQUENAS IRAS DOS...

—ZÉ CABALA E OS OUTROS FILÓSOFOS DO FUTEBOL.

JOSÉ RODRIGUES MARTINS:

—UMA PORTA PARA A PAZ.

JOSÉ RUI TRINDADE:

—CAPITÃES DA AREIA EM QUADRINHOS.

JOSÉ SARNEY:

—CANTO DE PÁGINAS.

—CRÔNICAS DO BRASIL CONTEMPORÂNEO-VOLUME 1.

—CRÔNICAS DO BRASIL CONTEMPORÂNEO-VOLUME 2.

—NORTE DAS ÁGUAS.

—O DONO DO MAR.

JOSÉ SEBASTIÃO WITTER:

—MEMORIAL DE MOGI DAS CRUZES.

JOSÉ SEVERIANO DE RESENDE:

—COLEÇÃO LEITURA MAIOR.

JOSÉ SEVERINO:

—CORDEL SEVERINO JOSÉ.

JOSÉ SIMÃO:

—GUIA DO LLAMAGATE OU MACACO SIMÃO NA REPÚBLICA DAS BANANAS.

—MACACO SIMÃO EM NÓIS SOFRE MAS NÓIS GOZA.

—MACACO SIMÃO NO CIPÓ DAS ONZE.

—MACACO SIMÃO NO TETRA.

JOSÉ VENÂNCIO RESENDE:

—BARONESA DE ARARY.

JOSÉ VERÍSSIMO:

—HISTÓRIA DA LITERATURA BRASILEIRA.

—HOMENS E COISAS ESTRANGEIRAS, 1899 A 1905.

—QUE É LITERATURA?

JOSÉ VIEIRA COUTO DE MAGALHÃES:

—DIÁRIO ÍNTIMO.

JOSÉ VITALIANO:

—DOSSIÊ CARTAGENA.

JOSÉ ZOKNER:

—RIMAS PRIMAS E OUTRAS CONSTATAÇÕES.

JOSEPH ESKENAZI PERNIDJI:

—GIRASSÓIS DE VAN GOGH.

JOSEPH HAYDN:

—CÂNTICOS AO PAI CELESTIAL.

JOSUÉ DE CASTRO:

—HOMENS E CARANGUEJOS.

JOSUÉ GUIMARÃES:

—A FERRO E FOGO, TEMPO DE GUERRA.

—A FERRO E FOGO, TEMPO DE SOLIDÃO.

—DONA ANJA.

—ENQUANTO A NOITE NÃO CHEGA.

—ERA UMA VEZ UM REINO ENCANTADO.

—GARIBALDI E MANOELA .

—O CAVALO CEGO.

—PEGA PRA KAPUTT.

JOSUÉ MONTELLO:

—A DÉCIMA NOITE.

—A LUZ DA ESTRELA MORTA.

—A MAIS BELA NOIVA DE VILA RICA.

—A MULHER PROIBIDA.

—A ÚLTIMA CONVIDADA.

—A VIAGEM SEM REGRESSO.

—ANTES QUE OS PÁSSAROS ACORDEM.

—CAIS DA SAGRAÇÃO.

—DIÁRIO COMPLETO.

—DIÁRIO DA NOITE ILUMINADA.

—DIÁRIO DA TARDE.

—DIÁRIO DO ENTARDECER.

—ENQUANTO O TEMPO NÃO PASSA.

—JANELAS FECHADAS.

—O BAILE DA DESPEDIDA.

—O CAMAROTE VAZIO.

—O CARRASCO QUE ERA SANTO.

—OS DEGRAUS DO PARAÍSO.

—PEDRA VIVA.

—PERTO DA MEIA NOITE.

—SEMPRE SERÁS LEMBRADA.

—SILÊNCIO DA CONFISSÃO.

—UM BEIRAL PARA OS BENTEVIS.

—UM ROSTO DE MENINA.

—UMA SOMBRA NA PAREDE.

—UMA VARANDA SOBRE O SILÊNCIO.

JOYCE CAVALCCANTE:

—O CÃO CHUPANDO MANGA.

JOYCE MOBLEY:

—IBORA EM BUSCA DO GRANDE LAGO.

JOYCE PASCOWITCH:

—DE ALMA LEVE.

JUAN GUILLERMO DROGUETT:

—ORTEGA Y GASSET.

JUAREZ BARROSO:

—OBRA COMPLETA.

JUAREZ FERNANDES LEITÃO:

—SÁBADO ESTAÇÃO DE VIVER HISTÓRIAS DA BOEMIA CEARENSE.

JUAREZ NOGUEIRA:

—O MENINO ALQUIMISTA.

JUDITH GROSSMANN:

—FAUSTO MEFISTO.

—HERBERTO SALES.

—PÁTRIA DE HISTÓRIAS.

JÚLIA LOPES DE ALMEIDA:

—A SILVERINHA.

JÚLIA MAINARDI:

—DA NATUREZA DAS COISAS.

JULIAN MURGUIA:

—CONTOS DO PAÍS DOS GAUCHOS.

JULIANO GARCIA PESSANHA:

—CERTEZA DO AGORA.

—SABEDORIA DO NUNCA.

JULIETA DE GODOY LADEIRA:

—BRASILEIROS CONTEMPORÂNEOS.

JÚLIO BANDEIRA:

—O MARQUÊS.

JÚLIO CONTE:

—BAILEI NA CURVA.

JÚLIO DINIS:

—OS FIDALGOS DA CASA MOURISCA.

JÚLIO EMÍLIO BRAZ:

—LENDAS NEGRAS.

JÚLIO GAVINHO:

—HOMEM PROCURA MENINA.

JÚLIO LUDEMIR:

—LEMBRANCINHA DO ADEUS.

—NO CORAÇÃO DO COMANDO.

—SORRIA, VOCÊ ESTÁ NA ROCINHA.

JÚLIO MOSQUERA:

—ASSOCIAÇÃO DOS DESERDADOS.

JÚLIO PIMENTEL PINTO:

—A LEITURA E SEUS LUGARES.

JÚLIO RIBEIRO:

—A CARNE.

JÚLIO ROSA:

—O MILÊNIO, OPERAÇÃO COLMÉIA.

—PROJETO ANDROS, A BESTA DO APOCALIPSE.

JÚLIO SILVEIRA:

—A PAIXÃO PELOS LIVROS.

JURANDIR PINOTI:

—A VIDA EM BAIXO RELEVO.

JUREMIR MACHADO DA SILVA:

—CAI A NOITE SOBRE PALOMAS.

—FRONTEIRAS.

—GETÚLIO.

JUVA BATELLA:

—O VERSO DA LÍNGUA.

KARL WEISSMANN:

—VIDA DE SCHOPENHAUER.

KÊNIA MARIA DE ALMEIDA PEREIRA:

—MULHERES BREVES.

KENNETH ALBERNAZ:

—TERROR NO APARTAMENTO.

KIKO PERES:

—DIÁRIO DE GUERRA E PAZ.

KLEBER BOELTER:

—PETER BULLET, UM CASO COMPLICADO.

KLEDIR RAMIL:

—TIPO ASSIM.

KRISHNAMURTI GOES DOS ANJOS:

—GATO DE TELHADO.

KURT MAHR:

—ESPAÇONAVE TERRA.

—VÔO PARA A NEBULOSA ESCURA.

L. A. FISCHER:

—EDIFÍCIO DO LADO DA SOMBRA, O SAL NA PEDRA.

L. C. S. CANDIUZZI:

—A MORTE DE UM MAGO.

—O JULGAMENTO.

—O SEMEADOR DE SONHOS.

LACORDAIRE VIEIRA:

—A VOZ DOS VIVOS.

—DETALHES EM PRETO E BRANCO.

LAÉ DE SOUZA:

—COISAS DE HOMEM, COISAS DE MULHER.

LAERT SARRUMOR:

—AS MELHORES MIL E CEM PIADAS DO BRASIL.

—MAIS MIL PIADAS DO BRASIL.

LAERTE GRANEIRO RUSSINI:

—EQUINOCIO DE OUTONO, SOLSTICIO DE VERÃO.

LAÍS CHAFFE:

—NÃO É DIFÍCIL COMPREENDER OS ETS.

LAURA MALIN:

—JÚLIO &JULIANO.

LAURA SANDRONI:

—ANTÔNIO CALLADO.

—JOÃO UBALDO RIBEIRO.

—JOSÉ DE ALENCAR.

—LIMA BARRETO.

—NOVAS SELETAS.

LAURENT SUAUDEAU:

—CARTAS A UM JOVEM CHEF.

LAURO SÉRGIO MARTINS PEREIRA E RONALDO CUNHA DIAS:

—NEM TODOS OS MÉDICOS SÃO DEUSES.

LAURO TREVISAN:

—HISTORIETAS DO BAÚ DO MEU CORAÇÃO.

LAURY MACIEL:

—PEDRA DOS ANJOS.

—QUARTO DE PENSÃO.

—ROSAS DE PAPEL CREPOM.

LAYMERT GARCIA DOS SANTOS:

—TEMPO DE ENSAIO.

LÁZARO LEME FILHO:

—MILAGRES AINDA ACONTECEM.

LÁZARO ROBERTO:

—HISTÓRIAS ASSOMBRADAS E MAL CONTADAS...

LEANDRO FORTES:

—FRAGMENTOS DA GRANDE GUERRA.

LEANDRO KONDER:

—A MORTE DE RIMBAUD.

—BARTOLOMEU.

LEANDRO SALGUEIRINHO:

—PRESSENTIMENTO DO UMBIGO.

LEATRICE MOELLMANN:

—GATOS ARISCOS.

LEDA HECKER PEREIRA LIMA:

—AVENTURA DO COTIDIANO.

—CONVIVÊNCIAS E ENVELHECIMENTO.

LEDO IVO:

—MELHORES CONTOS.

—MELHORES CRÔNICAS.

LEGRAND:

—ESPELHOS &REFLEXOS.

—FRASES MAL DITAS .

LEILAH ASSUMPÇÃO:

—NA PALMA DA MINHA MÃO.

LEJA ROJTENBERG:

—ZLATA, NÃO OLHE PARA TRÁS.

LÉLIO LAURETTI:

—RELATÓRIO ANUAL.

LEO ROCHA:

—LIVRO DO FAX.

LEO TROMBKA:

—SEMPRE É TEMPO DE NINAR UM PAI.

LEO VAZ:

—O PROFESSOR JEREMIAS.

LEONARDO AFFONSO DE MIRANDA PEREIRA:

—O CARNAVAL DAS LETRAS.

LEONARDO MENDES CARDOSO:

—CHEGUEI O MANUAL DO BEBÊ.

LEONARDO MENDONÇA:

—O URRO.

LEONARDO TEIXEIRA:

—AFINADORES DE PIANO.

—AS SOMBRAS DO DIA.

LEOPOLDO CÂMARA:

—JOÃO APOCALIPSE.

LEOPOLDO VIANA BATISTA JÚNIOR:

—ESTRADA DE BARRO PARA LADEIRA DE PEDRA.

LETÍCIA C. R. VIANNA:

—BEZERRA DA SILVA, PRODUTO DO MORRO.

LETÍCIA DORNELLES:

—COMO ENLOUQUECER EM 10 LIÇÕES.

LETÍCIA MALARD:

—POEMAS DE GREGÓRIO DE MATOS.

LETÍCIA WIERZCHOWSKI:

—A CASA DAS SETE MULHERES.

—CRISTAL POLONÊS.

—EU@TEAMO.COM.BR, O AMOR NOS TEMPOS DA INTERNET.

—O ANJO E O RESTO DE NÓS.

—O PINTOR QUE ESCREVIA.

—PRATA DO TEMPO.

—UM FAROL NO PAMPA.

LEVI BUCALEM FERRARI:

—O SEQÜESTRO DO SENHOR EMPRESÁRIO.

LEYLA PERRONE MOISÉS:

—JOSÉ CASTELLO.

LIA NEIVA:

—A GATA DO RIO NILO.

LIBERATO VIEIRA DA CUNHA:

—A COMPANHIA DA SOLIDÃO.

—O HOMEM QUE COLECIONAVA MANHAS.

—TRATADO DAS TENTAÇÕES.

—UM HÓSPEDE NA SACADA.

LICÍNIO BARBOSA:

—O NOVO CÓDIGO CIVIL.

LICÍNIO RIOS:

—SHAKESPEARE NÃO SERVE DE ÁLIBI.

LÍDIA MARIA DE MELO:

—RAUL SOARES UM NAVIO TATUADO EM NÓS.

LÍGIA CHIAPPINI:

—REINVENÇÃO DA CATEDRAL.

LÍGIA STEIGLEDER:

—RECÔNDITA HARMONIA.

LILIAN FONTES:

—SANTA TEREZA.

—SANTO DIA.

LILY MARINHO:

—ROBERTO E LILY.

LIMA BARRETO:

—CLARA DOS ANJOS.

—CONTOS REUNIDOS.

—DIÁRIO ÍNTIMO.

—LIMA BARRETO.

—MELHORES CONTOS.

—MELHORES CRÔNICAS.

—NOVA CALIFÓRNIA.

—OBRA COMPLETA.

—OS  BRUZUNDANGAS.

—RECORDAÇÕES DO ESCRIVÃO ISAÍAS CAMINHA.

—TODA CRÔNICA-VOLUME 1.

—TODA CRÔNICA-VOLUME 2.

—TRISTE FIM DE POLICARPO QUARESMA.

LINA DE ALEXANDRIA:

—INDIANA.

—JORNADA DE ESPERANÇA BUTTERFLI.

LINDOLFO PAOLIELLO:

—O MELHOR DA CRÔNICA.

LINDOLFO ROCHA:

—MARIA DUSA.

LÍVIA GARCIA ROZA:

—A PALAVRA QUE VEIO DO SUL.

—CARTÃO POSTAL.

—CINE ODEON.

—FICÇÕES FRATERNAS.

—FILHOS E CENAS.

—MEUS QUERIDOS ESTRANHOS.

—RESTOU O CÃO.

—SOLO FEMININO, AMOR E DESACERTO.

LÍZIA PESSIM ADAIR:

—ALFONSO E EU.

LOURDES FIGUEIREDO ARAÚJO:

—FADA MADRINHA.

LOURENCO CAZARRE:

—OS BONS E OS JUSTOS.

LOURENÇO DA SILVA ARAÚJO AMAZONAS:

—SIMA, ROMANCE HISTÓRICO DO ALTO AMAZONAS.

LOURENÇO DIAFÉRIA:

—A MORTE SEM COLETE.

—BERRA CORAÇÃO.

—BRÁS.

—O EMPINADOR DE ESTRELA.

—O IMITADOR DE GATO.

—O INVISÍVEL CAVALO VOADOR.

LOURENÇO MUTARELLI:

—JESUS KID.

—O CHEIRO DO RALO.

—O NATIMORTO.

LUCELENA MAIA:

—UM ALVO CALCULADO.

LUCI GUIMARÃES WATANABE:

—PARA CONQUISTAR A FLOR.

LÚCIA AMARAL DE OLIVEIRA RIBEIRO:

—DEPOIS DO LEITE.

LÚCIA CASTELLO BRANCO:

—A FALTA.

—CONTOS DE AMOR E NÃO.

LÚCIA FACCO:

—AS HEROÍNAS SAEM DO ARMÁRIO.

LÚCIA FONSECA:

—CONFISSÕES DE PENUMBRA.

LÚCIA HELENA VIANNA E MÁRCIA LÍGIA GUIDIN: 

—CONTOS DE ESCRITORAS BRASILEIRAS.

LÚCIA KOPSCHITZ BASTOS:

—ANOTAÇÕES SOBRE LEITURA E NONSENSE.

LÚCIA MIGUEL PEREIRA:

—MACHADO DE ASSIS.

LÚCIA SERPA:

—POEMA DE TODOS OS DIAS.

LUCIANA DE CASTRO MAGALHÃES:

—CAMINHOS QUE ANDEI.

LUCIANA SCOTTI:

—A DOCE SINFONIA DO SEU SILÊNCIO.

LUCIANA STEGAGNO PICCHIO:

—HISTÓRIA DA LITERATURA BRASILEIRA.

LUCIANE ALVES:

—ZÉ RAMALHO, UM VISIONÁRIO NO SÉCULO XX.

LUCIANO MAIA:

—JAGUARIBE.

LUCIANO MARTINS COSTA:

—AS RAZÕES DO LOBO.

LUCIANO PIRES:

—BRASILEIROS POCOTÓ.

LUCIANO TRIGO:

—O CORPO HUMANO.

—VAMPIRO.

LUCÍLIA JUNQUEIRA DE ALMEIDA PRADO:

—O AMOR É UM PÁSSARO VERMELHO.

LUCIMARA PARISI:

—UMA MULHER QUE FAZ.

LUCINHA ARAÚJO E REGINA ECHEVERRIA:

—CAZUZA, SÓ AS MÃES SÃO FELIZES.

LÚCIO ANTÔNIO PEREZ PACHECO:

—MAJOR, O DIA EM QUE O CASSINO DA PAMPULHA FECHOU.

LÚCIO CARDOSO:

—A LUZ NO SUBSOLO.

—CRÔNICA DA CASA ASSASSINADA.

—INÁCIO, O FEITICEIRO E BALTAZAR.

—MALEITA.

—O DESCONHECIDO E MÃOS VAZIAS.

LUÍS ANDRÉ DO PRADO:

—CACILDA BECKER, FÚRIA SANTA.

LUÍS ANTÔNIO DE ASSIS BRASIL:

—A MARGEM IMÓVEL DO RIO.

—AS VIRTUDES DAS CASAS.

—BACIA DAS ALMAS.

—BANDEIRANTES, OS COMANDOS DA MORTE.

—CÃES DA PROVÍNCIA.

—CONCERTO CAMPESTRE.

—O HOMEM AMOROSO.

—O PINTOR DE RETRATOS.

—O SOL CRUCIFICADO.

—OS SENHORES DO SÉCULO.

—PEDRA DA MEMÓRIA.

—PERVERSAS FAMÍLIAS.

—TIRADENTES, PODER OCULTO O LIVROU DA FORCA.

LUÍS ANTÔNIO GIRON:

—ATÉ NUNCA MAIS, POR ENQUANTO.

—TEATRO DE GONÇALVES DIAS.

LUÍS ANTÔNIO GOMES:

—FUI MEU ALUNO.

LUÍS AUGUSTO CASSAS:

—DEUS MIX.

—LITURGIA DA PAIXÃO.

—O RETORNO DA AURA.

—O SHOPPING DE DEUS & A ALMA DO NEGÓCIO.

—ÓPERA BARROCA.

—TITANIC BOULOGNE.

LUÍS AUGUSTO FISCHER:

—CONTRA O ESQUECIMENTO.

—DE PONTA COM O VENTO NORTE.

—MOACYR SCLIAR.

—PARA FAZER A DIFERENÇA.

—RUA DESCONHECIDA.

LUÍS C. MAGALDI:

—HIDRAM.

LUÍS CARLOS DE SANTANA:

—A NOITE DOS CRISTAIS.

LUÍS CARLOS LISBOA:

—IVO PITANGUY.

—THEOPHILO DE AZEREDO SANTOS.

LUÍS CARLOS SALOMÃO CORREA:

—OS CALORES DE VIRIDIANA E AS AGONIAS DO SENHOR PERFEITO.

—O VÔO DE ÍCARO.

LUÍS COSTA PINTO:

—AS DUAS MORTES DE PC FARIAS.

LUÍS DA CÂMARA CASCUDO:

—CONTOS TRADICIONAIS DO BRASIL.

LUÍS EDGAR DE ANDRADE:

—BAO CHI, BAO CHI.

LUÍS EDUARDO MATTA:

—IRA IMPLACÁVEL.

LUÍS FELIPE SÁ MONMANY:

—DE BAGÉ EM PROSA E PROSA.

LUÍS FERNANDO VERÍSSIMO:

—A MESA VOADORA.

—AQUELE ESTRANHO DIA QUE NUNCA CHEGA.

—AS MENTIRAS QUE OS HOMENS CONTAM.

—AVENTURAS DA FAMÍLIA BRASIL.

—BANQUETE COM OS DEUSES.

—BORGES E OS ORANGOTANGOS ETERNOS.

—COMÉDIAS PARA SE LER NA ESCOLA.

—ETERNA PRIVAÇÃO DO ZAGUEIRO ABSOLUTO.

—FESTA DE CRIANÇA.

—HISTÓRIA DE HUMOR.

—HISTÓRIAS BRASILEIRAS DE VERÃO.

—INTERNACIONAL, AUTOBIOGRAFIA DE UMA PAIXÃO.

—O CLUBE DOS ANJOS, GULA.

—O DESAFIO ÉTICO.

—O JARDIM DO DIABO.

—O MELHOR DAS COMÉDIAS DA VIDA PRIVADA.

—O OPOSITOR.

—O SANTINHO.

—PARA GOSTAR DE LER-VOLUME 14.

—POESIA NUMA HORA DESSAS?!

—SEXO NA CABEÇA.

—TODAS AS HISTÓRIAS DO ANALISTA DE BAGÉ.

—TRAÇANDO MADRID.

—VOZES DO GOLPE.

LUÍS FERNANDO VERÍSSIMO E JOAQUIM DA FONSECA:

—TRAÇANDO NEW YORK.

—TRAÇANDO PARIS.

—TRAÇANDO PORTO ALEGRE.

LUÍS FORJAZ TRIGUEIROS:

—AS HORAS EXTRAORDINÁRIAS.

LUÍS FRANCISCO CARVALHO FILHO:

—NADA MAIS FOI DITO NEM PERGUNTADO.

LUÍS HENRIQUE CORREA:

—MAIS DUAS MIL ADIVINHAS DO BRASIL .

LUÍS MARRA:

—COLETIVO ALEATÓRIO.

LUÍS NASSIF:

—MENINO DE SÃO BENEDITO.

LUÍS PIMENTEL:

—UM COMETA CRAVADO NA TUA COXA.

LUIZ  GOMES:

—MUITAS HISTÓRIAS DE TIJUCAS.

LUIZ ALBERTO FAGUNDES:

—A ESCOLHA DOS ALIMENTOS PARA PROTEÇÃO CONTRA O CÂNCER.

—AINDA COM A LUA NA GARUPA.

—CÂNCER DE PRÓSTATA.

—GUIA DE ALIMENTAÇÃO NATURAL.

—MITOS E LENDAS DO RIO GRANDE DO SUL.

—ÔMEGA 3 & ÔMEGA 6.

LUIZ ALFREDO GARCIA-ROZA:

—ACHADOS E PERDIDOS.

—O SILÊNCIO DA CHUVA.

—PERSEGUIDO.

—UMA JANELA EM COPACABANA.

—VENTO SUDOESTE.

LUIZ ANTÔNIO DA SILVA:

—BEATLES, POR ELES MESMOS.

LUIZ ANTÔNIO DE ARAÚJO E LEV RAPHAEL:

—A MORTE TAMBÉM FREQÜENTA O PARAÍSO.

LUIZ ANTÔNIO DE ASSIS BRASIL:

—BREVARIO DAS TERRAS DO BRASIL.

—O PINTOR DE RETRATOS.

—PERVERSAS FAMÍLIAS.

LUIZ ANTÔNIO FARAH DE AGUIAR:

—HANS STADEN, VIAGENS E AVENTURAS NO BRASIL.

—UROBORO, NOVELA DEMONÍACA.

LUIZ AUGUSTO FÉLIX DOS SANTOS:

—A MORTE DEPOIS DA PAIXÃO.

LUIZ AVIZ:

—AS MELHORES PIADAS QUE CIRCULAM NA INTERNET.

LUIZ BERNARDO PERICAS:

—NOITE SOBRE A CIDADE.

LUIZ BRITTO:

—A ARCA DAS MEMÓRIAS DOURADAS.

—A NAVE SUBMERSA.

—CÔCO DE BRASILEIRO.

—DE QUE FALAM AS CANÇÕES DOS HOMENS.

LUIZ CARLOS BARBOSA LESSA:

—CRÔNICAS DO PASSADO.

LUIZ CARLOS BRAVO:

—EU GOSTARIA DE TER DITO ISSO!

LUIZ CARLOS LISBOA:

—MEMÓRIAS DE UM GATO.

—O SOM DO SILÊNCIO.

—UM GATO APRENDE A MORRER.

LUIZ CARLOS MACIEL:

—AS QUATRO ESTAÇÕES.

—ELES E EU.

—EM BUSCA DA LUZ.

—GERAÇÃO EM TRANSE.

—O PODER DO CLÍMAX.

—SARTRE, VIDA E OBRA.

LUIZ CARLOS MIELE:

—POEIRA DE ESTRELAS.

LUIZ COSTA LIMA:

—O REDEMUNHO DO HORROR, AS MARGENS DO OCIDENTE.

LUIZ DE MIRANDA:

—ANTOLOGIA POÉTICA.

—LIVRO DO PAMPA.

LUIZ FERNANDO CARVALHO:

—SONDAS.

LUIZ FERNANDO EMEDIATO:

—A GRANDE ILUSÃO.

—TREVAS NO PARAÍSO.

—VERDES ANOS.

LUIZ GALDINO:

—MISTÉRIO NA CASA DAS RUNAS .

LUIZ GARBOGGINI QUAGLIA:

—CONTOS DE GARBO.

LUIZ GUIMARÃES JÚNIOR:

—A FAMÍLIA AGULHA.

LUIZ GUTEMBERG:

—QUEM É PEDRO SIMON.

LUIZ HALLEY KRIEGER:

—A DESCOBERTA DIABÓLICA.

LUIZ HENRIQUE:

—NÃO FOI O VENTO QUE A LEVOU.

LUIZ HUGO GUIMARÃES:

—1964, RECORDAÇÕES DA ILHA MALDITA.

LUIZ J. GINTNER:

—EM BUSCA DE LILIPUT.

LUIZ LOPES COELHO:

—A IDÉIA DE MATAR BELINA.

LUIZ MAKLOUF CARVALHO:

—COBRAS CRIADAS.

LUIZ MÁRCIO RIBEIRO CALDAS JÚNIOR:

—VOCÊ TEM MEDO DO QUÊ?

LUIZ MARTINS:

—JIMI HENDRIX POR ELE MESMO.

—LAPA E NOTURNO DA LAPA.

LUIZ MOREIRA BRITO:

—ESTRELA DE PRATA.

LUIZ MOTT:

—CRÔNICAS DE UM GAY ASSUMIDO.

LUIZ ODILON PEREIRA RODRIGUES:

—ESBARRADA FINAL.

LUIZ PAULO FACCIOLI:

—ESTUDO DAS TECLAS PRETAS.

LUIZ ROBERTO MEE:

—O PRISIONEIRO DA SOMBRA.

LUIZ RUFATTO:

—25 MULHERES QUE ESTÃO FAZENDO A NOVA LITERATURA BRASILEIRA.

—HISTÓRIAS DE REMORSOS E RANCORES.

—O MUNDO INIMIGO-VOLUME 1.

—O MUNDO INIMIGO-VOLUME 2.

—OS SOBREVIVENTES.

LUIZ SCHWARCZ E OUTROS:

—FICÇÕES FRATERNAS.

LUIZ SÉRGIO METZ:

—ASSIM NA TERRA.

—O PRIMEIRO E O SEGUNDO HOMEM.

LUIZ VILELA:

—A CABEÇA.

—BOA DE GARFO.

—CHUVA.

—CONTOS.

—CONTOS DA INFÂNCIA E DA ADOLESCÊNCIA.

—HISTÓRIAS DE FAMÍLIA.

—O CHORO NO TRAVESSEIRO.

—O VIOLINO.

—SETE HISTÓRIAS.

—TE AMO SOBRE TODAS AS COISAS.

—TREMOR DE TERRA.

—UMA SELEÇÃO DE CONTOS.

LUIZ VILELA E WILSON MARTINS:

—OS MELHORES CONTOS DE LUIZ VILELA.

LUIZ WERNECK VIANNA:

—A REVOLUÇÃO PASSIVA.

LUÍZA LOBO:

—ESTRANHA APARIÇÃO.

—SEXAMERON, NOVELAS SOBRE CASAMENTOS.

LUPICÍNIO RODRIGUES:

—FOI ASSIM.

LUSA SILVESTRE:

—PÓLVORA GORGONZOLA & ALECRIM.

LUSTOSA DA COSTA:

—FOI NA SECA DO 19.

—NO APRES MIDI DE NOSSAS VIDAS.

—VIDA, PAIXÃO E MORTE DE ETELVINO SOARES.

LUZIA DE MARIA:

—MINHA CAIXA DE SONHAR.

—MINHA CAIXA DE SONHAR II.

LUZILA GONÇALVES FERREIRA:

—NO TEMPO FRÁGIL DAS HORAS.

—OS RIOS TURVOS.

—VOLTAR A PALERMO.

LYA FETT LUFT:

—A ASA ESQUERDA DO ANJO.

—A SENTINELA.

—AS PARCEIRAS.

—EXÍLIO.

—MAR DE DENTRO.

—O PONTO CEGO.

—O QUARTO FECHADO.

—O RIO DO MEIO.

—PENSAR É TRANSGREDIR.

—PERDAS & GANHOS.

—REUNIÃO DE FAMÍLIA.

LYGIA BOJUNGA NUNES:

—A CAMA.

—A CASA DA MADRINHA.

—O ABRAÇO.

—O RIO E EU.

LYGIA DE MOURA RASSI:

—VEIOS DA PAIXÃO.

LYGIA FAGUNDES TELLES:

—21 CONTOS PELO TELEFONE.

—A DISCIPLINA DO AMOR.

—A ESTRUTURA DA BOLHA DE SABÃO.

—A NOITE ESCURA E MAIS EU.

—ANTES DO BAILE VERDE.

—AS CEREJAS.

—AS HORAS NUAS.

—AS MENINAS.

—CIRANDA DE PEDRA.

—CONFISSÕES DE LEONTINA.

—DENTRO DE UM LIVRO.

—DURANTE AQUELE ESTRANHO CHÁ.

—HISTÓRIAS DE MISTÉRIO.

—INVENÇÃO E MEMÓRIA.

—MELHORES CONTOS.

—MEUS CONTOS ESQUECIDOS.

—MEUS CONTOS PREFERIDOS.

—MISTÉRIOS.

—OITO CONTOS DE AMOR.

—POMBA ENAMORADA OU UMA HISTÓRIA DE AMOR.

—SEMINÁRIO DOS RATOS.

—UM FIO DE PROSA.

—VENHA VER O PÔR DO SOL.

—VERÃO NO AQUÁRIO.

M. L. WILSON:

—COM QUEM ESTÁ FALANDO MARIE LOUISE?

M. WILLIAM:

—POR QUE UNS TÊM SORTE NA VIDA E OUTROS NÃO.

MACÁRIA SANTOS ANDRADE:

—NO MEU CAMINHAR.

MAFRA CARBONIERI:

—O MOTIM NA ILHA DOS SINOS.

MAGALHÃES DA COSTA:

—TRAQUINAGEM.

MAGALI BARDOS:

—TRISTÃO E ISOLDA, MITO DA PAIXÃO.

MAGALI MORAES:

—BUFFET.

—QUEM NASCEU PARA CINTILANTE NUNCA CHEGA A FRANCESINHA.

MAGDA SOARES:

—METAMEMÓRIA MEMÓRIAS.

MAGNO FERNANDES:

—OPERAÇÃO OLHO MÁGICO.

MAHATMA GANDHI:

—SOMOS TODOS IRMÃOS.

MAICON TENFEN:

—ENTRE A BRISA E A MADRUGADA.

—O IMPOSTOR.

MAITÊ PROENÇA:

—ENTRE OSSOS E A ESCRITA.

MAJELA COLARES:

—O SOLDADOR DE PALAVRAS.

MAJOR PEDRO RIBEIRO:

—LONGOS SERÕES DO CAMPO-2 VOLUMES.

MAJORI CLARO:

—MEMÓRIAS DE UMA VÊNUS RAPTADA.

MALBA TAHAN:

—A CAIXA DO FUTURO.

—AMOR DE BEDUÍNO.

—AVENTURA DO REI BARIBE.

—CÉU DE ALÁ.

—LENDAS DO CÉU E DA TERRA.

—LENDAS DO DESERTO.

—MAKTUB.

—MEU ANEL DE SETE PEDRAS.

—MIL HISTÓRIAS SEM FIM-VOLUME 1.

—MIL HISTÓRIAS SEM FIM-VOLUME 2.

—NOVAS LENDAS ORIENTAIS.

—O HOMEM QUE CALCULAVA.

—O LIVRO DE ALADIM.

—OS MELHORES CONTOS.

—SALIM, O MÁGICO.

MALCOLM SILVERMAN:

—PROTESTO E O NOVO ROMANCE BRASILEIRO.

MALU RIBEIRO:

—SENHOR DOS DESENCANTOS.

MALU ZOEGA DE SOUZA:

—LITERATURA JUVENIL EM QUESTÃO.

MANOEL BRAGA GASTAL:

—FLASHES DE UMA VIDA.

MANOEL CABOCLO:

—CORDEL.

MANOEL CARLOS:

—PRESENÇA DE ANITA.

MANOEL CARLOS KARAM:

—ENCRENCA.

—SUJEITO OCULTO.

MANOEL CÉSAR GONÇALVES:

—IDENTIDADE ROUBADA.

MANOEL DE BARROS:

—ARRANJOS PARA ASSOBIO.

—CONCERTO A CÉU ABERTO PARA SOLOS DE AVE.

—LIVRO DE PRÉ-COISAS.

—LIVRO SOBRE NADA.

—MATÉRIA DE POESIA.

—MEMÓRIAS INVENTADAS.

—O GUARDADOR DE ÁGUAS.

—POEMAS CONCEBIDOS SEM PECADOR.

—RETRATO DO ARTISTA QUANDO COISA.

MANOEL LOBATO:

—CARTAS NA MESA.

MANOEL RODRIGUES FERREIRA:

—A FERROVIA DO DIABO.

MANOEL SANTIAGO:

—LENDAS AMAZÔNICAS.

MANUEL ANTÔNIO ÁLVARES DE AZEVEDO :

—LIRA DOS VINTE ANOS.

—NOITE NA TAVERNA.

MANUEL ANTÔNIO DE ALMEIDA:

—LUNETA MÁGICA.

—MEMÓRIAS DE UM SARGENTO DE MILÍCIAS.

MANUEL BANDEIRA:

—ANTOLOGIA DOS POETAS MODERNISTAS DO BRASIL.

—BERIMBAU.

—ELENCO, CRONISTA MODERNO.

—HUMILDADE, PAIXÃO E MORTE.

—MANUEL BANDEIRA.

—MELHORES CRÔNICAS.

—MELHORES POEMAS.

—MEUS POEMAS PREFERIDOS.

—SELETA DE PROSA.

MANUEL DA COSTA PINTO:

—LITERATURA BRASILEIRA HOJE-FOLHA EXPLICA-Nº 60.

MANUEL DE OLIVEIRA PAIVA:

—DONA GUIDINHA DO POÇO.

—OBRA COMPLETA.

MANUEL SOARES PÓVOAS:

—OS CRAVOS E A MANTA.

MANUEL VAZQUEZ MONTALBAN:

—O HOMEM DA MINHA VIDA.

MANUELA CARNEIRO DA CUNHA:

—ENCICLOPÉDIA DA FLORESTA.

—HISTÓRIA DOS ÍNDIOS NO BRASIL.

MANVILLE AVALON:

—CHE GUEVARA, POR ELE MESMO .

MARA CORADELLO:

—O COLECIONADOR DE SEGUNDOS.

MARÇAL AQUINO:

—CABEÇA A PRÊMIO.

—FAMÍLIAS TERRIVELMENTE FELIZES.

—O AMOR E OUTROS OBJETOS PONTIAGUDOS-VOLUME 1.

—O AMOR E OUTROS OBJETOS PONTIAGUDOS-VOLUME 2.

—O INVASOR.

MARCEL CITRO:

—A NOITE DO SAURIO.

MARCEL SOUTO MAIOR:

—AS VIDAS DE CHICO XAVIER.

MARCELA GODOY:

—O PRIMEIRO RELATO DA QUEDA DO DEMÔNIO.

MARCELA SERRANO:

—NÓS QUE NOS AMÁVAMOS TANTO.

MARCELINO FREIRE:

—ANGU DE SANGUE.

—BALÉ RALÉ.

—CONTOS NEGREIROS.

—OS CEM MENORES CONTOS BRASILEIROS DO SÉCULO.

MARCELLO FOIS:

—SEMPRE CARO.

MARCELLO ROLLEMBERG:

—ENCONTROS NECESSÁRIOS.

MARCELO ARGOLO:

—A MADRUGADA É CÁLIDA E PROMISSORA.

MARCELO BAGLIONE:

—STELLA.

MARCELO BARROS:

—A SECRETA MAGIA DO CAMINHO.

MARCELO CARNEIRO DA CUNHA:

—A REPÚBLICA DE MONTENEGRO.

—AINDA É TEMPO DE RIR.

—AMEAÇA DO RIO.

—ANTES QUE O MUNDO ACABE.

—CODINOME DUDA.

—CONTOS PUBLICITÁRIOS.

—DUDA 2, A MISSÃO.

—NA PRAIA DA FERRUGEM.

—O NOSSO JUIZ.

MARCELO COELHO:

—GOSTO SE DISCUTE.

—JANTANDO COM MELVIN.

MARCELO DEL DEBBIO:

—VAMPIROS PRINCIPIA DISCÓRDIA.

MARCELO DUARTE:

—GUIA DOS CURIOSOS, O BRASIL.

MARCELO FERRONI:

—DIA DOS MORTOS.

MARCELO LUÍS OCCHIUTTO:

—BIANCA, CLARA KARINA, A HISTÓRIA DE UMA MESMA MULHER.

MARCELO MADUREIRA E OUTROS:

—MEU QUERIDO CANALHA.

MARCELO MELLO:

—DESCOMPORTE-SE!

—DESCONFORME-SE.

MARCELO MIRISCOLA:

—O AZUL DO FILHO MORTO.

—BANGALÔ.

—FÁTIMA FEZ OS PÉS PARA MOSTRAR NA CHOPERIA.

—NOTAS DA ARREBENTAÇÃO.

MARCELO MOUTINHO:

—PROSAS CARIOCAS.

MARCELO NASCIMENTO:

—OPUS GENERALIS.

MARCELO O. DANTAS:

—PODE CRER!

MARCELO PACIORNIK:

—O MAGO DE PRATA.

MARCELO RUBENS PAIVA:

—AS FÊMEAS.

—BALA NA AGULHA.

—BLECAUTE.

—BRARI.

—FELIZ ANO VELHO.

—MALETA.

—MALU DE BICICLETA.

—NÃO ÉS TU BRASIL.

MARCELO SECRON BESSA:

—HISTÓRIAS POSITIVAS.

—OS PERIGOSOS, AUTOBIOGRAFIAS E AIDS.

MARCEU VIEIRA:

—NADA NÃO.

MÁRCIA ABREU:

—ANTOLOGIA DE FOLHETOS DE CORDEL, AMOR HISTÓRIA E LUTA.

MÁRCIA BRAGA E TERESA BARROS:

—O BESTIÁRIO DO EMPREGO.

MÁRCIA CAMARGOS:

—MICRÓBIOS NA CRUZ.

—SEMANA DE 22.

MÁRCIA DENSER:

—DIANA CAÇADORA & TANGO FANTASMA.

—TODA PROSA.

MÁRCIA DO VALLE:

—180 GRAUS.

MÁRCIA FAGUNDES:

—QUERO SER DO BEM.

MÁRCIA FRAZÃO:

—SENHORAS DO SANTÍSSIMO FEMININO.

MÁRCIA KUPSTAS:

—GURKA, RETRATO DE UM JOVEM ASSASSINO.

—O DEMÔNIO DO COMPUTADOR.

MÁRCIA LÍGIA GUIDIN E LÚCIA HELENA VIANNA:

—CONTOS DE ESCRITORAS BRASILEIRAS.

MARCÍLIO GODÓI:

—SÃO PAULO, CIDADE INVISÍVEL, UMA REPORTAGEM AFETIVA.

MÁRCIO BARALDI:

—TODAS AS CORES DO HUMOR.

MÁRCIO BORGES:

—OS SONHOS NÃO ENVELHECEM.

MÁRCIO CHRISTINO:

—POR DENTRO DO CRIME.

MÁRCIO COTRIM:

—O PULO DO GATO.

MÁRCIO EL-JAICK:

—ERA UMA VEZ...

MÁRCIO MORAES VALENÇA:

—LEU O LIVRO DO CHICO?

MÁRCIO MOREIRA ALVES:

—GOSTEI DO SÉCULO.

—HISTÓRIAS DO BRASIL PROFUNDO.

MÁRCIO PASCHOAL:

—OS ATALHOS DE SAMANTA.

MÁRCIO PITLIUK:

—AFAGOS AMARGOS.

—ÍDICHE MAMMA MIA.

MÁRCIO SOUZA:

—GALVEZ, O IMPERADOR DO ACRE.

—LEALDADE.

—MAD MARIA.

—REVOLTA.

MÁRCIO VASSALLO:

—MÁRIO QUINTANA.

MARCO ANTÔNIO CARDOSO:

—BOB MARLEY, POR ELE MESMO.

MARCO ANTÔNIO VILLA:

—VIDA E MORTE NO SERTÃO.

MARCO AURÉLIO CREMASCO:

—SANTO REIS NA LUZ DIVINA.

MARCO CARVALHO:

—FEIJOADA NO PARAÍSO.

MARCO LACERDA:

—CLUBE DOS HOMENS BONITOS.

MARCO LUCCHESI:

—BIZANCIO.

—OS OLHOS DO DESERTO.

—POEMAS REUNIDOS.

—SAUDADES DO PARAÍSO.

—VIAGEM A FLORENÇA.

MARCO TÚLIO COSTA:

—AVENTURA DOS FILHOS NA BARRIGA DA NOITE.

—FÁBULAS DO AMOR DISTANTE.

MARCOS DE VASCONCELLOS:

—NA COVA DE UM CÃO.

MARCOS FÁBIO KATUDJIAN:

—SNUFF MOVIE, DEPOIS DO FIM DO MUNDO.

MARCOS FLAMÍNIO PERES:

—A FONTE ENVENENADA.

MARCOS FLEURY DE OLIVEIRA:

—O BRUXO DO COSME VELHO.

MARCOS FREDERICO KRUGER:

—AMAZÔNIA, MITO E LITERATURA.

MARCOS PAULO GOES:

—CHUTANDO O PAU DA BARRACA.

MARCOS RABELLO:

—O ROMANCE DO CONTISTA.

MARCOS REY:

—A SENSAÇÃO DE SETEMBRO.

—CAFÉ NA CAMA.

—CRIMES DO OLHO DE BOI.

—MALDITOS PAULISTAS.

—MELHORES CONTOS.

—MEMÓRIAS DE UM GIGOLÔ.

—O ENTERRO DA CAFETINA.

—O PÊNDULO DA NOITE.

—ÓPERA DE SABÃO.

—SOY LOCO POR TI, AMÉRICA!.

MARCOS RODRIGUES:

—CHORO DE HOMEM.

MARCOS SALDANHA RODOVALHO:

—QUANDO DEZEMBRO CHEGAR.

MARCOS SANTARRITA:

—BAHIA MINHA.

—MARES DO SUL.

—O QUE TINHA DE SER.

MARCUS ANTÔNIO BRITTO DE FLEURY:

—FELICIDADE, A CIDADE SITIADA.

MARCUS VINÍCIUS GASQUES:

—MONTANHA DE FÚRIA.

MARGARITA WASSERMAN:

—CRÔNICAS DE CURITIBA.

MARGUERITE DURAS:

—OLHOS AZUIS, CABELOS PRETOS.

MARIA A. S. COQUEMALA:

—CÍRCULO VICIOSO.

MARIA ABEL MACHADO:

—MULHERES SEM ROSTO.

MARIA ADELAIDE AMARAL:

—AOS MEUS AMIGOS.

—CORAÇÃO SOLITÁRIO.

—DERCY DE CABO A RABO.

—ESTRELA NUA.

—LUÍSA, QUASE UMA HISTÓRIA DE AMOR.

—MADEMOISELLE CHANEL.

—O ABRE ALAS.

—O BRUXO.

—QUERIDA MAMÃE.

—TARSILA.

MARIA ALICE BARROSO:

—A BIBLIOTECA PÚBLICA NA EDUCAÇÃO DO ADULTO.

—BOLA NO PÉ.

MARIA APARECIDA BECKER:

—CONVENTO CONFESSO.

MARIA APARECIDA LOPES NOGUEIRA:

—ARIANO SUASSUNA, O CABREIRO TRESMALHADO.

MARIA APARECIDA VITTA MAYA:

—O NÁUFRAGO DA BARCA SÉTIMA.

MARIA AUGUSTA DA COSTA VIEIRA:

—O DITO PELO NÃO DITO.

MARIA CARMEM BARBOSA:

—A LOUCA DE LOUÇA.

MARIA CELESTE MIRA:

—MOMENTOS DO LIVRO NO BRASIL.

MARIA CILENE M. SALES DOS SANTOS:

—DE AMOR E TRAIÇÃO.

—SOMBRAS E SUSTOS.

MARIA CLARA CASTELLÕES DE OLIVEIRA:

—LITERATURA E FILOSOFIA.

MARIA CRISTINA CAVALCANTI ALBUQUERQUE:

—LUZ DO ABISMO.

—O PRÍNCIPE E O CORSÁRIO.

MARIA DA SALETE CORDEIRO DE SOUSA:

—A CADEIRA AZUL.

MARIA DALVA J. GUI:

—LABAREDAS PELOS CORPOS.

—NAS ASAS DE ÍCARO.

MARIA DALVA JUNQUEIRA GUIMARÃES:

—AS AVENTURAS DE EFIGÊNIA.

—BAÚ DE MEMÓRIAS.

—SONHOS DE SOFIA.

MARIA DE LOUDERS R. COIMBRA:

—FACHADAS.

MARIA DE LOURDES ABREU DE OLIVEIRA:

—BRAVO BRASIL!

MARIA DE LOURDES PATRINI:

—A RENOVAÇÃO DO CONTO.

MARIA DE LURDES RECH:

—PROSA DE MULHER.

MARIA DE NAZARETH:

—MERLIN, O FILHO DO DIABO .

MARIA DINORAH:

—CANTIGA DE ESTRELA.

MARIA DO CARMO FORTI:

—MARIA DO JUAZEIRO, A BEATA DO MILAGRE.

MARIA DO ROSÁRIO CASSIMIRO:

—ORA E ESSA.

MARIA ESTHER MACIEL:

—A MEMÓRIA DAS COISAS.

—O LIVRO DE ZENOIA.

MARIA EUGÊNIA SAHAGOFF:

—O MAL-AMADO.

MARIA FILOMENA BOUISSOU LEPECKI:

—CUNHATAI, UM ROMANCE DA GUERRA DO PARAGUAI.

MARIA FILOMENA DA COSTA COELHO:

—CABELOS DE VÊNUS.

MARIA FLORA:

—FÔLEGO.

MARIA GORETTI FERNANDES:

—AMAR POR AMAR.

MARIA GUIMARÃES SAMPAIO:

—ESTRELA DE ANA BRASILA.

MARIA HELENA MALTA:

—O AMANTE DE JÚLIA.

MARIA HELENA MARTINS:

—SOMOS TODOS DIFERENTES.

MARIA HELENA NERY GARCEZ:

—EM TRÂNSITO.

MARIA HELENA SATO:

—CAMALEOA, POESIA NA CIDADE.

MARIA HELENA TAVARES POLASTRI:

—MEU ESTADO, MINAS GERAIS.

MARIA HELENA WHATELY:

—OS SEIOS DE EVA.

MARIA INÊS DE ALMEIDA:

—NA CAPTURA DA VOZ.

MARIA JOSÉ DE OLIVEIRA LIMA:

—CARTAS DE UMA AVÓ.

MARIA JOSÉ DE QUEIROZ:

—AMÉRICA, A NOSSA E AS OUTRAS.

—HOMEM DE SETE PARTIDAS.

—JOAQUINA, FILHA DO TIRADENTES.

MARIA JOSÉ GOULART BITTAR:

—AS TRÊS FACES DE EVA NA CIDADE DE GOIÁS.

MARIA JOSÉ SILVEIRA:

—A MÃE DA MÃE DE SUA MÃE E SUAS FILHAS.

—ELEANOR MARX, FILHA DE KARL.

—O FANTASMA DE LUÍS BUNUEL.

—OSSOS.

MARIA JOSÉ UCHOA ALVES LIMA:

—7 CONTOS INVEROSSÍMEIS.

MARIA JULIETA DRUMOND DE ANDRADE:

—A BUSCA.

MARIA LAURINDA RIBEIRO DE SOUZA:

—MAIS ALÉM DO SONHAR.

MARIA LÚCIA NABUCO:

—SUMIDOURO DO TEMPO.

MARIA LÚCIA VICTOR BARBOSA:

—CONTOS DA MEIA-NOITE.

MARIA LUCIENE DE FREITAS E SILVA:

—O SORRISO E UM OLHAR.

MARIA LUÍZA DE QUEIROZ:

—TANTOS ANOS.

MARIA MARIANA:

—CONFISSÕES DE ADOLESCENTE.

MARIA MENDES OLIVEIRA TAVARES:

—A FILHA QUE PAPAI NOEL NÃO ASSUMIU.

MARIA NALU:

—PAULO COELHO EM SUMA.

MARIA NAZARETH ALVIM DE BARROS:

—MERLIN, O FILHO DO DIABO.

MARIA STELLA FUSCA:

—DEVANEIOS DO CORAÇÃO.

MARIA TERESA HELLMEISTER FORNACIARI:

—ENCONTROS E DESENCONTROS.

MARIA THEREZA DRUCK BASTIDE:

—DOIS TEMPOS.

MARIALZIRA PERESTRELLO:

—TUDO É PRESENTE.

MARIANA BRASIL:

—ENTRE AS FRONTEIRAS, O MANUSCRITO DE SÔNIA.

MARIANA CALTABIANO:

—VIPS, HISTÓRIAS REAIS DE UM MENTIROSO.

MARIANA KLUEGER:

—E ASSIM SE PASSARAM DOIS ANOS.

MARIANA MASSARANI E TATIANA BELINKY:

—SOU DO CONTRA! 

MARIÂNGELA BERQUO RAMALHÃO:

—UM HOMEM CHAMADO JESUS.

MARIETTA TELLES MACHADO:

—SELETA.

MARILENA ANSALDI:

—ATOS.

MARILENE FELINTO:

—AS MULHERES DE TIJUCOPAPO.

—JORNALISTICAMENTE INCORRETO.

—O LAGO ENCANTADO DE GRONGONZO.

—OBSCENO, ABANDONO AMOR E PERDA.

MARÍLIA ARNAUD:

—O LIVRO DOS AFETOS.

MARÍLIA DE ANDRADE:

—MARIA ANTONIETA D’ALKMIN E OSWALD DE ANDRADE.

MARÍLIA PACHECO FIORILLO:

—A CAMINHO DO PARAÍSO.

—HOMENS.

MARILU VALENTE:

—DISSONÂNCIAS.

MARINA CÉLIA SILVA PEREIRA:

—POEMAS.

MARINA COLASANTI:

—23 HISTÓRIAS DE UM VIAJANTE.

—A MOÇA TECELÃ.

—A MORADA DO SER.

—DE MULHERES SOBRE TUDO.

—EU SEI MAS NÃO DEVIA.

—FRAGATAS PARA TERRAS DISTANTES.

—GARGANTAS ABERTAS.

—HISTÓRIA DE UM VIAJANTE.

—O HOMEM QUE NÃO PARAVA DE CRESCER.

—O LEOPARDO É UM ANIMAL DELICADO.

—POIS É POESIA.

—UM ESPINHO DE MARFIM.

—UM FIO DE PROSA.

MARINA MARCONDES MACHADO:

—A POÉTICA DE BRINCAR.

MÁRIO CALÁBRIA:

—MEMÓRIAS DE CORUMBÁ A BERLIM.

MÁRIO CHAMIE:

—CARAVANA CONTRÁRIA.

MÁRIO DE ANDRADE:

—AMAR, VERBO INTRANSITIVO.

—BALANÇA, TROMBETA E BATTLESHIP.

—CARTA AO PINTOR MOÇO.

—CARTAS DE MÁRIO DE ANDRADE A LUÍS CÂMARA CASCUDO .

—CONTOS NOVOS.

—FICÇÃO.

—MACUNAÍMA.

—O EMPALHADOR DE PASSARINHO.

—PORTINARI, AMICO MIO.

—QUERIDA HENRIQUETA.

—TÁXI E CRÔNICAS NO DIÁRIO NACIONAL.

—VIDA DO CANTADOR.

MÁRIO DE ANDRADE  E FERNANDO SABINO:

—CARTAS A UM JOVEM ESCRITOR E SUAS RESPOSTAS.

MÁRIO DE ANDRADE E TELE PORTO ANCONA LOPEZ:

—DE SÃO PAULO, CINCO CRÔNICAS DE MÁRIO DE ANDRADE.

MÁRIO DE ANDRADE E TELE PORTO ANCONA LOPEZ:

—OS MELHORES CONTOS DE MÁRIO DE ANDRADE.

MÁRIO DONATO:

—PRESENÇA DE ANITA.

MÁRIO DYVO:

—PAIXÃO DE VERÃO.

MÁRIO FEIJÓ:

—13 NO CAIXÃO.

MÁRIO GARRONE JÚNIOR:

—O HOMEM INFELIZ.

MÁRIO GOULART:

—LIVRO DOS ERROS.

MÁRIO GRACIOTTI:

—CHEIO DE ESTRELAS, POR QUE NÃO?

MÁRIO HÉLIO:

—JOÃO CARLOS PAES MENDONÇA, VIDA, IDÉIAS E NEGÓCIOS.

MÁRIO KUPERMAN:

—LABIRINTO DIGITAL.

—PONTO DE BALA.

MÁRIO LAGO:

—16 LINHAS CRAVADAS, POSTA RESTANTE.

—REMINISCÊNCIAS DO SOL QUADRADO.

MÁRIO LORENZI:

—UMA ROSA PARA PUCHKIN.

MÁRIO MARQUES:

—GUINGA, OS MAIS BELOS ACORDES DO SUBÚRBIO.

MÁRIO PALMÉRIO:

—VILA DOS CONFINS.

MÁRIO PONTES:

—A COLMÉIA.

—ANDANTE COM MORTE.

MÁRIO PRATA:

—BESAME MUCHO.

—BUSCANDO O SEU MINDINHO.

—CONTOS DE PÂNICO.

—DIÁRIO DE UM MAGRO 2, A VOLTA AO SPA.

—DIÁRIO DE UM MAGRO, 15 DIAS NUM SPA.

—DICIONÁRIO DE PORTUGUÊS–SCHIFAIZFAVOIRE.

—JAMES LINS, O PLAYBOY QUE NÃO DEU CERTO.

—MAS SERÁ O BENEDITO?

—MINHAS MULHERES E MEUS HOMENS.

—MINHAS TUDO.

—MINHAS VIDAS PASSADAS A LIMPO.

—O MEU PIPI.

—OS ANJOS DE BADARÓ.

—PALMEIRAS, UM CASO DE AMOR.

MÁRIO QUINTANA:

—A COR DO INVISÍVEL.

—A RUA DOS CATAVENTOS.

—A VACA E O HIPOGRIFO.

—ÁGUA, WATER, ÁGUA.

—APONTAMENTOS DE HISTÓRIA SOBRENATURAL.

—CADERNO H.

—ESCONDERIJOS DO TEMPO.

—NOVA ANTOLOGIA POÉTICA.

—PORTA GIRATÓRIA.

—PREPARATIVOS DE VIAGEM.

—PROSA & VERSO.

—SAPATO FLORIDO .

MÁRIO RIBEIRO DA CRUZ:

—CASO CONTADO À SOMBRA DO MERCADO.

—RIR É UM SANTO REMÉDIO.

MÁRIO RUDOLF:

—BELMIRO.

—JEAN OGUN.

MÁRIO SABINO:

—O ANTINARCISO.

—O DIA EM QUE MATEI MEU PAI.

MÁRIO SOUTO MAIOR:

—ANTÔNIO SILVINO, CAPITÃO DE TRABUCO.

MÁRIO TOTTA:

—ESTRYCHNINA.

MARISA LAJOLO:

—MELHORES POEMAS OLAVO BILAC.

MARK TWAIN:

—AUTOBIOGRAFIA.

MARLY DE OLIVEIRA:

—O MAR DE PERMEIO.

MARQUES RABELO:

—A ESTRELA SOBE.

—A GUERRA ESTÁ EM NÓS.

—A MUDANÇA.

—CONTOS REUNIDOS.

—MARAFA.

—MELHORES CONTOS.

—O SIMPLES CORONEL MADUREIRA.

—O TRAPICHEIRO.

MARQUES RABELO E RENATO CORDEIRO GOMES:

—MELHORES CRÔNICAS DE MARQUES REBELO.

MARTA CAVALCANTE DE BARROS:

—ESPAÇOS DE MEMÓRIA.

MARTA DE SOUSA COSTA:

—TEMPO DE SOLTAR AS AMARRAS.

MARTHA ARGEL:

—RELAÇÕES DE SANGUE.

MARTHA MEDEIROS:

—CARTAS EXTRAVIADAS.

—DIVÃ.

—ESQUISITA COMO EU.

—MONTANHA RUSSA.

—NON STOP.

—POESIA REUNIDA.

—SANTIAGO DO CHILE.

—TOPLESS.

—TREM BALA.

MARTHA PARGENDLER FAERMANN:

—OLHARES SOBRE O MUNDO, ÁLBUM DE REFLEXÕES.

MARTHA ROCHA:

—MARTHA ROCHA.

MARTHA VIANNA:

—UMA TEMPESTADE COMO A SUA MEMÓRIA.

MARTIN CLARET:

—HITLER, POR ELE MESMO.

—MAQUIAVEL, VIDA E PENSAMENTOS.

MARTINHO DA VILA:

—OS LUSOFONOS.

MARTINS PENA:

—O NOVIÇO.

MATHEUS PICHONELLI:

—DIÁSPORA.

MAURÍCIO BARROS DE CASTRO:

—ZICARTOLA.

MAURÍCIO LARA:

—COM TODAS AS LETRAS.

MAURÍCIO LUZ:

—A LIÇÃO DE PRÁTICA.

MAURÍCIO MELO JÚNIOR:

—HISTÓIAS DA INTELIGÊCIA NACIONAL.

MAURÍCIO PAIVA:

—COMPANHEIRA CARMELA.

MAURÍCIO RICARDO:

—JEITOSINHA, MAIS VAGABUNDA.

MAURÍCIO STYCER:

—O BRASIL EM MIL FRASES.

MAURÍCIO TIBÚRCIO:

—ALTO RISCO.

MAURIZIO FERRANTE:

—O DEMÔNIO DAS COMPARAÇÕES.

MAURO DE SOUZA VENTURA:

—DE KARPFEN A CARPEAUX.

MAURO PINHEIRO:

—AQUIDAUANA E OUTRAS HISTÓRIAS SEM RUMO.

—CONCERTO PARA A CORDA E PESCOÇO.

—QUANDO SÓ RESTAR O MUNDO.

MAURO RASI:

—EU, MINHAS TIAS, MEUS GATOS E MEU CACHORRO.

MAX MALLMANN:

—SÍNDROME DE QUIMERA.

—ZIGURATE, UMA FÁBULA BABÉLICA.

MAX MALLMANN SOUTO PEREIRA:

—MUNDO BIZARRO.

MAX NUNES:

—O PESCOÇO DA GIRAFA.

—UMA PULGA NA CAMISOLA.

MAX SCHUR:

—FREUD, VIDA E AGONIA.

MAXIMIANO CAMPOS:

—NA ESTRADA.

MAYRANT GALLO:

—PÉS QUENTES NAS NOITES FRIAS.

—O INÉDITO DE KAFKA.

MECO SIMÕES GARRIDO FILHO:

—O AMIGO SECRETO.

—ALEXANDRE E HEFESTIÃO.

MEDEIROS E ALBUQUERQUE:

—CANÇÕES DA DECADÊNCIA.

MEIR SCHNEIDER:

—UMA LIÇÃO DE VIDA.

MEIRE KUCINSKI:

—IMIGRANTES, MASCATES E DOUTORES.

MELLO MOURÃO:

—LIMITES DE AUSÊNCIA.

MENALTON BRAFF:

—CASTELOS DE PAPEL.

—NA TEIA DO SOL.

—QUE ENCHENTE ME CARREGA?

MERVYN EAGLE:

—O FILHO DA SERPENTE ALADA.

MICHAEL KEPP:

—SONHANDO COM SOTAQUE.

MICHEL HOUELLEBECQ:

—EXTENSÃO DO DOMÍNIO DA LUTA.

MICHEL LAUB:

—LONGE DA ÁGUA.

—MÚSICA ANTERIOR.

MICHEL MELAMED:

—BERNARDO CARVALHO, NOVE NOITES.

MICHEL SCHNEIDER:

—LADRÕES DE PALAVRAS.

MICHEL ZANFOLIN:

—A CHAVE DA LIBERDADE.

MICHELLE KLATAU:

—LENDARIA HY BRASIL.

MICK MANNING:

—DEBAIXO DA CAMA, UMA VIAGEM AO CENTRO DA TERRA.

MIGUEL ARCANJO TERRA:

—FUTEBOL QUE LAVA A ALMA.

MIGUEL DE ALMEIDA E ERIVELTO BUSTO GARCIA:

—FICÇÕES.

MIGUEL DE CERVANTES:

—DOM QUIXOTE DE LA MANCHA.

MIGUEL JORGE:

—LACRAUS.

—PÃO COZIDO DEBAIXO DE BRASA.

MIGUEL PAIVA:

—LIVRO DE PENSAMENTOS DA RADICAL CHIC.

—SENTIMENTO MASCULINO.

MIGUEL REALE JÚNIOR:

—AVESSOS.

—DEZ MULHERES.

—MEMÓRIAS.

MIGUEL SANCHES NETO:

—CHOVE SOBRE A MINHA INFÂNCIA.

—HERDANDO UMA BIBLIOTECA.

—HÓSPEDE SECRETO.

—UM AMOR ANARQUISTA.

MILA CAUDURO:

—PALAVRAS DO TEMPO.

MILLÔR FERNANDES:

—100 FÁBULAS FABULOSAS.

—A VACA FOI PRO BREJO.

—APRESENTAÇÕES.

—CRÍTICA DA RAZÃO, IMPURO OU O PRIMADO DA IGNORÂNCIA.

—DISCURSO DO MÉTODO.

—E.

—FÁBULAS FABULOSAS.

—FLÁVIA, CABEÇA, TRONCO E MEMBROS.

—HAI KAIS.

—LIBERDADE, LIBERDADE.

—LIÇÕES DE UM IGNORANTE.

—MILLÔR DEFINITIVO, A BÍBLIA DO CAOS.

—NOVAS FÁBULAS FABULOSAS.

—O HOMEM DO PRINCÍPIO AO FIM.

—O LIVRO BRANCO DO HUMOR.

—O LIVRO VERMELHO DOS PENSAMENTOS DE MILLÔR.

—PIF PAF, 40 ANOS DEPOIS.

—POEMAS.

—TEMPO E CONTRATEMPO, REVISITA VÃO GOGO.

—TODO HOMEM E MINHA CAÇA.

MILLY LACOMBE:

—SEGREDOS DE UMA LÉSBICA PARA HOMENS.

MILTON HATOUM:

–CINZAS DO NORTE.

—DOIS IRMÃOS.

—RELATO DE UM CERTO ORIENTE.

MINO CARTA:

—A SOMBRA DO SILÊNCIO.

—O CASTELO DE AMBAR.

MIRIAM MAMBRINI:

—AS PEDRAS NÃO MORREM.

MOACIR AMÂNCIO:

—O OLHO DO CANÁRIO.

MOACIR C. LOPES:

—ALMIRANTE NEGRO, A REVOLTA DO CHOBATA, A VINGANÇA.

MOACIR JAPIASSU:

—A SANTA DO CABARÉ.

—CONCERTO PARA PAIXÃO E DESATINO.

MOACIR WERNECK DE CASTRO:

—O LIBERTADOR, A VIDA DE SIMON BOLÍVAR.

MOACYR ANDRADE:

—LAPA.

MOACYR DE GOES:

—ENTRE O RIO E O MAR.

MOACYR FÉLIX:

—ANTOLOGIA POÉTICA.

—INTRODUÇAO A ESCOMBROS.

MOACYR MOREIRA:

—LÂMINA DO TEMPO.

—REPÚBLICA DAS BICICLETAS.

MOACYR SCLIAR:

—A COLINA DOS SUSPIROS.

—A ESTRANHA NAÇÃO DE RAFAEL MENDES.

—A FACE OCULTA.

—A FESTA NO CASTELO.

—A GUERRA NO BOM FIM.

—A LÍNGUA DE TRÊS PONTAS.

—A LINGUAGEM MÉDICA.

—A MAJESTADE DO XINGU.

—A MASSAGISTA JAPONESA.

—A MULHER QUE ESCREVEU A BÍBLIA.

—A ORELHA DE VAN GOGH.

—A PAIXÃO TRANSFORMADA.

—APRENDENDO A AMAR E A CURAR.

—AQUELE ESTRANHO COLEGA, O MEU PAI.

—AS PERNAS CURTAS DA MENTIRA.

—ATAQUE DO COMANDO P. Q.

—CÂMERA NA MÃO, O GUARANI NO CORAÇÃO.

—CAVALOS E OBELISCOS.

—CENAS DA VIDA MINÚSCULA.

—CENAS MÉDICAS.

—CONTOS DE ESCOLA.

—CONTOS REUNIDOS.

—DICIONÁRIO DO VIAJANTE INSÓLITO.

—DO MÁGICO AO SOCIAL, TRAJETÓRIA DA SAÚDE PÚBLICA.

—DOUTOR MIRAGEM.

—EDEN BRASIL.

—ENTRE MOISÉS E MACUNAÍMA.

—GOTA D’ÁGUA.

—HISTÓRIAS DE PORTO ALEGRE.

—HISTÓRIAS PARA QUASE TODOS OS GOSTOS.

—JUDAÍSMO.

—KAFKA E OS LEOPARDOS.

—MAX E OS FELINOS.

—MELHORES CONTOS.

—MEMÓRIAS DE UM APRENDIZ DE ESCRITOR.

—MÊS DE CÃES DANADOS.

—MEU FILHO, O DOUTOR.

—MINHA MÃE NÃO DORME ENQUANTO EU NÃO CHEGAR.

—MISTÉRIOS DE PORTO ALEGRE.

—NA NOITE DO VENTRE.

—NAVIO DAS CORES.

—NEM UMA COISA NEM OUTRA.

—NO CAMINHO DOS SONHOS.

—O AMANTE DA MADONNA & OUTRAS HISTÓRIAS.

—O AMIGO DE CASTRO ALVES.

—O CENTAURO NO JARDIM.

—O CICLO DAS ÁGUAS.

—O EXÉRCITO DE UM HOMEM SÓ.

—O IMAGINÁRIO COTIDIANO.

—O IRMÃO QUE VEIO DE LONGE.

—O LIVRO DA MEDICINA.

—O MISTÉRIO DA CASA VERDE.

—O RIO GRANDE FARROPILHA.

—O SERTÃO VAI VIRAR MAR.

—O TIO QUE FLUTUAVA.

—OS CAVALOS DA REPÚBLICA.

—OS DEUSES DE RAQUEL.

—OS VOLUNTÁRIOS.

—OSWALDO CRUZ & CARLOS CHAGAS.

—PAI E FILHO, FILHO E PAI.

—PARA GOSTAR DE LER-VOLUME 18.

—PORTO DE HISTÓRIAS.

—PRA VOCÊ EU CONTO.

—RESPIRANDO LIBERDADE.

—SATURNO NOS TRÓPICOS.

—SE EU FOSSE ROTHSCHILD.

—SETE ESTAÇÕES DA LOUCURA.

—SONHOS TROPICAIS.

—UM MENINO CHAMADO MOISÉS.

—UM PAÍS CHAMADO INFÂNCIA.

—UM SONHO NO CAROÇO DO ABACATE.

—UMA HISTÓRIA FARROUPILHA.

—UMA HISTÓRIA SÓ PRA MIM.

—VOZES DO GOLPE.

MODESTO CARONE:

—AS MARCAS DO REALS.

—RESUMO DE ANA.

MODESTO GOMES:

—EM BUSCA DO TEMPO.

—O PÓ DA TRISTEZA.

MOEMA DE CASTRO E SILVA OLIVAL:

—GEN. UM SOPRO DE RENOVAÇÃO EM GOIÁS.

MOEMA DE CASTRO E SILVA OLIVEIRA:

—O ESPAÇO DA CRÍTICA.

—O ESPAÇO E CRÍTICA II.

MOIRA FESTUGATO:

—A PELE DE RAFAEL.

MONELAR E. G. L. VALVERDE:

—OBJETOS DE PAPEL.

MÔNICA HERMAN SALEM CAGGIANO:

—O AFILHADO DE GABO.

—A ÚLTIMA TENTAÇÃO DE MARX.

MONTEIRO LOBATO:

—CIDADES MORTAS.

—URUPÊS.

MONTEIRO LOBATO & MARISA LAJOLO:

—CONTOS ESCOLHIDOS.

MOUZAR BENEDITO:

—MEMÓRIA VAGABUNDA.

MUNIZ SODRÉ:

—SANTUGRI.

MURILO MARCONDES DE MOURA:

—MANUEL BANDEIRA.

MURILO MENDES:

—A IDADE DO SERROTE.

MYA SANTELL:

—ECOS DO PASSADO.

MYRIAM CAMPELLO:

—COMO ESQUECER.

—SONS E OUTROS FRUTOS.

MYRIAM FRAGA:

—JORGE AMADO.

MYRIAM LEE:

—AMARRAS CORTADAS.

MYRIAM LINS DE BARROS:

—AUTORIDADE & AFETO.

NADIR XAVIER DE ANDRADE:

—JOÃO NINGUÉM, UMA HISTÓRIA NA CHAPADA.

NADJA LACERDA:

—O QUE SE FAZ POR AMOR.

NAIR LEAL DE ANDRADE:

—A IMIGRANTE.

—ORA, HORA, SENHORA.

NANI:

—CHICO CLARIÃO FUGIU COM CAUBY.

—É GRAVE, DOUTOR?

—FOI BOM PRA VOCÊ?

—HUMOR POLITICAMENTE INCORRETO.

—JUÍZO FINAL.

—NÃO É SÓ VOCÊ QUEM QUER MATAR O GOVERNADOR.

—ORAI PORNÔ.

—SE ARREPENDIMENTO MATASSE!

NATÁLIA B. GUZZO:

—OS CINCO SUSPEITOS.

NECO MARTINS:

—CORDEL.

NEI DUCLOS:

—NO MAR, VEREMOS.

—UNIVERSO BALDIO.

NEI TEJERA LISBOA:

—UM MORTO PULA A JANELA.

NEIDE ARCHANJO:

—EPIFANIAS.

—TODAS AS HORAS E ANTES.

NEIR ILELIS:

—A PRESSA DOS MORTOS.

—LIBERDADE, VOLVER!

NEIVA PAVESI:

—CONTOS, CRÔNICAS SÓ PARA LEITORES.

NÉLIDA PINON:

—A CASA DA PAIXÃO.

—A DOCE CANÇÃO DE CAETANA.

—A FORÇA DO DESTINO.

—ATÉ AMANHÃ OUTRA VEZ.

—CORTEJO DO DIVINO.

—FUNDADOR.

—O CALOR DAS COISAS.

—O PÃO DE CADA DIA.

—O PRESUMÍVEL CORAÇÃO DA AMÉRICA.

—SALA DE ARMAS.

—TEBAS DO MEU CORAÇÃO.

—TEMPO DAS FRUTAS.

—VIAGEM INTELIGENTE.

—VOZES DO DESERTO.

NELLY NOVAES COELHO:

—O CONTO DE FADAS.

NELSON DE OLIVEIRA:

—A MALDIÇÃO DO MACHO.

—GERAÇÃO 90, MANUSCRITOS DE COMPUTADOR.

—GERAÇÃO 90, OS TRANSGRESSORES.

—NAQUELA ÉPOCA TÍNHAMOS UM GATO.

—O FILHO DO CRUCIFICADO.

—O SÉCULO OCULTO.

—OS SALTITANTES SERES DA LUA.

—PEQUENO DICIONÁRIO DE PERCEVEJOS.

—SÓLIDOS, GOZOSOS E SOLIDÕES GEOMÉTRICAS.

—SUBSOLO INFINITO.

—VERDADES PROVISÓRIAS.

NELSON LUIZ DE CARVALHO:

—APARTAMENTO 41.

—O TERCEIRO TRAVESSEIRO.

NELSON MAGRINI:

—ANJO, A FACE DO MAL.

NELSON MOTTA:

—BANDIDOS E MOCINHAS.

—CANTO DA SEREIA.

NELSON RECH:

—AMOR DE ESTUDANTE.

—VELHICE, O CAMINHO DA LUZ.

NELSON REIS:

—A VOLTA.

NELSON RODRIGUES:

—A CABRA VADIA.

—A COROA DE ORQUÍDEAS.

—A DAMA DO LOTAÇÃO.

—A MENINA SEM ESTRELA.

—A MENTIRA.

—A MULHER QUE AMOU DEMAIS.

—A MULHER SEM PECADO.

—A PÁTRIA MINHA EM CHUTEIRAS.

—A PRÓSTATA.

—A VIDA COMO ELA É.

—ÁLBUM DE FAMÍLIA.

—ANJO NEGRO.

—ANTI NELSON RODRIGUES.

—ASFALTO SELVAGEM.

—BEIJO NO ASFALTO.

—BOCA DE OURO.

—BRASIL, PONTOS TURÍSTICOS.

—FLOR DE OBSESSÃO.

—MEU DESTINO É PECAR.

—NÃO SE PODE AMAR E SER FELIZ AO MESMO TEMPO.

—NÚPCIAS DE FOGO.

—O BAÚ.

—O CASAMENTO.

—O ÓBVIO ULULANTE.

—O PROFETA TRICOLOR.

—O REACIONÁRIO.

—O REMADOR DE BEN HUR.

—OS SETE GATINHOS.

—OTTO LARA RESENDE, OU BONITINHA, MAS ORDINÁRIA.

—PERDOA-ME POR ME TRAÍRES.

—POUCO AMOR NÃO É AMOR.

—SENHORA DOS AFOGADOS.

—SOMBRA DAS CHUTEIRAS IMORTAIS.

—TEATRO COMPLETO-VOLUME 1.

—TEATRO COMPLETO-VOLUME 2.

—TEATRO COMPLETO-VOLUME 3.

—TEATRO COMPLETO-VOLUME 4.

—TODA NUDEZ SERÁ CASTIGADA.

—VALSA N° 6.

—VESTIDO DE NOIVA.

—VIÚVA, PORÉM HONESTA.

NELSON RODRIGUES E SUZANA FLAG:

—ESCRAVAS DO AMOR.

—MINHA VIDA.

NELSON SCHAPOCHNIK:

—JOÃO DO RIO.

NENZINHA MACHADO SALLES:

—CONTOS QUE TE CONTO.

NEREIDE SCHILARO SANTA ROSA:

—CARMEM MIRANDA.

—MACHADO DE ASSIS.

NEUSA BARBOSA:

—UM REALIZADOR PERSISTENTE.

NEWTON CÉSAR:

—A MORTE É DE MATAR.

NEYLON J. TONIN:

—MESTRES DA ESPIRITUALIDADE.

NILDO CARLOS OLIVEIRA:

—COM A IDADE DA TERRA.

NILO BAIRROS DE BRUM:

—INCONFIDÊNCIAS GAUDERIAS.

NILO BARROSO:

—BADULAQUES.

NILSON LUIZ MAV:

—INQUÉRITOS EM PRETO E BRANCO.

NILTON SANTOS:

—MINHA BOLA, MINHA VIDA.

NILVA FERRARO:

—TATUAGEM DO AMOR.

NILZA REZENDE:

—ELAS QUEREM É FALAR.

—UM DEUS DENTRO DELE, UM DIABO DENTRO DE MIM.

NINO AKIO:

—NATASHA, A FILHA DE MARIA NAZARÉ.

NIREU OLIVEIRA CAVALCANTI:

—CRÔNICAS HISTÓRICAS DO RIO COLONIAL.

—SANTA CRUZ.

NÍSIA FLORESTA:

—CINTILAÇÕES DE UMA ALMA BRASILEIRA.

NIVALDO LARIU:

—CONFISSÕES DE UM PAI DE ADOLESCENTE.

NOEL NASCIMENTO:

—COSMONAVE.

NOEMI JAFFE:

—MACUNAÍMA.

NOÊMIA SARTORI PONZETO:

—SONHOS DE GALINHEIRO.

NOÊMIO BRZOSTEK:

—CONTOS DA GAVETA.

NORMA DISCINI:

—O ESTILO NOS TEXTOS.

NÚBIA GOMES:

—OS VENCEDORES.

—RESPIRAR A MAIS, BELA ARTE.

NUNO RAMOS:

—O PÃO DO CORVO.

NYDIA LÍCIA:

—SÉRGIO CARDOSO, IMAGENS DE SUA ARTE.

O GRELO FALANTE:

—TOMALADACÁ, O GRANDE LIVRO DAS RELAÇÕES.

O. C. LOUZADA FILHO:

—MOÇO.

ODILON FEHLAUER:

—CIRCUNSTÂNCIAS, NEM TODOS OS CAMINHOS POSSUEM SAÍDA.

ODIR CUNHA:

—OSCAR SCHMIDT.

OLAVO BILAC:

—O DINHEIRO.

—OBRA REUNIDA.

—VOSSA INSOLÊNCIA.

OLAVO ROMANO:

—CASOS DE MINAS.

OLDEMAR OLSEN JÚNIOR:

—DESTERRO, FINAL DO SÉCULO 20.

OLGA SAVARY:

—O OLHAR DOURADO DO ABISMO.

OLIVEIRA DE PANELAS:

—CORDEL.

ONÉLIA SETÚBAL ROCHA DE QUEIROGA:

—SINESTESIA.

ONILDO ALVES DA SILVA:

—CASAMENTO VENCENDO AS CRISES.

ORIDES FONTELA:

—TEIA.

ORÍGENES LESSA:

—A CABEÇA DE MEDUSA.

—A DESINTEGRAÇÃO DA MORTE.

—A ESCADA DE NUVEM.

—A PEDRA NO SAPATO DO HERÓI.

—ARCA DE NOÉ.

—CONFISSÕES DE UM VIRA LATAS.

—DOM QUIXOTE.

—É CONVERSANDO QUE AS COISAS SE ENTENDEM.

—JOÃO SIMÕES CONTINUA.

—JUCA JABUTI, DONA LEÔNCIA E O SUPERONÇA.

—LETRAS FALANTES.

—MEMÓRIAS DE UM FUSCA.

—MULHER NUA NA CALÇADA.

—NAPOLEÃO EM PARADA DE LUCAS.

—O EDIFÍCIO FANTASMA.

—O FEIJÃO E O SONHO.

—O MENINO E A SOMBRA.

—RUA DO SOL.

—SEQÜESTRO EM PARADA DE LUCAS.

—SONHO DE PREQUETE.

—UM ROSTO PERDIDO.

ORISMAR RODRIGUES:

—ANTOLOGIA POÉTICA.

ORIZA MARTINS PINTO:

—A SÉTIMA PROFECIA.

ORLANDO ARRUDA:

—JOGO DE RONDA.

ORLANDO BASTOS:

—O ÚLTIMO SÁBADO.

ORLANDO PAES FILHO:

—ANGLO SAXÕES, UNIVERSO ANGUS.

—ANGUS, AS CRUZADAS.

—ANGUS, AS VIRTUDES DO GUERREIRO-LIVRO I.

—ANGUS, AS VIRTUDES DO GUERREIRO-LIVRO II.

—ANGUS, O GUERREIRO DE DEUS.

—ARTUR, UNIVERSO ANGUS.

—MONGES MEDIEVAIS, UNIVERSO ANGUS.

—PROMOÇÃO ANGUS, O GUERREIRO DE DEUS.

—VIKINGS UNIVERSO ANGUS.

ORLANDO SENNA:

—SANTOS DUMONT, ARES NUNCA DANTES NAVEGADOS.

ORNA MESSER LEVIN:

—ALUÍSIO AZEVEDO-FICÇÃO COMPLETA-2 VOLUMES.

ORUAL SORIA MACHADO:

—OS NÁUFRAGOS DA TERRA.

OSAMU TEZUKA:

—OSAMU TEZUKA.

OSCAR NIEMEYER:

—DIANTE DO NADA.

—OSCAR NIEMEYER:E AGORA?

OSCAR VIEIRA DA SILVA:

—INTRODUÇÃO AO ESTUDO DA LITERATURA.

OSMAN LINS:

—A ILHA NO ESPAÇO.

—AVALOVARA.

—EVANGELHO NA TABA.

—LISBELA E O PRISIONEIRO.

—NOVE NOVENA.

—PALCO LISBELA E O PRISIONEIRO.

OSMAN LINS E SANDRA NITRINI:

—MELHORES CONTOS.

OSMAR AGOSTINI:

—DUAS TEPERAS NA ESTRADA VELHA.

OSMAR BARBOSA:

—APOCALIPSE DE SÃO JOÃO.

OSMAR FREITAS JÚNIOR:

—COMO ATORMENTAR UM HOMEM.

OSNY ARASHIRO:

—ELIS REGINA, POR ELA MESMA.

—JAMES DEAN, POR ELE MESMO.

OSÓRIO PEIXOTO SILVA:

—BELA JOANA, A FILHA DO SAPATEIRO.

—ESQUIZOFRENIA, O NOVÍSSIMO TESTAMENTO.

—JOANA, A FILHA DO SAPATEIRO.

OSVALDO COLOMBO:

—IMPULSO.

OSVALDO PERALVA:

—O ESPIÃO DE COLÔNIA.

OSWALD BARROSO:

—LETRAS AO SOL-ANTOLOGIA DA LITERATURA CEARENSE.

OSWALD DE ANDRADE:

—A ESCADA-OS CONDENADOS.

—A UTOPIA ANTROPOFÁGICA.

—ESTÉTICA E POLÍTICA.

—FEIRA DAS SEXTAS.

—MARCO ZERO 1.

—MEMÓRIAS SENTIMENTAIS DE JOÃO MIRAMAR.

—O PERFEITO COZINHEIRO DAS ALMAS DESTE MUNDO.

—O REI DA VELA.

—OS CONDENADOS, A TRILOGIA DO EXÍLIO.

—OS DENTES DO DRAGÃO.

—PAU BRASIL.

—PONTA DE LANÇA.

—SERAFIM PONTE GRANDE.

—TELEFONEMA.

—UM HOMEM SEM PROFISSÃO-OBRAS COMPLETAS.

OSWALDO FRANÇA JÚNIOR:

—AMAZÔNIA.

—AS LEMBRANÇAS DE ELIANAS.

—OS DOIS IRMÃOS.

—RECORDAÇÕES DE AMAR EM CUBA.

—UM DIA NO RIO.

OSWALDO GUSMÃO:

—FESTA DAS ALMAS.

OTÁVIO ISSA:

—EGBERTO, UM HOMEM DESPREVENIDO.

OTÁVIO ROJAS LIMA:

—JULINHO, 100 ANOS DE HISTÓRIA.

OTTO LARA DE RESENDE:

—A BOCA DO INFERNO.

—A TESTEMUNHA SILENCIOSA.

—BOM DIA PARA NASCER.

—ELO PARTIDO.

—O BRAÇO DIREITO.

—O PRÍNCIPE E O SABIÁ.

OTTO MARIA CARPEAUX:

—ALCEU AMOROSO LIMA.

PABLO CAPISTRANO:

—PEQUENAS CATÁSTROFES.

PADRE ANTÔNIO VIEIRA:

—SERMÃO DO MANDATO.

PADRE EDMILSON RIBEIRO:

—NO FUNDO DA RALOA.

—O SHOPPING MARTINICA.

—PAIXÕES E SEGREDOS.

—POR QUE ESPERAR HAIDÊ?

PAIVA NETTO:

—CRÔNICAS &ENTREVISTAS.

PALMERINDA DONATO:

—EU E ELAS.

PALOMA JORGE AMADO COSTA:

—A COMIDA BAIANA DE JORGE AMADO.

—ABC DOS 50 ANOS DE AMOR DE ZÉLIA E JORGE.

—AS FRUTAS DE JORGE AMADO.

PAM BROWN:

—PARA MINHA AVÓ.

PANDIA PANDU & ANA PANDU:

—QUE NOME DAREI AO MEU FILHO?

PATATIVA DO ASSARÉ:

—AQUI TEM COISA.

—CORDEL.

PATRÍCIA BINS:

—BRASIL, RECEITAS DE CRIAR E COZINHAR.

—CAÇADOR DE MEMÓRIAS.

—INSTANTES DO MUNDO.

—JOGO DE FIAR.

—PELE NUA DO ESPELHO.

—SARAH E OS ANJOS.

—THEODORA.

PATRÍCIA GALVÃO:

—PAIXÃO PAGU.

—PARQUE INDUSTRIAL.

—SAFRA MACABRA.

PATRÍCIA MELO:

—ELOGIO DA MENTIRA.

—INFERNO.

—O MATADOR.

—VALSA NEGRA.

PATRÍCIO DUGNANI:

—O LIVRO DOS LABIRINTOS.

PAUL STRATHERN:

—OPPENHEIMER E A BOMBA ATÔMICA EM 90 MINUTOS.

PAULA GLENADEL:

—QUASE UMA ARTE.

PAULO BECKER:

—MÁRIO QUINTANA, AS FACES DO FEITICEIRO.

PAULO BENTANCUR:

—FRIO.

—INSTRUÇÕES PARA ILUDIR RELÓGIOS.

PAULO BOMFIM:

—O CAMINHEIRO.

—O COLECIONADOR DE MINUTOS.

—SÚDITO DA NOITE.

PAULO BULLAR:

—HUMUS.

PAULO CALDEIRA:

—FIERRI, DIÁLOGOS COM O TEMPO.

PAULO CÉSAR PINHEIRO:

—CLAVE DE SAL.

PAULO COELHO:

—AS VALKÍRIAS.

—BRIDA.

—DIÁRIO DE UM MAGO.

—ESTATUTOS PARA A VIDA.

—HISTÓRIA DO FLUMINENSE.

—HISTÓRIAS PARA PAIS FILHOS E NETOS.

—MAKTUB.

—MANUAL DO GUERREIRO DA LUZ.

—NA MARGEM DO RIO PIEDRA EU SENTEI E CHOREI.

—O ALQUIMISTA.

—O DEMÔNIO E A SRTA. PRYM.

—O DIÁRIO DE UM MAGO.

—O GÊNIO E AS ROSAS.

—O MONTE CINCO.

—O ZAHIR.

—ONZE MINUTOS.

—PALAVRAS ESSENCIAIS.

—VERÔNIKA DECIDE MORRER.

PAULO DANTAS:

—CAPITÃO JAGUNÇO.

PAULO DE CARVALHO NETO:

—MEU TIO ATAHUALPA.

PAULO DE TARSO:

—O DIA DE SANTA BÁRBARA.

PAULO EMÍLIO SALLES GOMES:

—TRÊS MULHERES DE TRÊS PÉS.

PAULO EVARISTO ARNS:

—BRASIL NUNCA MAIS.

—CORINTIANO, GRAÇAS A DEUS.

PAULO FAGUNDES VICENTINI:

—DEZ ANOS QUE ABALARAM O SÉCULO XX.

PAULO FERNANDO CRAVEIRO:

—O ÚLTIMO DIA DO CORPO.

—OS OLHOS AZUIS DA SOMBRAS.

PAULO FRANCHETTI:

—O SANGUE DOS DIAS TRANSPARENTES.

PAULO FRANCIS:

—CABEÇA DE NEGRO.

—CABEÇA DE PAPEL.

PAULO HENRIQUES BRITTO:

—PARAÍSOS ARTIFICIAIS.

—TROVAR CLARO.

PAULO J. DOSAL:

—COMANDANTE CHE, GUERRILHEIRO, LÍDER E ESTRATEGISTA.

PAULO JACOB:

—ANDIRA.

—TEMPOS INFINITOS.

PAULO JAPYASSI:

—SEMPRE QUE VOCÊ ME CHAMAR.

PAULO JOSÉ DA COSTA JÚNIOR:

—CRÔNICAS DE UM CRIMINALISTA.

PAULO LEMINSKI:

—CRUZ E SOUZA.

—GOZO FABULOSO.

—JESUS.

PAULO LINS:

—CIDADE DE DEUS.

PAULO LUDMER:

—OUTRARIAS.

PAULO MAGALHÃES DA COSTA COELHO:

—CONTROLE JURISDICIONAL DA ADMINISTRAÇÃO PÚBLICA.

—MANUAL DE DIREITO ADMINISTRATIVO.

PAULO MENDES CAMPOS:

—ALHOS E BUGALHOS.

—ARTIGO INDEFINIDO.

—BALÉ DO PATO.

—BRASIL BRASILEIRO.

—CISNE DE FELTRO.

—MELHORES POEMAS.

—MURAIS DE VINÍCIUS E OUTROS PERFIS.

—O AMOR ACABA.

—O GOL É NECESSÁRIO.

—PARA GOSTAR DE LER- VOLUME 24.

—PARA GOSTAR DE LER-VOLUME 3.

—PARA GOSTAR DE LER-VOLUME 5.

—QUATRO HISTÓRIAS DE LADRÃO E MAIS 26 HISTÓRIAS.

PAULO MUNDIN PRAZERES:

—MANUAL DA INCOMPETÊNCIA FEMININA.

—MANUAL DA INCOMPETÊNCIA MASCULINA.

PAULO NOGUEIRA:

—O SUICIDA FELIZ.

PAULO PELLOTA:

—PAZ NA TERRA AOS HOMENS DE BOTEQUIM.

PAULO PERDIGÃO:

—NO AR, PRK 30.

PAULO PINHEIRO CHAGAS:

—TEÓFILO OTTONI, MINISTRO DO POVO.

PAULO PINHO:

—BOÊMIOS &BEBIDAS.

—O AZARÃO.

PAULO PLANET BUARQUE:

—VIDA NO PLURAL.

PAULO PRADO:

—PAULÍSTICA ETC.

PAULO REZENDE:

—O MUNDO NO QUINTAL.

PAULO RIBEIRO:

—QUANDO CAI A NEVE NO BRASIL.

—VALSA DOS APARADOS.

PAULO RICARDO VIRGILI PAVECK:

—ESQUINAS DA VIDA.

PAULO ROBERTO PIRES:

—DO AMOR AUSENTE.

PAULO RODRIGUES:

—A MARGEM DA LINHA.

—REDEMOINHO.

PAULO RONAI:

—ESCOLA DE TRADUTORES.

PAULO SAAB:

—1500, A GRANDE VIAGEM.

PAULO SALGADO FILHO:

—MUNDO CRUEL E FANTÁSTICO DE ANTÔNIA.

PAULO SANTANNA:

—O MELHOR DE MIM.

PAULO SÉRGIO VALLE:

—O SEGUNDO SUDOESTE.

PAULO SILVINO & AGILDO RIBEIRO:

—DOSE DUPLA:PIADAS E HISTÓRIAS QUE GOSTAMOS DE CONTAR.

PAULO TADEU:

—AS 100 MELHORES PIADAS DE TODOS OS TEMPOS.

PAULO VENÂNCIO:

—PRIMOS ENTRE SI.

PAULO VIEIRA:

—O RONCO DA ABELHA.

PAULO VINÍCIUS COELHO:

—JORNALISMO ESPORTIVO.

PAULO WAINBERG:

—A MÃE JUDIA, O GÊNIO CIBERNÉTICO E OUTRAS HISTÓRIAS.

—NEM TUDO É PODRE NO REINO DO LIXO.

—UM SUSTO NA ESCURIDÃO.

PEDRINHO A. GUARESCHI:

—SOCIOLOGIA DA PRÁTICA SOCIAL.

PEDRO ALMEIDA:

—DESCLANDESTINIDADE.

PEDRO AMARAL:

—BREVE ENCONTRO.

PEDRO BIAL:

—ROBERTO MARINHO.

PEDRO CAVALCANTI:

—CORAÇÃO DE ANDRÓIDE.

—EM NOME DO PAI.

PEDRO DA CUNHA E MENEZES:

—FLORESTA DA TIJUCA.

PEDRO DE AZEVEDO:

—JÚRI NA FRONTEIRA.

PEDRO DE SOUZA MORAES:

—CRÔNICA DAS HORAS.

PEDRO DEMO:

—PESQUISA PARTICIPANTE.

PEDRO FAUS:

—O MONGE.

PEDRO NAVA:

—BEIRA MAR, MEMÓRIAS.

—CADERNOS 1 E 2.

—GALO DAS TREVAS.

—O BICHO URUCUTUM.

—VIAGEM AO EGITO, JORDÂNIA E ISRAEL.

PEDRO PAULO ERNESTO:

—A MORTE DA NOBRE SENHORA.

PEDRO RODRIGUES SALGUEIRO:

—BRINCAR COM ARMAS.

PEPITA RODRIGUEZ:

—TEMPO DE COLHER.

PER JOHNS:

—AS AVES DE CASSANDRA.

PERCÍLIA PEREIRA DE SOUZA:

—PINTA E BORDA.

PERCIVAL DE SOUZA:

—AUTÓPSIA DO MEDO, VIDA E MORTE DO DELEGADO SÉRGIO PARANHOS FLEURY.

—PRISÃO: HISTÓRIAS DOS HOMENS QUE VIVEM NO MAIOR PRESÍDIO DO MUNDO.

PÉRICLES DE CASTRO NUNES:

—TRAGÉDIA NOS CACAUAIS.

PÉRICLES EUGÊNIO DA SILVA RAMOS:

—ÁLVARES DE AZEVEDO, POESIAS COMPLETAS.

PETER GAY:

—MOZART.

PETRÚCCIO ARAÚJO:

—A CREMALHEIRA.

PILIPPO GAROZZO:

—CONTOS DE SÃO PAULO.

PINHEIRO RODRIGUES:

—CRIONICA.

PLÍNIO CABRAL:

—O RISO DA AGONIA.

PLÍNIO MARCOS:

—HISTÓRIAS DAS QUEBRADAS DO MUNDARÉU.

—O ASSASSINATO DO ANÃO.

PLÍNIO MARTINS FILHO:

—LIVROS, EDITORAS E PROJETOS.

PRATA:

—AS PERNAS DA TIA CORÁLIA.

QUIRÍCIO CAXA & PERO RODRIGUES:

—PRIMEIRAS BIOGRAFIAS DE JOSÉ DE ANCHIETA.

QUIRINO FERREIRA NETO:

—VOLTAS DO DESTINO, A ODISSÉIA DE UM MÉDICO.

R. D. BERTOZZI:

—DEPOIS DA TEMPESTADE.

R. MAGALHAES JÚNIOR:

—RUI, O HOMEM E O MITO.

R. ROLDAN ROLDAN:

—AZEVICHE, OU NOSSA SENHORA DO SAGRADO SEXO.

RACHEL DE QUEIROZ:

—ANDIRA.

—AS TRÊS MARIAS.

—AS ÚLTIMAS CRÔNICAS.

—CAFUTE & PENA-DE-PRATA.

—CAMINHO DE PEDRAS.

—DORA, DORALINA.

—EXISTE OUTRA SAÍDA, SIM.

—FALSO MAR, FALSO MUNDO.

—JOÃO MIGUEL.

—MEMORIAL DE MARIA MOURA.

—MEMÓRIAS DE MENINA.

—O GALO DE OURO.

—O MENINO MÁGICO.

—O NÃO ME DEIXES.

—O QUINZE.

—PARA GOSTAR DE LER-VOLUME 16.

—PARA GOSTAR DE LER-VOLUME 17.

—TANTOS ANOS.

—XERIMBABO.

RACHEL DE QUEIROZ E ARLETE SALLES:

—RACHEL DE QUEIROZ-ÁUDIOLIVRO.

RACHEL JARDIM:

—O PENHOAR CHINÊS.

—OS ANOS 40.

RADUAN NASSAR:

—LAVOURA ARCAICA.

—MENINA A CAMINHO.

—UM COPO DE CÓLERA.

RAFAEL ARGULLOL:

—O FIM DO MUNDO COMO OBRA DE ARTE.

RAFAEL CARDOSO:

—CONTROLE REMOTO.

RAFAEL LOVATO:

—ANVERSO E REVERSO DE UM CRIME.

RAFAEL REGINATO:

—O PONTO G DO PLÍNIO.

RAFAEL XIMENES:

—AS CINCO LEIS SAGRADAS.

—ZEUS, FRAGÂNCIAS DE CRISÂNTEMOS.

RAIMUNDO CARRERO:

—AO REDOR DO ESCORPIÃO UMA TARÂNTULA?

—AS SOMBRIAS RUÍNAS DA ALMA

—MACA AGRESTE

—OS SEGREDOS DA FICÇÃO.

—SINFONIA PARA VAGABUNDOS.

—SOMOS PEDRAS QUE SE CONSOMEM.

RAIMUNDO GADELHA:

—EM ALGUM LUGAR DENTRO DE VOCÊ MESMO.

—EM ALGUM LUGAR DO HORIZONTE.

—PARA NÃO ESQUECERES DOS SERES QUE SOMOS.

—UM ESTREITO CHAMADO HORIZONTE.

RAIMUNDO SANTA HELENA:

—CORDEL RAIMUNDO SANTA HELENA.

RAQUEL NAVEIRA:

—CASA DA TECLA.

RAUL DREWNICK:

—ANTES DE MADONNA.

—UM CORPO CHAMADO ROSELI.

RAUL POMPÉIA:

—AS JÓIAS DA COROA.

—O ATENEU.

RAUL PREBISCH:

—KEYNES UMA INTRODUÇÃO.

—READERS DIGEST:O AMOR E A AMIZADE, A MULHER E O HOMEM.

REGINA HELENA DE PAIVA RAMOS:

—AS DUAS NORAS.

REGINA MACHADO:

—O VIOLINO CIGANO.

REGINA RHEDA:

—AMOR SEM VERGONHA.

—LIVRO QUE VENDE.

REGINA ZAPPA:

—DOCE LAR.

REGINA ZILBERMAN:

—COMO E POR QUE LER A LITERATURA INFANTIL NO BRASIL.

—O BERÇO DO CANONE.

RÉGIS BONVICINO:

—CÉU ECLIPSE.

—TOGETHER 1996, UM POEMA.

REINALDO AZEVEDO:

—CONTRA O CONSENSO, ENSAIOS E RESENHAS.

REINALDO MONTERO:

—6 MULHERES.

REINALDO MORAES E OUTROS:

—A ÓRBITA DOS CARACÓIS.

—BOA COMPANHIA, CONTOS DE   ALBERTO MORAVIA.

RENATA PALLOTTINI:

—NOSOTROS.

RENATO ARAGÃO:

—AMIZADE SEM FIM.

RENATO CORDEIRO GOMES:

—MELHORES CRÔNICAS MARQUES REBELO.

RENATO IGNÁCIO DA SILVA:

—AMAZÔNIA, PARAÍSO E INFERNO!

—SELVA ASSOMBRADA.

RENATO KRESS:

—CONSCIÊNCIA.

RENATO LUÍS BANDEIRA:

—O ENIGMA DE UMA CIVILIZAÇÃO PERDIDA NO SERTÃO DA BAHIA.

RENATO MACIEL DE SÁ JÚNIOR:

—ANEDOTÁRIO DA RUA DA PRAIA.

RENATO MODERNELL:

—SONATA DA ÚLTIMA CIDADE.

—VIAGEM AO PAVIO DA VELA.

RENATO MODERNELL E OUTROS:

—PÁTRIA ESTRANHA.

RENATO RUSSO:

—RENATO RUSSO DE A A Z.

RENATO SANTOS PEREIRA:

—O GUARDA CHUVA.

RENE DEPESTRE:

—ALELUIA PARA UMA MULHER JARDIM.

RENE MENARD:

—A LOUCURA NA RAZÃO PURA.

RENE ZAMLUTTI JÚNIOR:

—AS TEMPESTADES.

RIBEIRO COUTO:

—MELHORES CONTOS.

RICARDO ARAÚJO:

—EDUCAÇÃO E PSICOLOGIA, CINQÜENTA ANOS.

RICARDO AZEVEDO:

—A HISTÓRIA DE JOÃO FORCUDO.

RICARDO BELLÍSSIMO:

—SOMBRAS E NEFASTOS.

RICARDO CRAVO ALBIN:

—UM OLHAR SOBRE O RIO.

RICARDO DAUNT NETO:

—A MURALHA DA CHINA.

—POSES.

RICARDO DE ANDRADE:

—DIÁRIO DE UM MALA.

RICARDO GONTIJO:

—PAI MORTO VIVO.

RICARDO KELMER:

—GUIA PRÁTICO DE SOBREVIVÊNCIA PARA O FINAL DOS TEMPOS.

RICARDO LISIAS:

—COBERTOR DE ESTRELAS.

—DOS NERVOS.

RICARDO RAMOS:

—OS AMANTES ILUMINADOS.

RICARDO SOARES:

—CINE VERTIGEM.

RICARDO THOMÉ:

—CÃO DANADO SOLTO NA NOITE.

RILDO COSSON:

—ROMANCE REPORTAGEM.

RITA BUZZAR:

—ENTRE LEMBRANÇAS E ESPERANÇAS.

RITA MOREIRA:

—PERSCRUTANDO O PAPAIA.

RIZZATTO NUNES:

—INTUIÇÃO.

ROBERT B. CUNNINGHAME GRAHAM:

—UM MÍSTICO BRASILEIRO.

ROBERT LOUIS STEVENSON:

— O MÉDICO E O MONSTRO.

ROBERTA ZUGAIB:

—O SANTO GUERREIRO.

ROBERTO AMARAL:

—LIMITES.

ROBERTO ATHAYDE:

—AS PEÇAS PRECOCES, APARECEU A MARGARIDA E OUTRAS.

—BRASILEIROS EM MANHATTAN.

ROBERTO BITENCOURT MARTINS:

—ARDENTE AMOR & OUTRAS HISTÓRIAS.

—IBIAMORÉ, O TREM FANTASMA.

ROBERTO CARLOS RAMOS:

—A ARTE DE CONSTRUIR CIDADÃOS.

ROBERTO CÉSAR HISSA:

—OUTDOOR, A OUTRA FACE DA VIDA.

ROBERTO DA MATTA:

—CONTA DE MENTIROSO.

—TOCQUEVILLEANAS.

ROBERTO DE ARAÚJO LIMA:

—DEIXE QUE EU CONTO.

ROBERTO DE OLIVEIRA BRANDÃO:

—POÉTICA E POESIA NO BRASIL COLÔNIA.

ROBERTO DE SOUSA CAUSO:

—A SOMBRA DOS HOMENS.

—FICÇÃO CIENTÍFICA, FANTASIA E HORROR NO BRASIL.

ROBERTO DRUMMOND:

—DIA DE SÃO NUNCA À TARDE.

—HILDA FURACÃO.

—INÊS É MORTA.

—MORTE DE D. J. EM PARIS.

—O CHEIRO DE DEUS.

—O HOMEM QUE SUBORNOU A MORTE.

—OS MORTOS NAO DANÇAM VALSA.

—SANGUE DE COCA-COLA.

ROBERTO FONSECA:

—A PORTEIRA DO TEMPO.

ROBERTO FREIRE:

—A FARSA ECOLÓGICA.

—A FÓRMULA DA ESPERANÇA.

—A REVOLTA DOS MENINOS.

—AME E DÊ VEXAME.

—CLEO E DANIEL.

—COIOTE.

—DOMADORES MÁGICOS E LADRÕES.

—EU E UM OUTRO.

—HISTÓRIAS CURTAS E GROSSAS-VOLUME 1.

—HISTÓRIAS CURTAS E GROSSAS-VOLUME 2.

—LIV E TATZIU.

—MOLEQUES DE RUA.

—O MILAGRE DA SANTA CHORONA.

—O MOMENTO CULMINANTE.

—O TESÃO E O SONHO.

—OS CÚMPLICES-VOLUME 1.

—OS CÚMPLICES-VOLUME 2.

—SEM TESÃO NÃO HÁ SOLUÇÃO.

—SOMA-VOLUME 1.

—SOMA-VOLUME 2.

—TRÊS QUARTOS.

ROBERTO GOMES:

—EXERCÍCIO DA SOLIDÃO.

ROBERTO MUGGIATI:

—A CONTORCIONISTA MONGOL.

ROBERTO MUYLAERT:

—PAULINHA.

ROBERTO PEREIRA:

—EROS VOLUSIA.

—O VÔO TRADUZIDO.

ROBERTO PROTTI:

—O EMBRULHO INÉDITO.

ROBERTO SATURNINO BRAGA:

—CONTOS DE REIS.

—QUARTETO.

ROBERTO SCHULTZ:

—O AMOR DESSA MULHER.

—O PUBLICITÁRIO LEGAL.

ROBERTO SCHWARZ:

—DUAS MENINAS.

—HORAS SÃO.

—SEQÜÊNCIAS BRASILEIRAS.

ROBERTO VENTURA:

—OS SERTÕES.

RODOLFO COELHO CAVALCANTE:

—COELHO CAVALCANTE.

RODOLFO GOMES PESSANHA:

—ENFIM, O AMOR CORRESPONDIDO!

RODOLFO KONDER:

—A MEMÓRIA E O ESQUECIMENTO.

—A PALAVRA E O SONHO.

—HÓSPEDE DA SOLIDÃO.

RODOLFO MOTTA REZENDE:

—A BARCA DOS ANIMAIS.

RODOLFO TEÓOFILO:

—A FOME.

RODRIGO A. DE PAIVA:

—RODNEY CHAYNNE E A EPIDEMIA DA PRAGA MALDITA.

RODRIGO CAPELLA:

—TRANSROCA, O NAVIO PROIBIDO.

RODRIGO CONSTANTINO:

—PRISIONEIROS DA LIBERDADE.

RODRIGO GARCIA LOPES:

—SOLARIUM.

—VOZES E VISÕES.

RODRIGO LACERDA:

—A DINÂMICA DAS LARVAS.

—O MISTÉRIO DO LEÃO RAMPANTE.

—TRIPÉ.

—VISTA DO RIO.

RODRIGO M. F. DE ANDRADE:

—VELÓRIOS.

RODRIGO MURAT:

—MEMÓRIAS DO PINTO.

RODRIGO NAVES:

—O FILANTROPO.

RODRIGO PENTEADO:

—CORRUPÇÃO.

—ZÉ FERINO.

RODRIGO PONTES RALDI:

—MORTE A BORDO.

RODRIGO SCHWARZ:

—A ILHA DOS CÃES.

ROGER JONES:

—DIÁRIO DE BORDO.

ROGÉRIO ANDRADE BARBOSA:

—CONTOS DE ENCANTOS, SEDUÇÕES E OUTROS QUEBRANTOS.

ROGÉRIO DUARTE:

—TROPICAOS.

ROGÉRIO DURST:

—GERAÇÃO PAISSANDU.

—MADAME SATÃ.

ROGÉRIO IVES BRAGHITTONI:

—GUARDIÃO.

ROGÉRIO LIMA:

—O IMAGINÁRIO DA CIDADE.

ROGÉRIO MENEZES:

—A SOLIDÃO VAI ACABAR COM ELA.

—TRÊS ELEFANTES NA ÓPERA.

ROGÉRIO OLIVEIRA:

—O DOCE AMARGO DA VIDA.

ROGÉRIO REZENDE:

—REPÚBLICA DO TACAPE.

ROMARIC S. BUEL:

—O CLUBE.

RÔMULO AUGUSTUS PEREIRA SOUZA:

—HISTÓRIAS DO MEU ANTIGAMENTE.

RONALDO BRESSANE:

—10 PRESÍDIOS DE BOLSO.

RONALDO COSTA COUTO:

—MATARAZZO, O COLOSSO BRASILEIRO.

RONALDO COSTA FERNANDES:

—CONCERTO PARA FLAUTA E MARTELO.

RONALDO CUNHA DIAS & LAURO SÉRGIO M. PEREIRA:

—ESTÓRIAS QUE OS LIVROS DE MEDICINA NÃO CONTAM.

RONALDO CUNHA LIMA:

—POEMAS DE SALA E QUARTO.

RONALDO GUIMARÃES:

—RETRATOS DO TEMPO.

RONALDO SILVA:

—CAUSOS DE JOÃO PELADO, O SEM MEDO.

RONALDO VAINFAS:

—HERESIA DOS ÍNDIOS.

RONALDO WROBEL:

—PROPÓSITOS DO ACASO.

RONIWALTER JATOBÁ:

—O PAVÃO MISTERIOSO.

—TRABALHADORES DO BRASIL, HISTÓRIAS DO POVO BRASILEIRO.

ROQUE SCHNEIDER:

—BRASILEIROS NA GRÉCIA, ITÁLIA E PORTUGAL.

ROSA AMANDA STRAUSZ:

—13 DOS MELHORES CONTOS DE AMOR.

—UOLACE E JOÃO VÍTOR.

ROSA ELVIRA LIZANA HERNANDEZ:

—ARETTI NA GUERRA DOS TRÊS MUNDOS.

ROSALIE GALLO Y SANCHES:

—EU VI ONDE TERMINA O MAR.

ROSALY SENRA:

—EM BUSCA DE CEREJAS.

ROSANA FERRÃO:

—GUIA DO ESTRESSADO.

ROSANA MUNIZ MEDEIROS:

—PAIXÕES VIRTUAIS.

ROSANA RIOS:

—CHEIRO DE CHUVA.

ROSANA SEQUARONI:

—EL LIBRO SECRETO DE DANIEL TORRES.

ROSÁRIO FUSCO:

—ASSOCIAÇÃO DOS SOLITÁRIOS ANÔNIMOS.

—O AGRESSOR.

ROSE AIMEE DUMMAR ARY:

—FOLHAS E MAIS FOLHAS!

ROSELIS VON SASS:

—ÁFRICA E SEUS MISTÉRIOS.

ROSISKA DARCY DE OLIVEIRA:

—A DAMA E O UNICÓRNIO.

—OUTONO DE OURO E SANGUE.

ROY WARNCKE ASHTON:

—RENASCIMENTO.

ROZELI DA SILVA:

—UM PAÍS NO CORAÇÃO.

RUBEM ALVES:

—A ALEGRIA DE ENSINAR.

—A ÁRVORE E A ARANHA.

—A BONECA DE PANO.

—A ESCOLA COM QUE SEMPRE SONHEI.

—A FESTA DE MARIA.

—A HISTÓRIA DOS TRÊS PORQUINHOS.

—A LIBÉLULA E A TARTARUGA.

—A LOJA DE BRINQUEDOS.

—A MAÇÃ E OUTROS SABORES.

—A MENINA, A GAIOLA E A BICICLETA.

—A MENINA E A PANTERA NEGRA.

—A MENINA E O PÁSSARO ENCANTADO.

—A MONTANHA ENCANTADA DOS GANSOS SELVAGENS.

—A MÚSICA DA NATUREZA.

—A OPERAÇÃO DE LILI.

—A PIPA E A FLOR.

—A PLANÍCIE E O ABISMO.

—A SELVA E O MAR.

—A TOUPEIRA QUE QUERIA VER O COMETA.

—A VOLTA DO PÁSSARO ENCANTADO.

—AMOR.

—AMOR QUE ACENDE A LUA.

—AO PROFESSOR, COM MUITO CARINHO.

—APRENDIZ DE MIM.

—AS CORES DO CREPÚSCULO, A ESTÉTICA DO ENVELHECER.

—CAINDO NA REAL.

—CENAS DA VIDA.

—COISAS DO AMOR.

—COISAS QUE DÃO ALEGRIA.

—COMO NASCEU A ALEGRIA.

—CONCERTO PARA O CORPO E A ALMA.

—CONVERSAS COM QUEM GOSTA DE ENSINAR.

—CONVERSAS SOBRE EDUCAÇÃO.

—CONVERSAS SOBRE POLÍTICA.

—CREIO NA RESSUREIÇÃO DO CORPO.

—E AÍ? CARTAS AOS ADOLESCENTES E A SEUS PAIS.

—EDUCAÇÃO DOS SENTIDOS.

—ENTRE A CIÊNCIA E A SAPIÊNCIA, O DILEMA DA EDUCAÇÃO.

—ESPIRITUALIDADE.

—ESTÓRIAS DE BICHO.

—ESTÓRIAS DE QUEM GOSTA DE ENSINAR.

—FILOSOFIA DA CIÊNCIA, INTRODUÇÃO AO JOGO.

—LAGARTIXAS E DINOSSAUROS.

—LIÇÕES DE FEITIÇARIA.

—MAIS BADULAQUES.

—MANSAMENTE PASTAM AS OVELHAS.

—MOSAICO DE PENSAMENTOS, MORTE.

—NA MORADAS DAS PALAVRAS.

—NAVEGANDO.

—O AMOR QUE ACENDE A LUA.

—O DECRETO DA ALEGRIA.

—O FLAUTISTA MÁGICO.

—O GAMBÁ QUE NÃO SABIA SORRIR.

—O GATO QUE GOSTAVA DE CENOURA.

—O MÉDICO.

—O MEDO DA SEMENTINHA.

—O PAÍS DOS DEDOS GORDOS.

—O PASSARINHO ENGAIOLADO.

—O PATINHO QUE NÃO APRENDEU A VOAR.

—O QUARTO DO MISTÉRIO.

—O QUE É RELIGIÃO?

—O RETORNO ETERNO.

—OS MORANGOS.

—PAI NOSSO, MEDITAÇÕES.

—PINÓQUIO ÀS AVESSAS.

—POR UMA EDUCAÇÃO ROMÂNTICA.

—PORQUINHA DE RABO ESTICADINHO.

—PRESENTE, FRASES, IDÉIAS, SENSAÇÕES.

—QUANDO EU ERA MENINO.

—QUARTO DE BADULAQUES.

—RETRATOS DE AMOR.

—SE EU PUDESSE VIVER MINHA VIDA NOVAMENTE.

—SOBRE O TEMPO E A ETERNIDADE.

—SUSPIRO DOS OPRIMIDOS.

—TEMPUS FUGIT.

—TRANSPARÊNCIAS DA ETERNIDADE.

—UM CÉU NUMA FLOR SILVESTRE.

—UM MUNDO NUM GRÃO DE AREIA.

—UM SILVESTRE.

RUBEM BRAGA:

—1939, UM EPISÓDIO EM PORTO ALEGRE.

—200 CRÔNICAS ESCOLHIDAS.

—A BORBOLETA AMARELA.

—A TRAIÇÃO DAS ELEGANTES.

—AI DE TI COPACABANA.

—AS BOAS COISAS DA VIDA.

—AVENTURAS.

—LIVRO DE VERSOS.

—O CONDE E O PASSARINHO E O MORRO DO ISOLAMENTO.

—O HOMEM ROUCO.

—RECADO DE PRIMAVERA.

—UM CARTÃO DE PARIS.

—UM PÉ DE MILHO.

RUBEM FONSECA:

—64 CONTOS DE RUBEM FONSECA.

—A COLEIRA DO CÃO.

—A CONFRARIA DOS ESPADAS.

—A GRANDE ARTE.

—AGOSTO.

—BUFO & SPALLANZANI.

—CONTOS REUNIDOS.

—DIÁRIO DE UM FESCENINO.

—E DO MEIO DO MUNDO PROSTITUTO E HISTÓRIAS AMOR CAIXA.

—E DO MEIO DO MUNDO PROSTITUTO SÓ AMORES GUARDEI.

—FELIZ ANO NOVO.

—HISTÓRIAS DE AMOR.

—HISTÓRIAS DE AMOR E DO MEIO DO MUNDO PROSTITUTO.

—LÚCIA MC CARTNEY.

—MANDRAKE, A BÍBLIA E A BENGALA.

—O BURACO NA PAREDE.

—O CASO MOREL.

—O COBRADOR.

—O DOENTE MOLIERE.

—O SELVAGEM DA ÓPERA.

—OS PRISIONEIROS.

—PEQUENAS CRIATURAS.

—ROMANCE NEGRO.

—SECREÇÕES, EXCREÇÕES E DESATINOS.

—VASTAS EMOÇÕES E PENSAMENTOS.

RUBEM MAURO MACHADO:

—O EXECUTANTE.

RUBEN GEORGE OLIVEN:

—MARKETING SEM MISTÉRIO.

RUBENS BOROINI:

—VIDA DE AVIADOR.

RUBENS FIGUEIREDO:

—AS PALAVRAS SECRETAS.

—BARCO A SECO.

—ESSA MALDITA FARINHA.

—O MISTÉRIO DA SAMAMBAIA BAILARINA.

RUBENS MATUCK:

—FURUNDUM!

RUBENS PAULO GONÇALVES:

—A RESPOSTA DO MAR.

RUBENS RODRIGUES TORRES FILHO:

—NOVOLUME.

RUDIE BRUNI:

—O ESPÍRITO GUERREIRO.

RUDNEY OTTO PFUTZENREUTER:

—COLUNAS DE VERÃO.

—ENCONTROS.

RUI BARBOSA:

—ORAÇÃO AOS MOÇOS.

RUI GONCALVES DOCA:

—A CAÇAMBA DE PRATA.

—ESTRELA CADENTE.

—QUANDO VOAM AS BORBOLETAS.

RUI SPOHR:

—MEMÓRIAS ALINHAVADAS.

RUTH ANASTÁSIA RAMOS:

—ESTÓRIAS DE VIDA E MORTE.

RUTH BARROS:

—FLORAIS PERVERSOS DE MADAME DE SADE.

RUTH GUIMARÃES:

—ÁGUA FUNDA.

RUY CÂMARA:

—CANTOS DE OUTONO.

RUY CARLOS OSTERMANN:

—DICIONÁRIO DE CONTRABANDOS.

—ITINERÁRIO DA DERROTA.

—MEIA ENCARNADA DURA DE SANGUE.

RUY CASTRO:

—24 CONTOS DE F. SCOTT FITZGERALD.

—A ONDA QUE SE ERGUEU NO MAR.

—AMESTRANDO ORGASMOS.

—ANJO PORNOGRÁFICO.

—BILAC VÊ ESTRELAS.

—CARNAVAL NO FOGO.

—CHEGA DE SAUDADE.

—CONTOS DE ESTIMAÇÃO.

—ELA É CARIOCA, UMA ENCICLÓPEDIA DE IPANEMA.

—ESTRELA SOLITÁRIA, UM BRASILEIRO CHAMADO GARRINCHA.

—FLAMENGO, O VERMELHO E O NEGRO.

—MAU HUMOR.

—O AMOR DE MAU HUMOR.

—O ANJO PORNOGRÁFICO, A VIDA DE NELSON RODRIGUES.

—O LIVRO DOS INSULTOS.

—O MELHOR DO MAU HUMOR.

—O PAI QUE ERA MÃE.

—O PODER DE MAU HUMOR.

—SAUDADES DO SÉCULO 20.

RUY CASTRO E OUTROS:

—CONTOS DE ESTIMAÇÃO.

RUY ESPINHEIRA FILHO:

—CONTOS &CAUSOS.

—MEMÓRIA DA CHUVA.

RUY FABIANO:

—PROFANAÇÃO.

RUY MIRANDA:

—CRISTINA DOS GERAIS, UM ENCONTRO DA RELIGIÃO COM A CIÊNCIA.

RUY NEDEL:

—A TERRA E A DOR.

RUY TAPIOCA:

—A REPÚBLICA DOS BUGRES.

—ADMIRÁVEL BRASIL NOVO.

—O PROSCRITO.

SABINA ANZUATEGUI:

—CALCINHA NO VARAL.

SABINE KRZIKALLA:

—MEMÓRIAS DE UMA COMISSÁRIA DE BORDO.

SABINO VIEIRA LOGUERCIO:

—O NAUFRÁGIO DO TETANICO.

SALGADO MARANHÃO:

—MURAL DE VENTOS.

SALIM MIGUEL:

—EU E AS CORRUIRAS.

—MARÉ NOSTRUM.

—PRIMEIRO DE ABRIL.

—SALOMÃO WALY.

SALVATORE ALBERTO CACCIOLA:

—EU, ALBERTO CACCIOLA, CONFESSO.

SAMANNTHA SILVEIRA:

—ALVORECER DOS SONHOS.

SAMIRA CHALHUB:

—DE COISAS.

SAMUEL LISMAN:

—NAS TREVAS DO NADA.

SAMUEL RAWET:

—CONTOS E NOVELAS REUNIDOS.

SAMUEL WAINER:

—MINHA RAZÃO DE VIVER.

SAMUEL WAINER & AUGUSTO NUNES:

—MINHA RAZÃO DE VIVER, MEMÓRIAS DE UM REPÓRTER.

SANDOVAL NONATO GOMES SANTOS:

—RECONTANDO HISTÓRIAS NA ESCOLA.

SANDRA NITRINI:

—LITERATURA COMPARADA.

—MELHORES CONTOS, OSMAN LINS.

SANDRA SARUE:

—MULHERES MÁS.

SANDRO CODAX:

—O HOMEM QUE SABIA MENTIR.

SANDRO VILLAR:

—AS 100 MELHORES CRÔNICAS DE HUMOR.

SANTA RITA DURÃO:

—CARAMURU.

SANTA TERESINHA DO MENINO JESUS:

—HISTÓRIA DE UMA ALMA.

SANTIAGO NAZARIAN:

—FERIADO DE MIM MESMO.

—OLÍVIO.

—TINTA FRESCA.

SANTO AGOSTINHO:

—CONFISSÕES.

SARA LOPES:

—NIZA, APESAR DAS OUTRAS.

SATURNINO BRAGA:

—CONTOS DO RIO.

—QUARTETO EM QUATRO TEMPOS.

SAULO SISNANDO:

—PUZZLE.

SCARLET MOON DE CHEVALIER:

—AREIAS ESCALDANTES, INVENTÁRIO DE UMA PRAIA.

SCARLETT MARTON:

—IRRECUSÁVEL BUSCA DE SENTIDO.

SEBASTIAO NERY:

—FOLCLORE POLÍTICO.

SEBASTIÃO UCHOA LEITE:

—CRÍTICA DE OUVIDO.

SELMA PANTOJA:

—NZINGA MBANDI.

SÉRGIO ANDRADE ARAPUÃ:

—O FUTEBOL DOS IMBECIS E OS IMBECIS DO FUTEBOL.

SÉRGIO AUGUSTO DE ANDRADE:

—PINTO CALCUDO OU OS ÚLTIMOS DIAS DE SERAFIM PONTE GRANDER.

SÉRGIO BUARQUE DE HOLANDA & ANTÔNIO CÂNDIDO:

—CAPÍTULOS DE LITERATURA COLONIAL.

SÉRGIO CAPPARELLI:

—A CASA DE AFRODITE.

—GASPAR E A LINHA DNIEPERTROVSK.

—MINHA SOMBRA.

—O DIA EM QUE O ALEGRETE ATRAVESSOU A FRONTEIRA.

—O FILHO DO PADEIRO.

SÉRGIO DA COSTA RAMOS:

—O PLANO SURREAL.

—SORRISOS MEIO SACANAS.

SÉRGIO FARACO:

—A LUA COM SEDE.

—CONTOS COMPLETOS.

—GREGOS E GRINGOS.

—LIVRO DOS DESAFOROS.

—LIVRO DOS SONETOS.

—MAJESTIC HOTEL.

—O CHAFARIZ DOS TURCOS.

—RONDAS DE ESCÁRNIO E LOUCURA.

—VIVA O ALEGRETE.

SÉRGIO GALLO:

—IRONIAS DA EXISTÊNCIA HUMANA.

—RAZÕES DE VIVER.

SÉRGIO JOCKYMANN:

—SORTILÉGIO.

SÉRGIO KEUCHGERIAN:

—DIÁRIO DA BUSCA.

SÉRGIO LEMOS:

—A DUQUESA E O CÉU.

SÉRGIO PAULO ROUANET:

—OS DEZ AMIGOS DE FREUD.

SÉRGIO PAVAN:

—A SOMBRA DO VENTO.

—O ENIGMA DA ORQUÍDEA AZUL.

—UM PASSO EM FALSO.

SÉRGIO PEREIRA COUTO:

—DECIFRANDO A FORTALEZA DIGITAL .

—SOCIEDADES SECRETAS.

SÉRGIO PINHEIRO LOPES:

—CABE OUTRA VIDA NA VIDA.

SÉRGIO REIS:

—MAKING OFF .

SÉRGIO RODRIGUES:

—O HOMEM QUE MATOU O ESCRITOR.

SÉRGIO SÁ:

—FECHE OS OLHOS PARA VER MELHOR.

SÉRGIO SANT´ANNA:

—A SENHORITA SIMPSON.

—A TRAGÉDIA BRASILEIRA.

—BREVE HISTÓRIA DO ESPÍRITO.

—CONTOS E NOVELAS REUNIDOS.

—O MONSTRO, TRÊS HISTÓRIAS DE AMOR.

—O VÔO DA MADRUGADA.

—UM CRIME DELICADO.

SÉRGIO SARACENI:

—LUZES DE COPACABANA.

SÉRGIO SCHAEFER:

—O GAUDÉRIO MACUNAÍMA E A PITINGA MACIA.

SÉRGIO TELLES:

—MISTURA FINA, CONTOS, CRÔNICAS E POESIAS.

SÉRGIO VALENTE:

—DEUS PROTEGE OS CÃES PERDIDOS E OUTROS ACHADOS.

SÉRGIO VIANNA:

—PEDRO MALASARTES, AVENTURAS DE UM HERÓI SEM JUÍZO.

SÉRGIO VILLAS BOAS:

—O ESTILO MAGAZINE.

SHAPIRO:

—SEM MEDO DE ABRIR O CORAÇÃO.

SIDARTA RIBEIRO:

—ENTENDENDO AS COISAS.

SIDNEI AZAMBUJA:

—A ESTÂNCIA DO REGRESSO.

SIDNEY WANDERLEY:

—DE RIACHO DO MEIO À VIÇOSA DE ALAGOAS.

—NA PELE DO LAGO.

—TRÊS VOZES NORDESTINAS.

SÍLVIA BRUNO SECURATO:

—NÓS, MULHERES.

SÍLVIA JACINTHO:

—BRASILIANA.

SÍLVIA MARIA AZEVEDO:

—O REI DOS JAGUNÇOS DE MANUEL BENÍCIO.

SÍLVIA PELLEGRINO FREITAS ROCHA:

—A SACERDOTISA.

SILVIANO SANTIAGO:

—CHEIRO FORTE.

—DE CÓCORAS.

—HISTÓRIAS MAL CONTADAS.

—O FALSO MENTIROSO.

—UMA HISTÓRIA DE FAMÍLIA.

—UMA LITERATURA NOS TRÓPICOS.

—VIAGEM AO MÉXICO.

SÍLVIO AFONSO DE ALMEIDA:

—LORENZA.

SÍLVIO CASTRO:

—MEMORIAL DO PARAÍSO.

SÍLVIO FIORANI:

—INVESTIGAÇÃO SOBRE ARIEL.

SÍLVIO FIORANI E OUTROS:

—OS APÓSTOLOS.

SÍLVIO JOSÉ:

—PALAVRAS DE AMIGO.

SÍLVIO LANCELLOTTI:

—HONRA OU VENDETTA.

SÍLVIO ROBERTO DE OLIVEIRA:

—SAVEIRO DO INFERNO.

SÍLVIO RODRIGUES:

—MULHERES TRISTES.

SÍLVIO ROMERO:

—AUTORES BRASILEIROS.

—COMPÊNDIO DE HISTÓRIA DA LITERATURA BRASILEIRA.

—CONTOS POPULARES DO BRASIL.

—ESTUDOS DE LITERATURA CONTEMPORÂNEA.

—OBRAS COMPLETAS.

SIMÃO PESSOA:

—FOLCLORE POLÍTICO DO AMAZONAS.

SIMÕES LOPES NETO:

—CANCIONEIRO GUASCA.

—LENDAS DO SUL.

—O NEGRO BONIFÁCIO.

—TERRA GAÚCHA.

SIMONE CAMPOS:

—NO SHOPPING.

SIMONE GRECO:

—FOGOS.

SIMONE OSTROWSKI:

—A ARTE SECRETA DO DESEJO.

—MISTÉRIO EM FLORENÇA.

SINVAL MEDINA:

—A FACA E O MANDARIM.

—MEMORIAL DE SANTA CRUZ.

SISSA JACOBY:

—A FICÇÃO DE CAMILO JOSÉ CELA ALÉM DO BEM E DO MAL.

SÓCRATES E OUTROS:

—DEMOCRACIA CORINTIANA.

SOLANGE TORINO:

—LOBAS, LOBOS E AFINS.

SOLIMAR MOISÉS:

—DIÁRIO DE UM HOMEM DE MEIA-IDADE.

SOLON BORGES DOS REIS:

—O TEMPO VIA E VIAGEM.

SÔNIA BRAYNER:

—O CONTO DE MACHADO DE ASSIS.

SÔNIA COUTINHO:

—O ÚLTIMO VERÃO DE COPACABANA.

—OS SEIOS DE PANDORA.

SÔNIA GOULART ISHIKAWA:

—A MENINA FORTE.

—A OUTRA.

SÔNIA MARIA VAN DIJCK LIMA:

—ESCRITURA DE SAGARANA.

SÔNIA NOLASCO:

—MORENO COMO VOCÊS.

SÔNIA RODRIGUES:

—A ILHA DOS AMORES EROS E PSIQUE.

—AMOR EM SEGREDO.

—DO QUE OS HOMENS TÊM MEDO.

SÔNIA RODRIGUES MOTA:

—ATENTADO .

—COMO ENLOUQUECER SUA MÃE...

—O ROBE DO DRAGÃO.

SÔNIA SALERNO FORJAZ:

—EU, CIDADÃO DO MUNDO.

—NA ROTA DOS SENTIDOS.

SÔNIA SALOMÃO:

—CLÁUDIO MANUEL DA COSTA.

SOUSA LIMA:

—MOTO PERPÉTUO.

STANISLAW PONTE PRETA:

—BOLA NA REDE, A BATALHA DO BI .

—MÁXIMAS DE TIA ZULMIRA.

—O MELHOR DE...

STEFAN ZWEIG:

—O MUNDO QUE EU VI.

STELLA ALEXANDRA RODOPOULOS:

—PÉTALAS DE AMOR.

STELLA C. FERRAZ:

—A VILA DAS MENINAS.

—PÁSSSARO REBELDE.

—PRECISO TE VER.

STELLA FLORENCE:

—CIÚME, CHULÉ E UM APELIDO RIDÍCULO.

—ELE ME TROCOU POR UMA PORCA CHAUVINISTA.

—HOJE ACORDEI GORDA.

—POR QUE OS HOMENS NÃO CORTAM AS UNHAS DOS PÉS?.

STELLA LEONARDOS:

—DIAS PÁSSAROS.

STEVAN FRANCIS LEKITSCH:

—GUIA GAY DA INTERNET.

SUELI TOMAZINI BARROS CASSAL:

—AMIGOS ESCRITOS.

SUÊNIO CAMPOS DE LUCENA:

—21 ESCRITORES BRASILEIROS, UMA VIAGEM ENTRE MITOS E MOTES.

SUSAN GRIFFIN:

—O JOVEM HEMINGWAY.

SUSANA KAMPFF LAGES:

—JOÃO GUIMARÃES ROSA E A SAUDADE.

SUZANA FLAG:

—ESCRAVAS DO AMOR.

—MINHA VIDA.

SUZANA VARGAS:

—CADERNO DE OUTONO E OUTROS POEMAS.

SYANG:

—NO CIO.

SYLVANA SYMPSON:

—FRICÇÃO, CONFISSÕES ERÓTICAS DE UMA LOURA.

SYLVIA HELENA TELAROLLI DE ALMEIDA LEITE:

—CHAPÉU DE PALHA, PANAMÁS, PLUMAS, CARTOLAS.

SYLVIE DEBS:

—PATATIVA DO ASSARÉ, UMA VOZ DO NORDESTE.

SYLVIO FLOREAL:

—RONDA DA MEIA NOITE.

SYLVIO MASSA DE CAMPOS:

—DESUMANAS FÁBULAS.

SYLVIO PASSOS:

—RAUL SEIXAS, POR ELE MESMO.

T. E. LAWRENCE:

—A MATRIZ.

TABAJARA RUAS:

—A REGIÃO SUBMERSA.

—NETTO PERDE SUA ALMA.

—O AMOR DE PEDRO POR JOÃO.

—OS VARÕES ASSINALADOS.

—PERSEGUIÇÃO E CERCO A JUVÊNCIO GUTIERREZ.

—UM PORTO ALEGRE.

TADIANE TRONCA:

—VAPOR DRINA.

TAILOR NETTO DINIZ:

—AS 19 PLÁSTICAS DA MISS.

—O ASSASSINO USAVA BATOM.

—TANGO DA MADRUGADA.

—UM TERRORISTA NO PAMPA.

TAÍSA VLIESE DE LEMOS:

—GRACILIANO RAMOS, A INFÂNCIA PELAS MÃOS DO ESCRITOR.

TÂNIA CARVALHO:

—ARACY BALABANIAN, NUNCA FUI ANJO.

—IRENE RAVACHE, CAÇADORA DE EMOÇÃO.

TÂNIA CASTELLIANO:

—A TEMPESTADE DOS SONHOS.

TÂNIA ZAGURY:

—RAMPA.

TARCÍSIO MATTOS:

—HERCÍLIO LUZ, UMA PONTE.

TARSO DE MELO:

—PLANOS DE FUGA.

TASSO FRANCO:

—A CIDADE DA BAHIA.

—A RAINHA APOLÔNIA E O QUILOMBO DA FLOR ROXA.

—CATARINA PARAGUAÇU.

TATIANA ROLIM:

—MEU ANDAR SOBRE RODAS.

TATIANE SCHILARO SANTA ROSA:

—SILVERSTONE.

TÉCIO LINS E SILVA:

—O QUE É SER ADVOGADO.

TEIXEIRA COELHO:

—AS FÚRIAS DA MENTE.

—CÉUS DERRETIDOS.

—NIEMEYER.

TELMO FORTES:

—GLÓRIA ATÉ O FIM.

TEO AZEVEDO:

—CORDEL.

TÉRCIA MONTENEGRO LEMOS:

—LINHA FÉRREA.

TERESA CRISTOFANI BARRETO:

—A RECEITA DE MÁRIO TATINI.

TERESA MARGARIDA ORTA:

—OBRA REUNIDA.

TERESINHA MARQUES LOURES:

—A VIDA É UM POEMA.

TESSY CALLADO:

—FARO FELINO.

THALES GUARACY:

—A QUINTA ESTAÇÃO.

—FILHOS DA TERRA.

—O HOMEM QUE FALAVA COM DEUS.

THELMA GUEDES:

—PAGU, LITERATURA E REVOLUÇÃO.

THEO FILHO:

—PRAIA DE IPANEMA.

THEREZINHA BARBIERI:

—FICÇÃO IMPURA, PROSA BRASILEIRA DOS ANOS 70, 80 E 90.

THIAGO DE MELLO:

—AMAZONAS PÁTRIA DA ÁGUA.

—CAMPO DE MILAGRES.

—O POVO SABE O QUE DIZ.

THOMAZ BRANDOLIN:

—SOZINHO NO POLO NORTE.

TIAGO NOVAES:

—SUBITAMENTE AGORA.

TITE DE LAMARE:

—CAMINHOS DA ETERNA RÚSSIA.

TITO RYFF:

—MEU DUELO COM SOFIO.

TOM C. RASECK:

—MIQ JUSTER E AS QUIMERAS DE MCRAT.

TOM CARDOSO & ROB ROCKMANN:

—O MARECHAL DA VITÓRIA.

TOMÁS ANTÔNIO GONZAGA:

—ABOLIÇÃO.

—CARTAS CHILENAS.

—INCONFIDÊNCIA DE UMA CONFIDENTE.

—MARÍLIA DE DIRCEU.

—MELHORES POEMAS.

—MIGUELÂNGELO.

TOMAZ TADEU:

—LINHAS DE ESCRITA.

TONI BRANDÃO:

—GROGUE.

TONY BELLOTTO:

—BELLINI E A ESFINGE.

—BELLINI E O DEMÔNIO.

—BELLINI E OS ESPÍRITOS.

—BR 163.

TONY HILLERMAN:

—A TENTAÇÃO DO COIOTE.

TONY MONTI:

—O MENTIROSO.

TORQUATO NETO E PAULO ROBERTO PIRES:

—TORQUATO NETO-TORQUATÁLIA 2.

TOVA SENDER:

—O CELEIRO DO CÉU.

TÚLIO CAVALCANTI DE ALBUQUERQUE:

—A VOLTA DO CAVALEIRO DE CRISTO.

TÚLIO SIQUEIRA:

—O DESPERTAR DO ANTICRISTO.

ULISSES FERNANDES FILHO:

—CAUSOS VERIDÍCOS.

ULISSES TAVARES:

—SETE CASOS DO DETETIVE XULÉ.

URDA A. KLUEGER:

—A VITÓRIA DE VITÓRIA.

URSULINO LEÃO:

—A MALDIÇÃO DA CRUZ.

—DEPOIS E AINDA.

—PRAÇA DA VEREDA MAIOR.

VALDECI GONÇALVES DA SILVA:

—CORPOS ADÚLTEROS.

VALDEMAR CAVALCANTI:

—O MELHOR DE STANISLAW PONTE PRETA.

VALDEMAR SAUCHUK:

—A DEBUTANTE.

VALDENES MENEZES:

—MUITO PRAZER EUROPA.

VALDI ERCOLANI:

—INOCÊNCIO E A CRIANÇA DIVINA.

VALDIR DE AQUINO XIMENES:

—A VOLÚPIA E AS ALGEMAS.

VALDIRA TORRES AGRA:

—MEU LIVRO, MEU MUNDO PRÉ-ESCOLAR.

VALÊNCIO XAVIER:

—CRIMES À MODA ANTIGA.

—MINHA MÃE MORRENDO.

—O MEZ DA GRIPPE.

VALÉRIA MELKI BUSIN:

—LUA DE PRATA, QUANDO A PAIXÃO ACONTECE ENTRE MULHERES.

—O ÚLTIMO DIA DO OUTONO.

VALÉRIO MEINEL:

—AVESTRUZ, ÁGUIA E COCAÍNA.

VALESCA DE ASSIS:

—TODOS OS MESES.

VALQUÍRIA GAZZE:

—MISTÉRIOS ENTRE NÓS.

VALTER GOULART:

—PÁTRIA DESPEDAÇADA.

VAMIREH CHACON:

—ABREU E LIMA, GENERAL DE BOLÍVAR.

VANDERLEI LUXEMBURGO & INGO OSTROVSKY:

—É CAMPEÃO! A MONTAGEM DE UM TIME VENCEDOR.

VANESSA CRISTINA SOARES DIAS:

—TINA, BASTIDORES DE UMA PANELA DE PRESSÃO.

VANGE LEONEL:

—AS SEREIAS DA RIVE GAUCHE.

—BALADA PARA AS MENINAS PERDIDAS.

—GRRRLS.

VÁRIOS AUTORES:

—13 MANEIRAS DE AMAR.

—21 HISTÓRIAS DE AMOR.

—A ALEGRIA.

—A CRIANÇA E A PRODUÇÃO CULTURAL.

—AS MELHORES ANEDOTAS DO SÉCULO.

—BOA COMPANHIA.

—CONTOS PREMIADOS.

—DENTRO DE UM LIVRO.

—DEZ AMORES.

—DIÁRIO SECRETO DE UMA PORTUGUESA .

—GLOSAS MARGINAIS.

—HISTÓRIA DA LITERATURA.

—HOMEM CHAVÃO.

—INIMIGO RUMOR 17.

—LITERATURA UNIVERSAL-CD.

—MAIS AO SUL DO QUE EU PENSAVA.

—O MELHOR DA CRÔNICA BRASILEIRA.

—OS DEZ MANDAMENTOS.

—PARTE DE NÓS.

—PÁTRIA ESTRANHA, HISTÓRIAS DE PEREGRINAÇÃO E SONHOS.

—PROSAS CARIOCAS.

—QUARTA-FEIRA.

—TODAS AS ESTAÇÕES.

—TRIUNFOS DOS PÊLOS.

VASCO MARIZ:

—A CANÇÃO BRASILEIRA DE CÂMARA.

VASSIL OLIVEIRA:

—HOMENS E CAVAS ABERTAS DE MULHERES AMOROSAS.

VERA ALBERS:

—SURTOS URBANOS.

VERA BRANT:

—ENSOLARANDO SOMBRAS.

VERA CARVALHO ASSUMPÇÃO:

—PAISAGENS NOTURNAS.

VERA KARAM:

—HÁ UM INCÊNDIO SOB A CHUVA RALA.

VERA LÚCIA CARDOSO:

—SOB O SIGNO DA FELICIDADE.

VERA MARGOT MOGILKA:

—A HISTÓRIA DE DÉLIA.

VERA MOLL:

—MEU ADORADO PEDRO.

VERGÍLIO FERREIRA:

—PARA SEMPRE.

VERNON LEE:

—O AMANTE FANTASMA.

VICÊNCIA BRETAS TAHAN:

—CORA CORAGEM, CORA POESIA.

VICENTE FRANZ CECIM:

—SILENCIOSO COMO O PARAÍSO.

VICTOR GIUDICE:

—MUSEU DARBOT E OUTROS MISTÉRIOS E DO CATÁLOGO DE FLORES.

VICTOR HUGO:

—QUÍMICA ECONÔMICA.

VILEM FLUSSER:

—NATURALMENTE VÁRIOS ACESSOS AO SIGNIFICADO DA NATUREZA.

VILLAS BOAS CORREA:

—CASOS DA FAZENDA DO RETIRO.

VILMA AREAS:

—TROUXA FROUXA.

VILMA GUIMARÃES ROSA:

—AS VISIONÁRIAS.

—MISTÉRIOS DO EXISTIR.

VILMA SANT'ANNA AREAS:

—TROUXA FROUXA.

VILMAR LEDESMA:

—CLEYDE YACONIS, DAMA DISCRETA.

VINÍCIUS DE MORAES:

—PARA UMA MENINA COM UMA FLOR.

—QUERIDO POETA.

VINÍCIUS VIANNA:

—AS ENSINADAS.

—AVENTURAS SEXUAIS DE LUÍS ENSINADA .

VIOLETA WEINSCHELBAUM:

—VINTE FICÇÕES BREVES.

VIRGÍILIO MAIA:

—CARTILHA.

—RECORDEL.

—RUDES BRASÕES.

VIRGÍNIO CORDEIRO DE MELLO:

—VIAGEM AO FIM DO MUNDO.

VIRIATO CORREA:

—HISTÓRIAS ÁSPERAS.

VISCONDE DE TAUNAY:

—IERECE, A GUANA.

—INOCÊNCIA.

VITOR RAMIL:

—PEQUOD.

VIVIANE PEREIRA:

—HERÓIS DA VIDA REAL.

VLADIMIR DUARTE DIAS:

—GENEALOGIA DA LIBERDADE.

VOLTAIRE & MÁRIO QUINTANA:

—CONTOS E NOVELAS .

WALCYR CARRASCO:

—PEQUENOS DELITOS.

WALDEMAR ZVEITER:

—ANGULARIDADES.

WALDIR PEDROSA AMORIM:

—CANTOS DA VIDA DE AMAR.

WALDO CÉSAR:

—TENENTE PACÍFICO.

WALDOMIRO MANFROI:

—OS DEMÔNIOS DO LAGO.

WALMIR AYALA:

— ANOITECER DE VÊNUS.

WALMIR CROCE:

—AMAS TROCADAS.

WALNICE NOGUEIRA GALVÃO:

—CORRESPONDÊNCIA DE EUCLIDES DA CUNHA.

WALTER GALVANI:

—ANACOLUTO DO PRINCÍPIO AO FIM.

WALTER MOREIRA SANTOS:

—HELENA GOLD.

WALTHER ALVARENGA:

—MEU ENCONTRO COM DRÁCULA.

—O DISCÍPULO.

WALY SALOMÃO:

—HÉLIO OITICICA, QUAL É O PARANGOLÉ?

—O MEL DO MELHOR.

WANDA FABIAN:

—DON JUAN ACORRENTADO.

WANDER MELO MIRANDA:

—GRACILIANO RAMOS.

WANDER PIROLI:

—WANDER PIROLI.

WARDE MARK:

—MARIA DELLA COSTA.

WASHINGTON OLIVETTO:

—OS PIORES TEXTOS DE WASHINGTON OLIVETTO.

WILHELM VON DRIGALSKI:

—O HOMEM CONTRA OS MICRÓBIOS.

WILLIAM DOUGLAS:

—A ÚLTIMA CARTA DO TENENTE.

WILLIAM J. BENNETT:

—O LIVRO DAS VIRTUDES.

WILLIAM VOLTZ:

—A LIGA DOS SETE.

—ZEUS DO ANO 3460.

WILLIAN SAROYAN:

—O JOVEM AUDAZ NO TRAPÉZIO VOADOR.

WILSON BUENO:

—AMAR-TE A TI, NEM SEI SE COM CARÍCIAS.

—CACHORROS DO CÉU.

—JARDIM ZOOLÓGICO.

—MAR PARAGUAYO.

—MEU TIO ROSENO, A CAVALO.

WILSON DE FARIAS:

—E VOE MOMO!

WILSON FRUNGILO JÚNIOR:

—ALA DEZOITO.

—AS LUZES DE SANTELMO.

—BAIRRO DOS ESTRANHOS.

—DO OUTRO LADO.

—LIVRE PARA VOAR.

—OS FIOS DO TEAR.

WILSON GELBCKE:

—A MÁSCARA DE CAPELLE.

WILSON MARTINS:

—LUIZ VILELA.

WILSON MEILER:

—A ARCA DO ENCANTAMENTO.

WILSON PIRES FERRO:

—VERSOS E ANVERSOS.

WILSON ROBERTO THEODORO FILHO:

—A ESCRITA DE DEUS.

WILSON ROCHA:

—A FORMA DO SILÊNCIO.

WILSON SAAD:

—MORTE NA REGIÃO DOS LAGOS.

XICO SÁ:

—MODOS DE MACHO E MODINHAS DE FÊMEA .

YARA MIOWA:

—KUARAHYCORA, O CÍRCULO DO SOL.

YEDDA PEREIRA DOS SANTOS:

—O PORTAL DO TEMPO.

YEOCHUA AVRITCHIR:

—HISTÓRIAS DA SINAGOGA.

YOLA OLIVEIRA AZEVEDO:

—A RECONQUISTA.

YOLANDA AVENA PIRES:

—O FIO DA MEADA.

YON MOREIRA:

—A ILHA DAS MULHERES CALADAS.

YONE GIANNETTI FONSECA:

—CRISTAL, CARVÃO.

YURI SANADA:

—BRAAZI.

YURY HEMUCHE:

—PERIGONDAS.

YVELINE BRIERE:

—O LIVRO DA SABEDORIA.

YVES PASSARELL:

—OS ÚLTIMOS DIAS PERFEITOS.

ZÉ RODRIX:

—DIÁRIO DE UM CONSTRUTOR DO TEMPLO.

ZÉ SALDANHA:

—CORDEL.

ZÉ VICENTE:

—CORDEL.

ZÉ VICTOR CASTIEL:

—A MORTE DO CLÓVIS.

ZECA LIGIERO:

—MALANDRO DIVINO.

ZÉLIA GATTAI:

—A CASA DO RIO VERMELHO.

—CÓDIGOS DE FAMÍLIA.

—CRÔNICA DE UMA NAMORADA.

—JARDIM DE INVERNO.

—MEMORIAL DO AMOR.

—SENHORA DONA DO BAILE.

—UM CHAPÉU PARA VIAGEM.

ZEZITO FREIRE:

—DEPOIS DA TEMPESTADE.

ZITA DE ANDRADE LIMA:

—CONVERSAS NA NOITE GRANDE.

—PÁSSAROS EMBRIAGADOS.

ZORAIDE MARTINS:

—NÃO MAIS QUE UM CAPITÃO GENERAL.

ZUCA SARDAN: 

—BABYLON, MYSTÉRIOS DE ISHTAR.

ZUENIR VENTURA:

—1968, O ANO QUE NÃO TERMINOU.

—AMAPÁ, UM NORTE PARA O BRASIL.

—CHICO MENDES, CRIME E CASTIGO.

—CIDADE PARTIDA.

—CRÔNICAS DE UM FIM DE SÉCULO.

—MAL SECRETO, INVEJA.

—MINHAS HISTÓRIAS DOS OUTROS.

—O RIO DE J. CARLOS.

—VOZES DO GOLPE.

ZULMIRA RIBEIRO TAVARES:

—CORTEJO EM ABRIL.

—O JAPONÊS DOS OLHOS REDONDOS.

—O NOME DO BISPO.


39 SITES LITERÁRIOS PARA SE PESQUISAR MILHARES DE TEXTOS DE ESCRITORES VIRTUAIS.

 

1. A GARGANTA DA SERPENTE: http://www.gargantadaserpente.com

2. A MAGIA DA POESIA: http://www.fabiorocha.com.br

3. ACADEMIA VIRTUAL BRASILEIRA DE LETRAS: http://www.avbl.com.br/

4. ADVENTO CULTURAL:http://www.avanielmarinho.com.br/index2.asp

5. ALGUNS TEXTOS:http://paginas.terra.com.br/arte/ecandido/

6. AMIGOS DO LIVRO:http://www.amigosdolivro.com.br/index.php

7. ANDROSS EDITORA E EVENTOS EDUCACIONAIS: www.andross.com.br

8. ANJOS DE PRATA: http://www.anjosdeprata.com.br

9. ARTIGO DEFINIDO:http://www.artigodefinido.com.br

10. BLOCOS ONLINE:http://www.blocosonline.com.br/home/index.php

11. CÂMARA BRASILEIRA DE JOVENS ESCRITORES: www.camarabrasileira.com

12. CASA DA CULTURA: http://www.casadacultura.org/index.htm

13. CLUBE DOS ESCRITORES:http://www.clubedosescritores.cjb.net/

14. COMUNIDADE MAYTÊ: http://www.mayte.us/

15. CRÔNICO.ZZN.COM:http://www.cronico.vilabol.uol.com.br/

16. EDIÇÕES AG: www.giraldo.org

17. JORNAL DE POESIA: http://www.jornaldepoesia.jor.br

18. KPLUS: www.kplus.com.br

19. LITERATURA & ARTE CRONÓPIOS: www.cronopios.com.br

20. LITTERATU: http://www.litteratu.hpg.ig.com.br/

21. MÃO BRANCA:http://members.tripod.com.br/maobranca

22. MUNDO CULTURAL:http://www.mundocultural.com.br

23. NAVE DA PALAVRA: http://www.navedapalavra.com.br

24. O EMISSÁRIO:www.oemissario.com.br

25. OFICINA DE INFORMAÇÃO:http://www.alternex.com.br/~plima/

26. OLHAR LITERÁRIO: http://www.olharliterario.hpg.ig.com.br/principal.htm

27. PÁGINA DA BEATRIX:http://livrofagia.cjb.net/

28. PARAFRASEANDO:http://www.parafraseando.hpg.ig.com.br/

29. PATIFE: http://www.patife.art.br

30. PD-LITERATURA: http://www.pd-literatura.com.br

31. PREFÁCIO.NET:www.prefacio.net

32. PROTEXTO:http://www.protexto.com.br/texto_site.php?texto=4
33.
RECANTO DAS LETRAS: www.recantodasletras.com.br

34. TEMPLOXV:http://www.temploxv.pro.br/index.aspx

35. UM LUGAR AZUL:http://www.geocities.com/tampo_8/

36. UNIVERSO LITERÁRIO BRASILEIRO:http://www.universoliterario.cjb.net/

37. USINA DAS PALAVRAS:http://www.usinadaspalavras.com

38. USINA DE LETRAS: www.usinadeletras.com.br

39. VERDES TRIGOS: www.verdestrigos.org